Procure no JP

segunda-feira, 12 de novembro de 2007

Portuguesa com um pé e meio na Série A em 2008

Fala povo!

Na última sexta-feira tivemos mais um joguinho noturno aqui no JOGOS PERDIDOS. E mais uma vez a pedida foi acompanhar o Campeonato Brasileiro da Série B no Estádio do Canindé. Pela 69ª vez na história da Segundona Nacional (em 77 jogos disputados pelo rubro-verde em sua casa) fui acompanhar a Portuguesa, prestes a voltar para a elite do futebol brasileiro, dessa vez jogando contra o Grêmio Barueri. Junto comigo o Jurandyr, o Fernando Correia e quase 10 mil pessoas para ver esse momento histórico.


Visão geral do jogo entre Portuguesa e Grêmio Barueri. Foto: Fernando Martinez.

Nunca a Portuguesa tinha chegado tão longe na Série B e esse jogo era mais do que essencial para a Lusa colocar uma mão e meia na vaga para a Série A em 2008. E então durante o primeiro tempo pudemos ver a melhor exibição do time em casa desde sua queda em 2002. O time não deu o menor espaço ao time do Barueri e com um astral fantástico, massacrou o time azul da Grande São Paulo.


Ataque sem perigo do Barueri no começo do jogo. Foto: Fernando Martinez.

Logo aos 5 minutos Leonardo abriu o placar, Wílton Goiano ampliou aos 12 e a grande revelação da Portuguesa, Diogo, fez o terceiro aos 23 minutos e o quarto aos 36 minutos. Jogo já liquidado em pouco mais de meia hora para delírio da grande massa lusitana presente por lá. Só fico cabreiro que a maioria desse povo nem foi lá no ano passado, naquela situação desesperadora que rolou no Canindé, quando o time quase foi para a Série C. Ir lá na alegria é bom, mas torcedor de verdade vai também na hora da dificuldade né?


Falta para a Portuguesa ainda no primeiro tempo. Foto: Fernando Martinez.

Bom, primeiro tempo então finalizado com a vantagem rubro-verde de quatro gols e o povo em polvorosa já esperando mais gols no segundo tempo. E o time voltou com o mesmo ímpeto e Joãozinho fez o quinto aos 6 minutos. Mas depois a equipe perdeu algumas chances ótimas para fazer um placar ainda mais elástico por lá. O Barueri, time que não é bobo, então aproveitou e fez dois gols com Rodrigo Pontes, um aos 8 e outro aos 22 minutos.


Placar eletrônico inaugurado com festa nessa sexta, acompanhando a sequência do placar e a animação até de quem comandava o mesmo: "E Le Le Ô"... Fotos: Fernando Martinez.


Ataque perigoso da Portuguesa no segundo tempo. Foto: Fernando Martinez.

Mas a festa era mesmo portuguesa e cada vez mais que o tempo passava ficava a certeza que só uma catástrofe tira o time da Série A em 2008. Uma combinação de resultados monstro e uma falta de sorte anormal fará com que o último jogo em casa, contra o Criciúma, não seja a consagração absoluta. Ah, e nos acréscimos ainda tivemos mais um gol de Diogo, o seu terceiro no jogo.


Sem saber direito o que estava acontecendo, falta para o Barueri pela esquerda. Foto: Fernando Martinez.

Final de partida: Portuguesa 6-2 Grêmio Barueri. Com esse resultado a Lusa ainda recupera um resultado que foi o pior em seu estádio, a derrota para o Paysandu em 2006 por 6 a 2... o time não poderia sair da Série B sem aplicar uma goleada igual, para limpar mesmo a alma. Depois do jogo a festa ficou ainda maior, com cantoria e tudo mais. Se o time subir mesmo a festa não terá fim no Canindé.

No alto dos meus 69 jogos vistos da Portuguesa nada mais justo do que me sentir parte da festa também.

Até a próxima

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário