Procure no JP

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

São Caetano consegue sua primeira vitória no Grupo D da Copinha

Olá,

Continuando com a cobertura "in loco" de várias partidas válidas pela 40ª Copa São Paulo de Futebol Júnior, na última quarta-feira, viajei até a cidade de Indaiatuba com o objetivo de acompanhar a segunda rodada dupla do Grupo D que foi disputada no Estádio Ítalo Mário Limongi, também conhecido como "Gigante da Vila". A primeira partida colocou frente a frente os times do E.C. Primavera e da A.D. São Caetano, em mais um confronto entre times paulistas.

Cheguei ao meu destino com mais de uma hora de antecedência em relação ao horário de início da partida e, por conta disso, pretendia dar uma volta pela cidade, entretanto isso se tornou impossível, em razão do forte calor que não estimulava ninguém a sair caminhando. Dessa maneira, o jeito foi matar o tempo no próprio estádio, lendo um jornal sentado num banco localizado embaixo de uma salvadora árvore, me permitindo usufruir uma sombrinha providencial.

Como o tempo não para, o horário do jogo foi se aproximando e lá fui eu em direção ao gramado, debaixo de um sol escaldante, para fotografar as equipes e os árbitros que gentilmente posaram para as lentes do JP. As fotos estão abaixo:


E.C. Primavera (Sub-20) - Indaiatuba/SP. Foto: Orlando Lacanna.


A.D. São Caetano (Sub-20) - São Caetano do Sul/SP. Foto: Orlando Lacanna.


Trio de arbitragem acompanhado pelos capitães das equipes. Foto: Orlando Lacanna.

Apesar do forte calor, o público que foi ao estádio para prestigiar o time da sua cidade foi excelente. Dava para perceber o entusiasmo dos torcedores que estavam esperançosos que o Primavera pudesse conseguir a sua segunda vitória na competição e caminhar rumo à classificação.

A bola entrou em movimento e nos primeiros dez minutos, o que se viu foi muito equilíbrio com as equipes se estudando. Daí em diante, os times foram se soltando e as oportunidades foram surgindo, tanto que o time do ABC, quase abriu o placar aos 17 minutos, por intermédio de Willian em jogada pela esquerda. A resposta primaverina veio em seguida, numa cabeçada perigosa do ala Rhuan aos 19 minutos.


Luta intensa pela posse de bola. Foto: Orlando Lacanna.

Do vigésimo minuto em diante, o São Caetano passou a ter mais presença no gramado, mas sem ser contundente no campo de ataque. Por outro lado, o Primavera demonstrava dificuldades para penetrar no sistema defensivo do Azulão e, dessa maneira, tudo indicava que o primeiro tempo iria terminar sem abertura de contagem, entretanto, aos 42 minutos, para tristeza do grande público presente, o São Caetano abriu o placar num belo gol anotado por Willian que realizou excelente jogada no interior da área, após aproveitar rebote do goleiro Rafael Pitanga, levando para o intervalo a vantagem mínima a favor do time da Grande São Paulo.


Zagueiro primaverino tomando à frente do atacante do Azulão. Foto: Orlando Lacanna.


Mais um bololô na disputa de bola junto ao meio campo. Foto: Orlando Lacanna.

Aproveitei o intervalo para consumir alguns copos de água e passar muito protetor solar, gentilmente cedido pelo pessoal da ambulância que estava de plantão no estádio. Se eu não tivesse tido essa ajuda, estaria literalmente frito.

Bem, voltando ao jogo, nos primeiros dez minutos da segunda etapa, o time da casa mostrou mais disposição e foi forçando o ritmo visando tentar chegar ao empate que acabou não acontecendo. O São Caetano com muita calma e numa tarde inspirada, só ficou na espreita para golpear o adversário, esperando o momento certo de sair em rápido contra-ataque e, com essa estratégia, chegou ao seu segundo gol, aos 12 minutos, novamente através de Willian que penetrou livre pela esquerda e chutou cruzado, sem dar chance para o goleiro da casa.


Ataque do Primavera nos primeiros dez minutos de domínio. Foto: Orlando Lacanna.

A equipe do Primavera sentiu demais ter sofrido o segundo gol e acabou se perdendo na partida, tanto que dois minutos após, o Azulão marcou o seu terceiro gol, agora anotado por Ramon, que só escorou outro cruzamento vindo da esquerda.


Bola no fundo do balaio do Primavera no terceiro gol do Azulão. Foto: Orlando Lacanna.

O desacerto do Primavera foi tão acentuado que, três minutos depois, o mesmo Ramon perdeu um gol incrível, chutando por cima do travessão uma bola recebida no interior da pequena área. Com a vantagem de três gols, o São Caetano deu uma segurada, mas mesmo sem fazer muita força, chegou ao quarto gol, aos 35 minutos, através de Cézar em cobrança de pênalti.


Pênalti cobrado com perfeição no quarto gol do São Caetano. Foto: Orlando Lacanna.

Depois de ter marcado o quarto gol, o time azul assumiu uma postura mais cautelosa, só aguardando o final da partida, mas mesmo assim, acabou sofrendo um gol nos acréscimos, marcado pelo atacante Thiago aos 47 minutos.

Após o gol de honra do Primavera, não houve tempo para mais nada e o árbitro encerrou o jogo com o marcador mostrando Primavera 1 - 4 São Caetano que deixou as duas equipes com três pontos ganhos e mantendo as esperanças de ainda lutarem pela classificação na última rodada da primeira fase.

Partida encerrada e mais uma vez fui me posicionar para fazer as fotografias oficiais da partida de fundo, cuja história será relatada mais tarde. Foi isso.

Abraços,

Orlando

Nenhum comentário:

Postar um comentário