Procure no JP

segunda-feira, 17 de setembro de 2007

Vitória corintiana na Javari pelo sub-20

Opa,

Nesse final-de-semana murcho e sem tantos jogos para se assistir, escolhi uma partida do Campeonato Paulista sub-20 da 1ªdivisão para acompanhar. Pela sétima rodada da Primeira Fase, no Estádio Conde Rodolfo Crespi, vi o jogo entre Juventus e Corinthians. Junto comigo, o David me fez companhia na tarde quente de São Paulo e mais uma vez temos as fotos oficiais e exclusivas da partida.


CA Juventus (sub-20) - São Paulo/SP. Foto: Fernando Martinez.


SC Corinthians P (sub-20) - São Paulo/SP. Foto: Fernando Martinez.


O trio de arbitragem composto pelo árbitro Guilherme Carlos da Silva e pelos auxiliares Marcelo Pereira de Lima e Leandro Feitosa posam para o JP junto com os capitães dos times: Didi, do Juventus, e Ulisses, do Corinthians. Foto: Fernando Martinez.

O Juventus faz até aqui uma das suas piores (se não a pior) campanhas na história do sub-20, antigo paulista de juniores, com seis derrotas em seis jogos disputados e a incômoda situação de estar com -6 pontos na tábua de classificação, já que escalou um jogador irregular numa de suas partidas. O Corinthians por sua vez faz campanha razoável no sub-20, e luta contra São Caetano e Santo André por uma vaga na Segunda Fase.

Mas foi o Juventus quem começou atacando e por alguns minutos fez pressão contra o gol alvinegro. Mas foi apenas uma efêmera pressão, e a maior classe corintiana deu às caras logo depois.


Ataque perigoso do Corinthians pela esquerda. Foto: Fernando Martinez.

O Corinthians marcou seu primeiro gol aos 20 minutos, depois de cruzamento da direita que encontrou o zagueiro Cris na pequena área. Após o primeiro gol, o Corinthians perdeu ótimas chances de ampliar, muitas por afobação do seu ataque. Mas marcou o segundo antes do primeiro tempo acabar. Aos 41, a zaga do Juventus pediu impedimento e deixou Ulisses entrar sozinho. Sem fome, ele tocou para Alisson só empurrar para as redes.


Detalhe do primeiro gol corintiano contra o Juventus. Foto: Fernando Martinez.


Meio campo juventino tenta barrar o ataque corintiano. Foto: Fernando Martinez.

No intervalo pudemos degustar uma iguaria até então inédita na Javari: o sanduba de mortadela! Isso mesmo, para quem ainda não tinha almoçado, o sanduba fez um bem danado e matou muito minha fome. Pena que tive que comer tamanha delícia tomando água, graças à minha última proibição dos queridos refrigerantes... sanduíche de mortadela com água é punk, mas não tinha jeito.

Bom, voltando para o segundo tempo eu e o David ficamos acompanhando o ataque corintiano, que voltou disposto a ampliar em alguns gols o placar. Mas todas as investidas alvinegras iam para fora, em chutes totalmente sem direção. Se o time tivesse colocado o pé na forma, os gols poderiam ter saído bem mais rápido.


No segundo tempo, um dos vários ataques corintianos na Javari. Foto: Fernando Martinez.

O time teve a chance clara de fazer o terceiro gol com um pênalti cobrado pelo camisa 11 Róbson. Mas ele chutou na trave. Mas com raiva, acabou fazendo o terceiro um minuto depois, depois de bola rebatida pelo goleiro Gustavo, do Juventus. Não demorou muito para o Timão fazer o quarto, de novo com Alisson, agora escorando cruzamento pela direita.


Róbson perde pênalti para o Corinthians, mas menos de um minuto depois acabaria marcando o terceiro gol do alvinegro. Foto: Fernando Martinez.

E de novo com uma grande quantidade de gols perdidos, o Corinthians levou o jogo de forma tranqüila, sem sofrer nenhuma ameaça do Juventus. Final de jogo: Juventus 0-4 Corinthians. E o time do Parque São Jorge - que infelizmente não joga lá faz tempo - continua na sua luta para conquistar uma vaga na Segunda Fase, buscando um título que não vem desde 1997. E o Juventus segue sua via-crucis, esperando o campeonato terminar logo.

Depois do jogo fiquei de boa passando calor e aguardando um jogo decisivo no domingo...

Até lá

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário