Procure no JP

segunda-feira, 8 de maio de 2006

Paulista Série A2: Palmeiras B 0-1 Sertãozinho

Opa,

Depois de curtir o joguinho pela manhã, foi a vez de partirmos para a rodada da tarde do sábado. A pedida da vez foi curtir o jogo entre Palmeiras B e Sertãozinho, no Palestra Itália, valendo pela Segunda Fase do Campeonato Paulista da Série A2. Aproveitando o tempo farto até o início da partida, eu e o Emerson colamos no McDonald's que fica na Av. Matarazzo para fazermos aquele almoço saudável e sempre interessante. Muitos Nuggets e vários minutos na internet depois, fomos à bilheteria para comprar os ingressos do jogo.

Aí mais uma vez a tradicional mutreta do Palestra Itália nos jogos do Palmeiras B apareceu. No mural informativo que fica acima das bilheterias, havia a informação de que não havia mais ingressos de arquibancada disponíveis. E com isso teríamos que gastar ridículos e absurdos 20 reais para ver um jogo da Série A2 (!!!).


Detalhe do informativo com a informação que não haveria ingressos de arquibancada para a torcida palmeirense. Notem que a parte aonde mostra os ingressos de arquibancada foi tapada com folhas de sulfite pessimamente coladas para que ninguém percebesse o golpe. Foto: Fernando Martinez.

Quando fomos perguntar ao famoso bilheteiro do Palestra (aquele que já foi descrito aqui algumas vezes como "extremamente simpático", "prestativo" e com "imensa boa-vontade") ele nos informou que a torcida do Sertãozinho tinha comprado TODOS os ingressos de arquibancada, num total de 1000 (!), e que não havia mais nenhum á disposição no estádio. É, ele teve o dom de falar que os torcedores do interior compraram 1000 ingressos. Lógico que não acreditamos e o questionamos a respeito, mas com sua tradicional simpatia, se limitava a nos olhar com sua cara feliz e dizendo apenas monossílabas.

Tivemos que entrar mesmo assim, já que não voltaria pra casa naquele esquema. Pagando nossos ingressos de numerada, fomos procurar o ouvidor do estádio, mas o que aconteceu foi só andarmos à toa pelas arquibancadas do Palestra. Depois pudemos ver o tamanho da torcida do Sertãozinho. Com muito boa-vontade contamos 75 pessoas no espaço destinado a eles (entre eles o glorioso David). Decidimos aguardar e verificar o que sairia publicado no borderô oficial, no site da FPF nessa segunda-feira. O borderô oficial aparece abaixo:


Detalhe do borderô oficial da partida. Não havia 1000 ingressos para a torcida do Sertãozinho, e muito menos eles acabaram, já que 11 meias-entradas e 9 inteiros foram devolvidos. Ou seja, uma mentira deslavada do simpático bilheteiro. Reprodução: Site oficial da FPF.

Não queremos acreditar que haja desonestidade entre os bilheteiros ou quem quer que seja, mas mais uma vez vemos um absurdo nos jogos do Palmeiras B. Ele ao menos podia ter informado que haviam ingressos disponíveis na torcida do Sertãozinho, já que para nós o que vale é ver o jogo, e não ficar em determinados locais. Da primeira vez que isso aconteceu (quando ele não quis me vender uma meia-entrada, mesmo eu tendo minha carteirinha de estudante de forma normal) o ouvidor da FPF me respondeu, dois meses depois, algo óbvio e que não me ajudou em nada. Vamos mandar isso mais uma vez pra lá, sabendo que não vai dar em nada de novo, mas só por desencargo.


Ataque perigoso do Sertãozinho na primeira etapa. O time foi muito afoito e perdeu muitas chances de ampliar o placar. Foto: Fernando Martinez.

Mais uma vez o post do jogo fica comprometido né? Culpa desses esquemas mutretas. E o esquema também complicou a vida do Mílton, Jurandyr e do Seu Natal, que chegaram depois de nós. Mas falando da partida, pudemos notar que o Palmeiras B não é nem sombra daquele time ótimo da primeira fase. O Sertãozinho dominou a partida por todo o primeiro tempo. O time do interior marcou seu gol aos 17 minutos, numa boa cobrança de falta do jogador Fabiano Souza, e que levou o David vibrar muito no meio dos seus amigos de Sertãozinho. O time ainda contou com muita sorte, pois nessa primeira etapa o time verde conseguiu acertar três bolas no travessão da equipe grená. E o jogo foi para o intervalo em 1 a 0 para o Touro.


Detalhe do gol do time do Sertãozinho, em certeira cobrança de falta. Foto: Fernando Martinez.


No meio dos torcedores do Sertãozinho, um perdido David (no círculo) estava mais preocupado em ver o que rolava no prédio atrás do Palestra do que na modorrenta partida no segundo tempo. Foto: Fernando Martinez.

O segundo tempo foi beeem fraquinho. Nada de muito emocionante aconteceu, e as equipes se limitaram a trocar alguns passes no meio de campo e perder poucas chances de gol. A etapa valeu para trocarmos algumas figurinhas da Copa 2006 e a maior emoção foi acompanhar o que o David fazia do outro lado do estádio.


No segundo tempo, a partida perdeu muito da emoção e foi se arrastando até o final. Foto: Fernando Martinez.

Final de jogo: Palmeiras B 0-1 Sertãozinho. O time do interior está mais vivo do que nunca na briga para subir à A1 em 2007. Já o Palmeiras B aguarda o final da fase sem muitas pretensões...

O resto do sábado foi de morgação geral, com muito filme e pipoca. No domingo de manhã, voltei à acordar cedo para mais uma partida, mas isso fica para depois.

Até

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário