Procure no JP

quinta-feira, 18 de janeiro de 2007

A surpresa pernambucana avança na Copinha

Opa,

Seguindo com os jogos do primeiro dia da Segunda Fase da Copa São Paulo 2007, depois do clássico entre Atlético/MG e Goiás, eu e o Seu Natal rumamos até a cidade de Guarulhos. Em primeiro momento o Seu Natal duvidou da qualidade do "novo" trajeto que o JOGOS PERDIDOS faz até o Estádio Antônio Soares de Oliveira. Mas quando viu que economizamos 20 minutos e uns 10 quilômetros, ele finalmente deu o braço a torcer...

Chegamos cedinho e ainda deu tempo para bater uma xepa na porta do estádio. E com o tempo sobrando, foi tranquilo para conseguir também a famosa autorização para a entrada no campo para as fotos dos times posados. Afinal de contas, não é toda hora que vemos um jogo entre Guarani e Porto de Caruaru por lá. E pela segunda vez no dia, tirei fotos EXCLUSIVAS das equipes e do trio de arbitragem.


CA do Porto (sub-19) - Caruaru/PE. Foto: Fernando Martinez.


Guarani FC (sub-19) - Campinas/SP. Foto: Fernando Martinez.


Quarteto de arbitragem da partida entre Porto e Guarani. Foto: Fernando Martinez.

Depois de voltar para as arquibancadas e encontrar o JR (ex-Jandir) batendo uma função novamente e o David, devidamente vestido para o calor, curtimos de camarote uma bela partida. O Porto começou bem no jogo, e mostrou um futebol de qualidade, com a moral de ter eliminado o Palmeiras da Copinha.


Defesa do Guarani tenta cortar um ataque do Porto de Caruaru. Foto: Fernando Martinez.

O time pernambucano jogava bem e criava as melhores chances, e deixava o Guarani espremido no seu campo de defesa. Com jogadores rápidos e ligeiros, o Porto sufocou o Bugre e só não abriu o marcador, pois pecava nas finalizações.


Escanteio perigoso para os pernambucanos que levou bastante perigo ao gol do Guarani. Foto: Fernando Martinez.

O Guarani ainda tentava alguma coisa em contra-ataques ou chances esparsas, mas nada com maior perigo. Para a sorte dos bugrinos, o jogo foi para o intervalo sem a abertura de contagem. No intervalo, aproveitamos para reforçar a alimentação com algumas coxinhas e bolinhos de carne, além do tradicional X-Burguer. Perto dos estádios por aí, os salgados de Guarulhos garantiram o primeiro "Selo JP de qualidade" de 2007. Quem estiver no estádio, pode curtir tranqüilo.


Ainda no primeiro tempo, mais uma chance perdida pelo time de Pernambuco. Foto: Fernando Martinez.

No segundo tempo, pelo menos nos quinze primeiros minutos, o panorama mudou completamente. O Guarani voltou com o domínio territorial e mandando na partida. O Porto bateu cabeça nesse tempo e viu o Buge criar chances perigosíssimas para abrir o marcador. O goleiro Rafael, do Porto, fez algumas defesas importantes.

Mas como no futebol muitas coisas não tem explicação, justamente quando o Guarani era o senhor da partida, quem acabou marcando foi o Porto. E foi um verdadeiro golaço. Aos 16 minutos, o camisa 7 Rômulo chutou de fora da área e colocou a bola no ângulo direito do goleiro do Guarani. Porto 1 a 0.


O jogo rolando e o Seu Natal e o David mais preocupados em curtir uma cervejinha. Pena que o Seu Natal tenha se decepcionado com a geladeira vazia... Ô tristeza!. Fotos: Fernando Martinez.

Mesmo com o gol, o Guarani continuou criando algumas chances, mas sem o ímpeto inicial. O Porto, mais solto no jogo, passou a levar perigo também, e com isso o jogo ficou cheio de alternativas, e totalmente aberto, deixando a certeza que o placar ainda seria alterado.

E quem acabou marcando foi novamente o Porto. Aos 27 minutos, após um cruzamento preciso pela esquerda, o jogador Pierre subiu e de cabeça fez o segundo gol do jogo, e segundo gol dos pernambucanos. Porto 2 a 0.


Lance do segundo gol do time pernambucano, com o jogador Pierre subindo sozinho. Foto: Fernando Martinez.

Logo após o gol do Porto, o Guarani finalmente conseguiu a marcação do seu gol. Aos 28 minutos, em jogada rápida pela direita, o jogador Assunção chutou cruzado e fez o primeiro dos bugrinos. Depois do gol, a partida ficou ainda mais aberta, com chances para os dois lados.


Escanteio para o Porto, no segundo tempo de partida. Foto: Fernando Martinez.

Mas até o final do jogo, mesmo com uma super pressão do Guarani, o resultado não foi mais alterado. Final de partida: Porto/PE 2-1 Guarani. Mais uma etapa transposta da surpresa da Copinha até aqui, o Porto confirma que tem um belo futebol e que não é apenas mais uma promessa. Já ao Guarani, fica a certeza que o time precisa de muito mais nesse ano difícil que terá pela frente.

Bom, e voltando de Guarulhos, o pessoal do JP se despediu e eu fui seguir sozinho até minha terceira parada do dia.

Até o próximo post

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário