Procure no JP

segunda-feira, 12 de março de 2007

Briga de Leões em Ribeirão Preto pela A2

Olá,

Retomando o esquema de viagens mais longas pelo interior paulista, no último final de semana, acompanhei três jogos válidos pelos campeonatos de acesso promovidos pela FPF. Comecei no sábado à tarde, indo até a belíssima cidade de Ribeirão Preto, no Estádio Dr. Francisco Palma Travassos e conferi ao bom jogo Comercial FC x Mirassol FC que valeu pela décima quarta rodada da primeira fase do Campeonato Paulista Série A2.

Essa partida reuniu as duas equipes que mais empataram durante a competição, pois cada uma delas teve sete empates em treze jogos. O Mirassol estava no grupo que luta pelas vagas à segunda fase na 7ª colocação e o Comercial na luta contra o rebaixamento na 17ª posição. Para não perder o costume, começo apresentando as equipes, o quarteto de arbitragem e, nesse jogo em especial, o grupo de gandulas formado por estudantes nas fotos EXCLUSIVAS abaixo:


Comercial FC - Ribeirão Preto/SP. Foto: Orlando Lacanna.


Mirassol FC - Mirassol/SP. Foto: Orlando Lacanna.


Quarteto de arbitragem: o árbitro Cássio Zancopé, os auxiliares Marinaldo Silvério e Kléber Nunes e o quarto árbitro Thiago Egídio. Foto: Orlando Lacanna.


As belas gandulas universitárias do jogo entre Comercial e Mirassol. Foto: Orlando Lacanna.

Antes de falar do jogo, registro os agradecimentos feitos pelo pessoal da Rádio Difusora de Mirassol, em nome dos torcedores da cidade, pela matéria gravada com o JOGOS PERDIDOS durante os jogo contra o Nacional e exibida pela RedeTV! Informaram que a repercussão em Mirassol foi muito grande e que os torcedores locais ficaram orgulhosos pela divulgação do seu time.


Jogada disputada na linha de fundo. Foto: Orlando Lacanna.

Falando de bola rolando, vi no primeiro tempo um bom jogo de futebol, com as duas equipes se empenhando a fundo em busca dos três pontos. Foi uma etapa equilibrada, com um ligeiro predomínio do time da casa, com alguns lances mais agudos criados pelas duas equipes. Mesmo com essa panorâmica, o jogo foi para o intervalo empatado em 0 a 0.


Visão geral do jogo entre Comercial e Mirassol. Foto: Orlando Lacanna.

No segundo tempo, com tem sido uma rotina, o time do Mirassol voltou com outra camisa, substituindo a verde pela amarela. Segundo dizem, não se trata de superstição e sim de uma estratégia do técnico Luiz Carlos Martins que visa confundir o adversário. Verdade ou não o fato é que o Mirassol não rendeu o mesmo futebol nessa etapa, pois nos últimos 30 minutos sofreu um verdadeiro sufoco do Bafo que criou várias chances de gol.


Ataque perigoso do Comercial ainda no primeiro tempo de jogo. Foto: Orlando Lacanna.

As oportunidades acabavam sendo desperdiçadas por erros de conclusão e também pela excelente atuação do goleiro Renê, mas como "água mole em pedra dura tanto bate até que fura", o Leão do Norte acabou marcando o seu gol aos 33 minutos através de Goiano num chute rasante que entrou no canto baixo direito. Daí em diante, quem esperava que o Comercial fosse recuar e só administrar o resultado se enganou, pois o alvinegro continuou insistindo no ataque até o final da partida.


Mais um lance de perigo do Bafo, agora no segundo tempo de partida. Foto: Orlando Lacanna.

Final de jogo com o resultado de Comercial 1 - 0 Mirassol que mostrou que o time de Ribeirão Preto poderá se recuperar na competição e, reascendeu as esperanças de classificação aos seus torcedores que aplaudiram em pé os atletas locais. Quanto ao Mirassol, que é um bom time pode se recuperar dessa derrota e continuar na luta pela classificação à segunda fase.

Ao término do jogo, retornei ao hotel para recuperar as energias e me preparar para a rodada dupla do dia seguinte, mais isso fica para o próximo post.

Abraços,

Orlando

Nenhum comentário:

Postar um comentário