Procure no JP

terça-feira, 2 de setembro de 2008

JP no Juve-nal feminino na Rua Javari

Fala pessoal!

Como vocês viram, depois da viagem até Atibaia no domingo cedo, eu e o David voltamos para São Paulo no táxi do seu Natal (que preferiu ir dormir do que ver a sessão vespertina do JP) e já rumamos para mais um joguinho de futebol. E mais uma vez temos o prazer de apresentar um jogo do Campeonato Paulista Feminino 2008, entre Juventus e Nacional na Rua Javari. Já tivemos a cobertura de vários "Juve-Nal" por aqui, mas do feminino é a primeira vez.


As meninas do time do Juventus se aquecendo antes da partida e o David aproveitando a deixa e tentando também entrar em forma. Fotos: Fernando Martinez.

Chegamos cedo, a tempo de conversar com todo o pessoal lá e de ver que os times estão muito bem em relação a algumas jogadoras. Elas fazem bonito no campo e fora dele também, com muita beleza e simpatia. Bom, reflexões à parte, seguem agora as fotos oficiais do jogo, de forma exclusiva por aqui:


CA Juventus (feminino) - São Paulo/SP. Foto: Fernando Martinez.


Nacional AC (feminino) - São Paulo/SP. Foto: Fernando Martinez.


Trio de arbitragem da partida com as capitãs das equipes. Foto: Fernando Martinez.

A partida era decisiva para as duas equipes. A vitória era essencial, que mesmo ganhando ainda dependeriam de outros resultados para a vaga na segunda fase do campeonato. Mas como a esperança é a última que morre, então um bom futebol era esperado no gramado. E o time grená começou melhor, criando boas chances de abrir o marcador, só que sempre pecando no último toque.


Goleira do Nacional sai do gol para evitar a chegada da atacante grená. Foto: Fernando Martinez.

Aos poucos o Nacional, melhor colocado na tabela, passou a entrar no jogo e criar também boas chances. Mas como o time grená desperdiçava suas investidas, o placar estava longe de ser aberto. Enquanto isso, eu e o David conversávamos sobre a vida nas tribunas da Javari. O sono rondava, mas até ali ainda agüentava firme e forte sem ceder... E nessa levada o jogo foi para o intervalo sem a abertura do placar.


Escanteio para o Juventus logo no começo da partida. Foto: Fernando Martinez.


Cruzamento para a área grená em lance de grande perigo para o Nacional. Foto: Fernando Martinez.

No intervalo a conversa continuou e muitos cronogramas para novos jogos foram discutidos. Tem muita coisa boa ainda rolando em São Paulo e nas redondezas, e com certeza algo aparecerá aqui no JP. E já pescando, vi as equipes voltarem para a segunda etapa. Esperávamos que o jogo melhorasse um pouco, mas infelizmente não vimos isso em campo. Muita luta, muita raça sim, mas as chances foram escassas nesse começo de segundo tempo.


Mais um lance de perigo para o Nacional. Foto: Fernando Martinez.

Tanto que não agüentei e cedi ao sono. Dos 10 aos 25 minutos bati uma soneca fantástica nas tribunas enquanto o David continuava curtindo a partida. Só fui acordar de verdade com uma bola que passou raspando o que vos escreve e fez um barulhão. Aí, já recomposto, voltei a acompanhar o jogo. Mas ele nem estava tão ruim, o sono que é implacável mesmo.

Durante o restante do segundo tempo, o panorama não foi alterado e o gol passou longe da Javari. Final de partida: Juventus 0-0 Nacional. Os dois times foram eliminados com esse placar, morrendo abraçados no grupo 2. Agora São José e Kurdana disputam a última vaga desse grupo, que já tem Santos, Corinthians e São Bernardo FC classificados.


Nosso garoto-propaganda David "George Michael" Libeskind mostrando as maravilhas do banheiro da Javari. Torneira funcionando, sabonete, papel para enxugar as mãos e até papel higiênico... o melhor banheiro da capital paulista! Fotos: Fernando Martinez.

Após o jogo fui lavar o rosto no banheiro da Javari e constatei que é o melhor banheiro de estádio em São Paulo. Isso é fato, banheiro equipado com os itens que descrevi nas fotos acima não existe em terras paulistanas não. em que poderia ser modelo para os outros estádios né?

Bom, saindo da Javari voltei correndo para o Pari para mais um jogo no dia. Nada perdido, mas muito interessante de se ver...

Até lá

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário