Procure no JP

terça-feira, 21 de agosto de 2007

Falcão depena Galo em Atibaia

Olá,

Logo após meu retorno de Barretos no domingo pela manhã, dei um tempo no Terminal Rodoviário Tietê e segui diretamente para Atibaia indo novamente ao Estádio Salvador Russani para conferir a mais um bom jogo pelo Campeonato Paulista da Segunda Divisão que no caso foi S.C. Atibaia x A.E. Velo Clube Rioclarense, que valeu pela sexta rodada da segunda fase da competição.

Partida extremamente importante para efeito de classificação, pois envolvia duas equipes que brigam pelas duas vagas do Grupo 7 à terceira fase. De um lado o Atibaia, uma equipe nova que disputa seu segundo campeonato profissional e do outro o Velo Clube que é uma equipe de tradição tendo inclusive participado da elite do futebol paulista. Como não poderiam faltar, as fotos EXCLUSIVAS dos times e da arbitragem, estão abaixo:


S.C. Atibaia - Atibaia/SP. Foto: Orlando Lacanna.


A.E. Velo Clube Rioclarense - Rio Claro/SP. Foto: Orlando Lacanna.


Quarteto de arbitragem composto por Claudinei Forati Silva, seus assistentes Luiz Quirino da Silva e Daniel Luis Marques, além do quarto árbitro Felipe Macabele Menezes com os capitães das equipes. Foto: Orlando Lacanna.

A parida começou de maneira equilibrada e com quase sempre acontece na segundona, com muita disposição de lado a lado. Como jogava em casa, o Atibaia tomou mais iniciativa de ir para o campo de ataque criando alguns lances de real perigo à meta do Velo Clube.


Cruzamento do ataque do Atibaia com a mascote "Falcão" ao fundo. Foto: Orlando Lacanna.

Depois de algumas tentativas, finalmente aos 20 minutos, o ótimo atacante João Paulo, inaugurou o placar num gol que surpreendeu a todos, num chute desferido da meia esquerda que dava a impressão que a bola iria por cima do gol e, de repente numa descaída incrível foi morrer no fundo da meta do goleiro velista Wanderson. Esse gol não desanimou o "Galo Vermelho" que foi para cima e quase empatou aos 30 minutos, porém desperdiçou uma oportunidade incrível de gol, mandando a bola por duas vezes no poste esquerdo do goleiro atibaiense, sendo que numa delas com o gol livre.


Chance incrivelmente desperdiçada pelo Velo Clube. Foto: Orlando Lacanna.

A perda do gol de empate foi decisiva para o restante da partida, tanto que aos 38 minutos o "Falcão" marcou seu segundo gol numa bobeada do goleiro visitante que chutou a bola nas costas de um zagueiro, cuja sobra ficou para João Paulo que com o gol escancarado só teve o trabalho de chutar por cobertura e sair comemorando. Esse gol mexeu com o equilíbrio do Velo que por alguns minutos ficou meio perdido em campo, mas o placar de 2 a 0 a favor dos locais foi mantido até o final da primeira etapa.


Disputa acirrada junto à lateral com o bom público ao fundo. Foto: Orlando Lacanna.

Na segunda etapa, a partida continuou na mesma toada e logo aos 14 minutos o Velo desperdiçou outra chance incrível de gol com a bola se chocando contra o travessão do goleiro Montibeller, que mais uma vez deu muita sorte no lance, numa jornada em que nada dava certo para os visitantes.


Ação ofensiva do Atibaia pelo lado esquerdo. Foto: Orlando Lacanna.

Como no futebol o preço é alto para o time que erra em demasia, o castigo veio aos 18 minutos com a marcação do terceiro gol do Atibaia, através de Diouzer num chute cruzado rasteiro depois de jogada individual pela esquerda. Somente aos 23 minutos o Velo conseguiu marcar seu primeiro gol por intermédio de Neto Mineiro que aproveitou rebote do goleiro do Atibaia numa defesa parcial de pênalti.

Foi um gol chorado, mas que serviu para reacender as esperanças do time rubroverde de Rio Claro que foi para o abafa, mas viu suas expectativas desmoronarem com a marcação do quarto gol do time laranja aos 36 minutos através de André que poderia ter entrado de bola e tudo.


Atacante André do Atibaia matando as esperanças do Velo Clube, marcando o quarto gol. Foto: Orlando Lacanna.


Marcação tipo "pregado na cruz". Foto: Orlando Lacanna.

Apesar do resultado adverso, o Velo Clube ainda teve forças para marcar seu segundo gol aos 44 minutos por intermédio de Lucas Bahia numa bobeira geral do setor defensivo do Atibaia.

Final de partida com o marcador indicando Atibaia 4 - 2 Velo Clube que mais uma vez mostrou que em futebol tem que ter objetividade e esse foi o grande mérito da equipe local que não desperdiçou as chances de gols. Esse resultado levou o Atibaia à primeira colocação do seu grupo, enchendo de otimismo e esperança sua torcida, atletas e dirigentes na obtenção da classificação à terceira fase. Com relação ao Velo, o sonho da classificação não acabou, porém ficou mais difícil e será necessário ter um aproveitamento nas próximas partidas muito superior ao apresentado no domingo, pois as vitórias serão obrigatórias.

Após o encerramento da partida voltei imediatamente a São Paulo para finalmente ter um merecido descanso, mas sem deixar de planejar os próximos jogos a serem cobertos pelo JP. Foi isso.

Abraços,

Orlando

Nenhum comentário:

Postar um comentário