Procure no JP

segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Guaratinguetá inicia segunda fase da Copa FPF com vitória

Olá,

Em mais um final de semana futebolístico com ampla cobertura de diversas competições pelo JOGOS PERDIDOS, resolvi acompanhar três partidas válidas por campeonatos diferentes. Comecei no sábado à tarde, indo até a progressista cidade de Sorocaba, mais precisamente ao belo Estádio Walter Ribeiro para cobrir a partida C.A.Sorocaba x Guaratinguetá F.L. que valeu pela primeira rodada da segunda fase da Copa FPF - Heróis de 32, que dará direito ao Campeão a participar da Copa do Brasil em 2.008 e, ao Vice Campeão vaga no Brasileirão da Série C, também no ano que vem.

Como tem sido uma constante, começo apresentando as equipes e o quarteto de arbitragem nas fotos que são EXCLUSIVAS do JP:


C.A. Sorocaba - Sorocaba/SP. Foto: Orlando Lacanna.


Guaratinguetá F.L. - Guaratinguetá/SP. Foto: Orlando Lacanna.


Quarteto de arbitragem formado por Marcelo Saltori, seus assistentes Hérman Brúmel Vani e Rogério Gomes da Silva, além do quarto árbitro Daniel Destro do Carmo. Foto: Orlando Lacanna.

Em razão do forte calor, a partida começou meio devagar, com as duas equipes jogando num ritmo pra lá de lento e cometendo muitas faltas, tornando o jogo muito truncado. Com o passar do tempo, o Atlético Sorocaba passou a ter maior domínio de bola, criando uma ou outra jogada de perigo, mas que invariavelmente acabava nas mãos do bom goleiro Jaílson ou era chutada para fora. Os visitantes jogavam cautelosamente e arriscavam algumas saídas para o ataque.


Tentativa de ataque do Atlético Sorocaba. Foto: Orlando Lacanna.


Boa defesa do goleiro Joílson do Guaratinguetá. Foto: Orlando Lacanna.

Nessa toada, o gol só poderia sair numa falha de algum defensor ou através de bola parada e, foi exatamente o que aconteceu aos 30 minutos, quando o Guaratinguetá abriu o placar por intermédio de Givanildo, em cobrança de falta que contou com a colaboração do goleiro local Marcão que falhou no lance.


Cobrança de falta que originou o primeiro gol do Guaratinguetá. Cadê a bola? Foto: Orlando Lacanna.

Depois desse gol, a partida continuou do mesmo jeito e, numa outra jogada de bola parada, numa cobrança de escanteio, os anfitriões quase empataram numa cabeçada que foi salva em cima da linha por um defensor do Tricolor do Vale. Dessa maneira o resultado de 1 a 0 a favor dos visitantes perdurou até o final da primeira etapa.


Saída para o ataque do Guaratinguetá com marcação à lá "dança do siri". Foto: Orlando Lacanna.

Depois de beber copos e mais copos de água, gentilmente cedidos pelo massagista do time sorocabano, me postei atrás de um dos gols para acompanhar a segunda etapa, torcendo para que houvesse uma sensível melhora na qualidade da partida, o que infelizmente não aconteceu.


Tentativa de ataque do Guaratinguetá com marcação do zagueiro e do busão. Foto: Orlando Lacanna.

O Guaratinguetá dava mostras de que estava satisfeito com o resultado não se arriscando muito ao ataque e, em contrapartida o Atlético continuava jogando lentamente e praticamente era inoperante no campo de ataque, sendo que somente nos últimos quinze minutos forçou mais as jogadas ofensivas que acabaram não dando em nada.


Ataque dos sorocabanos pela direita. Foto: Orlando Lacanna.

Jogo encerrado apresentando o placar final de Atlético Sorocaba 0 - 1 Guaratinguetá que colocou o time visitante na liderança do Grupo 5. O Guaratinguetá apresentou um futebol um pouco mais convincente, mostrando vontade na obtenção de um resultado positivo. Com relação ao Atlético, terá que melhorar muito seu desempenho se quiser pensar em classificação à próxima fase, pois fez uma apresentação que ficou devendo ao seu público.

Logo após o apito final do árbitro, peguei um busão e voltei rapidinho para São Paulo para um breve descanso, pois no domingo logo cedo iria rolar uma partida sensacional, mas isso é assunto para o próximo post. Até lá.

Abraços,

Orlando

Nenhum comentário:

Postar um comentário