Procure no JP

quinta-feira, 8 de março de 2007

Mais uma partida da saga rubro-verde na A2

Fala povo!

Fechando a rodada dupla da última quarta-feira, à noite fomos curtir um jogo do Campeonato Paulista da Série A2. Eu, o Jurandyr e o Mílton fomos ao Canindé para ver mais uma partida da saga da Portuguesa na segunda divisão de São Paulo. O jogo foi contra o Palmeiras B, numa espécie de mini-clássico desse campeonato.

Pena que apenas 778 torcedores pagaram ingresso para ver a partida. Pode não ser o único motivo, mas parte por causa do ingresso a 20 reais. Já falamos disso por aqui, mas é realmente um absurdo pagar 20 pilas para ver um jogo da A2. Isso que até em jogos da Libertadores temos ingressos mais baratos. E para piorar, pagar 4 reais (!!!) num simples refrigerante é caso de prisão por roubo. Assim não dá.


O goleiro Tiago, da Portuguesa, se encaminha para uma cobrança de falta no primeiro tempo. Foto: Fernando Martinez.

Bom, falando do jogo, a Portuguesa era ampla favorita e começou a partida massacrando o time B do verde, mas nenhuma das chances se converteu em gol. Com amplo domínio e sem deixar o Palmeiras B passar no meio-de-campo, a Lusa foi irritando seus torcedores a cada gol perdido. Num deles, o atacante Rivaldo conseguiu a proeza de concluir um lance sem goleiro na trave. E nessa toada o jogo foi para o intervalo sem a abertura do placar.


Ataque perigoso da Lusa na primeira etapa, aonde o time não abriu o placar. Foto: Fernando Martinez.

Mas na volta do intervalo a Lusa voltou com tudo, e logo aos 4 minutos abriu o placar. Em cobrança de escanteio da esquerda, o zagueiro Marco Aurélio subiu completamente sozinho e marcou o primeiro do rubro-verde. O gol veio seguido com mais chances para a Lusa, mas novamente o time esbarrou em muito desperdício de oportunidades.


O zagueiro Marco Aurélio sobe sozinho, e aos cinco minutos abre o placar da partida para a Portuguesa. Foto: Fernando Martinez.

O segundo gol finalmente veio aos 22 minutos, num grande lance do meia Preto. Num pênalti que virou cobrança de falta, a bola foi chutada no meio da área, de costas para o gol e com muita consciência o jogador deu um toque magistral de letra que encontrou o canto direito do gol palmeirense. Lusa 2 a 0 e festa no Canindé.


Num lance que não foi marcado pênalti, em cobrança de falta na área, com extrema classe o camisa da Lusa, Preto, dá de letra e marca o segundo gol rubro-verde. Foto: Fernando Martinez.

Mas até o fim do jogo o placar não foi mais alterado, mesmo com o grande domínio lusitano. O placar final de Portuguesa 2-0 Palmeiras B não mostrou o domínio amplo dos anfitriões na partida. Agora o time tem seis pontos de vantagem sobre o União São João, segundo colocado. O Palmeiras B, que tem um dos piores times que já vi, fica em 12º lugar a apenas dois pontos fora da zona de rebaixamento.

Depois do jogo, o resto da noite foi tranquila, mesmo com o calor em São Paulo. E já estamos pensando nesse final-de-semana, quando teremos alguns jogos legais por aqui!

Até mais

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário