Procure no JP

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Sereias da Vila goleiam e seguem no Paulista Feminino

Olá,

Depois de um fim de semana fora dos gramados, no último sábado, retornei às atividades futebolísticas, acompanhando duas partidas na mesma cidade, envolvendo duas competições distintas. Logo pela manhã, desci a Serra do Mar com destino à cidade de Santos, com o objetivo de conferir uma importante partida válida pelo Campeonato Paulista de Futebol Feminino. O jogo em questão foi Santos F.C. x A.D. Centro Olímpico, que valeu pela 6ª (última) rodada da segunda fase, realizada no Estádio Urbano Caldeira, mundialmente conhecido como Vila Belmiro.

Esse jogo reuniu uma equipe já classificada matematicamente para a terceira fase (Centro Olímpico), contra uma (Santos) que ainda precisava do resultado para carimbar o passaporte para seguir na competição. O time visitante entrou em campo na liderança do grupo com 12 pontos, enquanto as "Sereias da Vila" vinham logo em seguida com 9 pontos. As meninas do alvinegro praiano não poderiam bobear, pois o Rio Preto (outro postulante à vaga) iria jogar em casa contra o desclassificado ADB de Botucatu, com todas as chances de vitória. Portanto, o negócio do Santos era vencer e não depender do outro resultado.

Saí de São Paulo bem cedo, porém dessa vez a viagem não foi tranquila, pois além da enorme quantidade de veículos que estava descendo, o ônibus que eu viajava se envolveu num acidente quase no fim da serra. Felizmente ninguém se feriu, porém a batida fez com que todos os passageiros fossem obrigados a esperar outros ônibus para seguirem viagem até o destino final.

Por conta do imprevisto, cheguei à Vila em cima da pinta, mas, mesmo assim, consegui fotografar os dois times e o trio de arbitragem. As fotos estão abaixo:


Santos F.C. (Feminino) - Santos/SP. Foto: Orlando Lacanna.


A.D. Centro Olímpico (Feminino) - São Paulo/SP. Foto: Orlando Lacanna.


Trio de arbitragem composto por Regildenia de Holanda Moura e seus assistentes Marco Antônio de Andrade Motta Júnior e Maurício Helder Luiz Alexandrino ao lado das duas capitãs. Foto: Orlando Lacanna.

A bola começou a rolar e as meninas do Santos foram pra cima, tendo criado o primeiro momento de perigo, logo aos 2 minutos, quando a atacante Karem, invadiu pela meia esquerda e tocou para o gol, com a bola saindo rente ao poste direito da meta defendida por Monique. O Centro Olímpico não conseguia ultrapassar a linha divisória, uma vez que o Santos marcava em cima e, com isso, a bola ía e voltava para o campo de ataque santista.


Atleta do Centro Olímpico tentando sair e cercada por três "sereias". Foto: Orlando Lacanna.

O domínio santista era total, sendo que na marca dos 8 minutos, Giovanna desperdiçou uma chance de ouro, chutando por cima, uma bola que veio do travessão, depois de uma cabeçada de Gabi. Não demorou muito e, aos 14 minutos, finalmente o Santos abriu a contagem, através da ótima atacante Giovanna, numa jogada que começou numa arrancada fulminante da lateral Raquel.


Camisa 17 Giovanna anotando o primeiro gol santista. Foto: Orlando Lacanna.

O Santos abriu a contagem e manteve a postura ofensiva, pois uma vitória por diferença mínima de 4 gols, daria a liderança do grupo e, dessa forma, entraria com vantagem na semifinal. Aos 18 minutos, outra boa chance de aumentar o placar, porém a cabeçada de Ester foi perigosa, mas não teve o endereço certo. Só dava o Santos em campo.


Boa chance desperdiçada pelo Santos ainda no início do primeiro tempo. Foto: Orlando Lacanna.

A marcação do segundo gol santista era uma questão de tempo e, na marca dos 28 minutos, acabou acontecendo, num passe magistral de Giovanna para Rafinha, que com um toque sutil, mandou a bola para o fundo da rede paulistana, aumentando a vantagem praiana.


Camisa 4 Rafinha anotando o segundo gol santista. Foto: Orlando Lacanna.

Somente aos 38 minutos, o time de São Paulo chegou com perigo ao campo de ataque, numa jogada que começou pelo lado esquerdo, culminando num cruzamento rasteiro em direção a Luana, mas a goleira Andréia se antecipou e acabou coma a festa. Aos 44 minutos, Zinha, do Centro Olímpico, chutou cruzado, porém sem direção. Dessa forma, a primeira etapa terminou com o placar de 2 x 0 a favor das "Sereias da Vila", que sobraram em campo nos 45 minutos iniciais.

Após o intervalo que passei conversando com os amigos da Rede Vida, a bola voltou a rolar e o Centro Olímpico até que tentou ir pra cima nos primeiros minutos, porém o Santos recuperou o domínio rapidamente, tendo obrigado a goleira Monique a praticar duas ótimas defesas, desviando arremates de meia distância, sendo o primeiro desferido pela camisa 90 Érika e o segundo por Gabi.

A tônica do jogo continuava como a do primeiro tempo, ou seja, o Santos jogava ofensivamente e o Centro Olímpico tentava neutralizar as jogadas de ataque. Aos 15 minutos, o time praiano aumentou a diferença, tendo marcado o seu terceiro gol, através da camisa 25 Estergiane que, de cabeça, aproveitou cruzamento vindo da direita em cobrança de escanteio executada por Rafinha. Nessa jogada, a goleira Monique saiu, mas não achou nada.


Goleira Monique saindo e não conseguindo cortar o cruzamento de Rafinha. Foto: Orlando Lacanna.


Agora a bola estufando a rede, após cabeçada de Estergiane. Foto: Orlando Lacanna.

A torcida santista ainda comemorava o terceiro gol, quando dois minutos depois, a atacante Giovanna aumentou a alegria da galera peixeira, ao anotar o quarto gol, aproveitando um vacilo geral da defesa do time vermelho.


Giovanna (encoberta) preparando arremate que resultou no 4º gol santista. Foto: Orlando Lacanna.

Ao marcar o quarto gol, o Santos alcançava o resultado que precisava para assumir a liderança do grupo e entrar na semifinal com vantagem. Mesmo assim, e com as substituições feitas pelo técnico Gustavo Feliciano, o time praiano estava mais próximo de aumentar a vantagem, do que as visitantes diminuírem a diferença. Aos 44 minutos, a camisa 39 Paula, marcou o quinto tento santista.

Final de partida com o placar eletrônico da Vila mais famosa do mundo indicando Santos 5 - 0 Centro Olímpico, resultado que colocou as "Sereias da Vila" na liderança do grupo e classificadas para a semifinal, quando enfrentarão a Francana, jogando por dois resultados iguais. A outra semifinal reunirá São José x Centro Olímpico. Essa fase promete ser sensacional.

Jogo encerrado e sem pressa fui almoçar numa bela lanchonete em Santos mesmo, uma vez que permaneci na cidade, pois o JP se faria presente em mais uma partida, agora pelo Sub-20 da Segunda Divisão, mas isso é papo para mais tarde. Foi isso.

Abraços,

Orlando

Nenhum comentário:

Postar um comentário