Procure no JP

terça-feira, 2 de maio de 2006

Paulista Segunda Divisão: Amparo 2-1 Itapirense

Olá,

Depois de ter acompanhado um jogaço no sábado, no domingo bem cedinho, voltei a botar o pé na estrada, numa viagem muito bonita no aspecto visual, pois o caminho até a cidade de Amparo é lindo, quase todo cercado de montanhas, com algumas semi-encobertas pela neblina da manhã. Foi um trajeto realmente prazeroso, apesar do excesso de curvas da estrada. Voltando ao futebol, ao chegar em Amparo, fui até o Estádio José de Araújo Cintra e acompanhei ao bom jogo Amparo 2 - 1 Itapirense válido pela quarta rodada da primeira fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão.

Quando cheguei ao estádio, notei várias pessoas trajando uniforme da comissão técnica do Amparo tais como: supervisor, técnico, preparador físico, preparador de goleiro, fisioterapeuta, etc. Isso indicava uma estrutura incomum para um time de segunda divisão, e fui procurar saber detalhes sobre essa super estrutura do Leão da Camanducaia, e soube que o Amparo firmou parceria com o ex-zagueiro Oscar que jogou na Ponte Preta, São Paulo e Seleção Brasileira. O ex-jogador, que além de deter os direitos de todos os atletas, mantém CT e alojamento de muito bom padrão na cidade mineira de Monte Sião, onde todos os atletas residem e treinam. Portanto, a cidade e o clube de Amparo, são utilizados apenas para os jogos. Antes de falar da partida, vamos as fotos oficiais:


Amparo A.C. - Amparo / SP. Foto: Orlando Lacanna.


S. E. Itapirense - Itapira / SP. Foto: Orlando Lacanna.


Trio de arbitragem e capitães. Foto: Orlando Lacanna.

Vamos então ao jogo, cujo primeiro tempo começou com o Amparo impondo um ritmo muito veloz, com a Itapirense tentando cadenciar mais a partida. O time local tinha mais posse de bola, mas errava muitos passes, não criando jogadas perigosas. O time visitante, aos poucos foi equilibrando as ações, tocando a bola com calma e explorando sua ala esquerda.

Aos 29 minutos, a SEI abriu a contagem por intermédio de Ricardinho que invadiu a área pela esquerda e mandou um tirambaço no canto superior esquerdo do goleiro, sem nenhuma chance de defesa. Com esse gol, o Amparo se perdeu no lado emocional, até porque a média de idade do time é de apenas 18 anos, e a Itapirense passou a dominar totalmente a partida, chegando com facilidade à área adversária, mas não conseguiu liquidar a fatura, deixando tudo em aberto para a etapa final.


Falta perigosa para o Amparo, com boa defesa do goleiro do Itapirense. Foto: Orlando Lacanna.

Na segunda etapa, o panorama do jogo mudou totalmente, com o time alvinegro chegando logo ao empate, aos 7 minutos, através do zagueiro Guilherme, que desviou de cabeça, cruzamento da direita em cobrança de falta. Inexplicavelmente, a Itapirense parecia presa no gramado, perdendo todas as disputas de bola com a "molecadinha" do Oscar e com isso, foi cedendo terreno ao adversário, que logo aos 14 minutos, conseguiu a virada, com um gol contra do zagueiro Leonardo, que foi infeliz ao tentar interceptar cruzamento vindo da esquerda. A partir daí, o jogo ficou nas mãos do Amparo que não conseguiu ampliar a vantagem por precipitação dos seus atacantes.


Gol do Amparo empatando a partida. Foto: Orlando Lacanna.


Amparo vira a partida com gol contra da Esportiva Itapirense. Foto: Orlando Lacanna.

Nos últimos 10 minutos, a Itapirense despertou no jogo e aí foi uma doideira só, com o time da casa se segurando na defesa e chutando para qualquer lado. A partida ficou emocionante, mas não teve seu resultado alterado. Destaques individuais para Guilherme, Anderson, João Paulo e José Carlos pelo lado do Amparo e, pelo lado da Itapirense, Alex e Ricardinho.

Ao apito final do árbitro ficou a certeza de eu ter tido a sorte de acompanhar a mais uma bela partida e, começar a viagem de retorno pela estrada das montanhas. Valeu muito ter ido até Amparo, não apenas pelo futebol como também pelas belíssimas paisagens. Até o próximo fim-de-semana e, se tudo der certo, será um dos especiais do ano. Até lá.

Abraços,

Orlando

Nenhum comentário:

Postar um comentário