Procure no JP

domingo, 28 de setembro de 2008

Corinthians ganha do Juventus pelo sub-15 com quebra-pau

Fala pessoal!

Os posts do último final de semana aqui do JP começaram cedo, comigo caindo da cama no sábado de manhã para acompanhar uma rodada dupla de dois campeonatos de base que já fazia tempo que não pintavam por aqui. Com a ajuda do transporte público da cidade, segui até a histórica Rua Javari primeiro para um jogo do Campeonato Paulista sub-15. O jogo era um clássico paulistano entre Juventus e Corinthians, e a rivalidade estava presente desde o começo.

Cheguei em cima da pinta para as fotos oficiais do jogo, que seguem agora para os amigos do JOGOS PERDIDOS. Ah, e a foto do Corinthians é exclusiva.


CA Juventus (sub-15) - São Paulo/SP. Foto: Fernando Martinez.


SC Corinthians P (sub-15) - São Paulo/SP. Foto: Fernando Martinez.


O árbitro, os auxiliares e capitães dos times posam de forma exclusiva para o JP. Foto: Fernando Martinez.

O jogo era decisivo para o time grená, pois caso perdesse estaria eliminado do campeonato. Para o Corinthians, um empate bastava para garantir a vaga para a terceira fase da competição. E o jogo prometia bastante já que no primeiro turno aconteceram problemas no jogo no CT de Itaquera. Cabeça quente no gramado.

Já sentindo que o bicho ia pegar, fui me instalar nas tribunas para imprensa na Javari. De lá vi que o jogo foi pegado demais durante o primeiro tempo. Mas algo me dizia que a partida não acabaria bem, pois os jogadores, mesmo sendo uma categoria sub-15, estavam estressados demais, se preocupando mais em intimidar o adversário do que jogar bola.


Logo no começo do jogo o Juventus até tentou atacar, mas não teve sucesso. Foto: Fernando Martinez.

Muita discussão entre os bancos de reservas e bate-boca nas arquibancadas deixavam o clima ainda mais quente. A impressão que tive, foi a de que o Juventus entrou em campo mais preocupado em ganhar o jogo na paulada do que no futebol. Tanto que ao final da partida quatro dos seus jogadores foram substituídos em solicitação da arbitragem. Em tempo, no sub-15 não há distribuição de cartões.

Durante o primeiro tempo só vimos mesmo um jogo truncado com os jogadores mostrando os dentes. O placar óbvio? zero a zero, com poucas chances de gol para os times e a certeza que o segundo tempo prometia mais confusão.


Num primeiro tempo truncado, essa foi uma das poucas chances corintianas. Foto: Fernando Martinez.


Chance juventina na tentativa de abrir o placar. Foto: Fernando Martinez.

Então veio o segundo tempo com o Corinthians impondo sua melhor categoria dentro do gramado. Numa manhã inspirada do camisa 11 Denner, o time corintiano acabou encontrando o caminho da vitória. Aos 8 minutos, depois de grande passe da direita, o ponta recebeu, entrou na área e chutou forte. A bola passou embaixo do goleiro grená e deixou o time visitante com a vantagem no marcador.


O camisa 11 Denner, destaque do jogo, marcou o primeiro nesse lance. Foto: Fernando Martinez.

Logo em seguida o Corinthians ampliou em mais uma boa jogada de Denner. Ele cruzou da esquerda e a bola cruzou toda área até encontrar um zagueiro do Juventus. Por azar, a bola bateu nele e entrou. Corinthians 2 a 0 e jogo praticamente liquidado. Daí para frente o Juventus perdeu totalmente a cabeça, com seus jogadores se preocupando mais em bater nos jogadores corintianos.

Tudo bem também que os jogadores alvinegros não foram santos em campo não. Muita provocação foi vista e a mistura de tudo isso só poderia dar besteira. Isso aumentou com o terceiro gol corintiano aos 23 minutos, em mais uma linda jogada de Denner, que driblou o zagueiro, tocou, recebeu e da entrada da área chutou com estilo para fazer o terceiro.


A marcação estava em cima: nesse lance, quatro jogadores grenás tentam tirar a bola do corintiano. Foto: Fernando Martinez.

Daí até o final do tempo regulamentar as jogadas ríspidas aumentaram e tudo estava propício para que terminasse em confusão. O apito final do árbitro somente deu início a uma grande confusão dentro de campo entre jogadores e comissão técnica dos times. Muita paulada, chute, rasteira e socos a esmo foram distribuídos para quem estivesse por ali.

O placar final de Juventus 0-3 Corinthians acabou nem tendo tanta importância devido aos acontecimentos que vimos dentro do gramado. Quem estava certo ou errado não importa, mas que ficou manchada a partida, isso ficou.


E o pau quebrou! Detalhe do "sururu colossal" no final do jogo do sub-15 entre Juventus x Corinthians. Fotos: Fernando Martinez.

Bom, depois de tudo isso ainda tinha mais um jogo para ver na Javari. Será que correria tudo bem depois desse "sururu colossal" que vimos no sub-15? Bom, logo mais tem o post do jogo.

Até lá

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário