Procure no JP

sábado, 15 de janeiro de 2022

Bragantino do Pará luta, mas está eliminado da Copinha

Texto e fotos: Fernando Martinez


Meu 27º e último jogo na primeira fase na Copa São Paulo de Futebol Júnior foi em Jundiaí, a 19ª sede que visitei em 2022, um recorde absoluto. Direto do sempre legal Estádio Jayme Cintra, o Grupo 18 começou a definir seus classificados com o duelo entre o genial Bragantino do Pará, o clube 735 da Lista, e o São Bernardo FC.

Acordei em Rio Claro, passei a manhã em Itapira e fui até Jundiaí na hora do almoço, uma canseira total. O tempo nublado, que foi a tônica de Palmas 0x3 Retrô, ganhou a companhia de um dilúvio que não parou um minuto sequer na Terra da Uva. A chuva foi tanta que desisti do restante da jornada, um assunto para depois.

Dos 19 times que me faltavam no começo da Copinha, o Gigante do Caeté foi o 16º que coloquei na Lista. Ficaram faltando apenas três. Nunca tinha visto tanta gente nova na competição. O Bragantino Clube do Pará foi fundado em 1975, virou profissional em 1993 e fez sua estreia na maior competição de base do país este ano. Sua vaga foi confirmada com o título do paraense sub-20 de 2019. Vale lembrar que não houve estadual em 2020 e a Federação Paraense de Futebol indicou os campeões de 2018 e 2019 como seus representantes.




As fotos oficiais debaixo de forte chuva em Jundiaí. O Bragantino foi o 16º time novo que vi na Copinha, um recorde

O Braga, o oitavo time do Pará a disputar a Copa, somou apenas um ponto nas duas primeiras rodadas e precisava vencer o Tigre se quisesse a classificação. Já o escrete preto e amarelo era o líder da chave com quatro pontos e jogava por um empate. Fui fazer as fotos posadas e pensava em ficar pelo menos um tempo em campo. Não deu. A chuva estava pesada e com pouco mais de dois minutos subi até a parte coberta.

Aliás, tirando os lugares da parte de baixo, o estado em que o setor coberto do Jayme Cintra se encontra é um absurdo. Cadeiras com tudo que é tipo de sujeira, um descaso absurdo de um clube do tamanho do Paulista. Levando em conta que nessa época sempre chove, o mínimo era deixar o lugar limpo. Uma vergonha.

Foi difícil achar uma cadeira limpa. Na raça encontrei uma e fiquei na paz assistindo uma peleja que foi razoável levando em conta o gramado pesado. Os dois tiveram seus momentos de destaque e, apesar disso, gol mesmo só na reta final. Em escanteio pela esquerda aos 44, Ruan cabeceou no canto e abriu a contagem a favor dos paulistas.

A chuva apertou, e logo no primeiro minuto do tempo final o Tigre resolveu a parada. A pelota foi levantada na área, a zaga afastou mal e Gabriel Moisés tocou para o fundo da rede. O Bragantino emplacou aquela blitz marota, mas o toque final não estava calibrado. Nesse cenário, o marcador não foi mais alterado.



Gol de Ruan e a comemoração pela abertura do marcador aos 44 do primeiro tempo






Imagens de Bragantino do Pará x São Bernardo FC, o jogo que fechou a cobertura monstra na primeira fase da Copinha

O placar de Bragantino/PA 0-2 São Bernardo FC classificou os paulistas na liderança da chave, Na próxima fase, olha só, vão enfrentar o IAPE do Maranhão, um dos três “inéditos” que não vi na fase inicial. Dei uma sorte enorme e apenas Andirá e Desportivo Aliança, ambos da chave de Lins, ficaram de fora.

Bom, na minha programação ainda tinha a partida de fundo em Jundiaí entre Paulista e Ceará e depois a rodada dupla que fechou a fase inicial de noite em Barueri. Como eu estava absurdamente cansado, desisti de tudo. Enquanto o Caio foi assistir parte do grupo de Santana do Parnaíba, eu e o Mário ficamos, debaixo de um temporal, esperando um Uber para nos levar até a rodoviária.

Ensopados, chegamos no terminal e cada um pegou seu caminho. Nem bem entrei no ônibus e apaguei, só acordando no terminal do Tietê. Foram 27 jogos, 16 cidades, 14 times novos e muitos quilômetros percorridos de carro, trem, ônibus, metrô e a pé. Uma insanidade que poucos fazem e cansa demais, mas que dá um orgulho enorme quando termina.

Dormi o sono dos justos e na quarta-feira descansei o dia inteiro antes de voltar à ativa na quinta, já com a segunda fase da Copinha em pauta. Ainda tem bastante coisa legal até o fim da Copinha.

Até lá!

_____________

Ficha Técnica: Bragantino/PA 0x2 São Bernardo FC

Em breve
_________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário