Procure no JP

quinta-feira, 12 de julho de 2007

Grande vitória rubro-verde na Série B

Opa,

Nessa terça-feira tivemos mais um jogo do Campeonato Brasileiro da Série B com cobertura do JOGOS PERDIDOS. Como não poderia deixar de ser, estive no Canindé para a partida entre Portuguesa e Ponte Preta. E mais uma vez só tive a companhia atrasada do Jurandyr (ele chegou com o jogo rolando e perdeu três gols... mas tá valendo). Jogo que a Portuguesa precisava da vitória a qualquer custo, para se aproximar ainda mais da zona de classificação à Série A. Era jogo que a Macaca precisava ganhar, já que o time vem rateando demais no campeonato.

Pena que chegando no estádio vi que minha máquina estava com um restinho de bateria... as fotos foram tiradas no comecinho de jogo, mas valem como registro. O jogo começou a mil, com a Ponte Preta surpreendendo e abrindo o placar aos 5 minutos. O gol aconteceu em grande lance de todo o ataque alvinegro e conclusão de Alex Terra. Quando a torcida já estava desanimando, a Portuguesa fez um estilo "rolo compressor" e virou o jogo apenas dez minutos após.


Ataque da Portuguesa no começo de jogo. Foto: Fernando Martinez.

Aos 10 minutos a Lusa empatou com Clayton escorando de cabeça e virou aos 15, o meia Preto fez jogada de classe pela direita, chutou e no rebote Rogério, mesmo sem jeito, marcou o seu. Festa no Canindé e a Portuguesa agora estava na frente. Mas com o gol, o time sossegou um pouco no abafa e deixou o jogo seguir aberto. A Ponte Preta, querendo estragar a festa rubro-verde, empatou de novo aos 31 minutos, de novo com Alex Terra.


Mais um ataque rubro-verde. Foto: Fernando Martinez.

Quando o jogo parecia que seguiria empatado para o intervalo, de novo brilhou a estrela da Portuguesa. Aos 42 minutos, depois de falha da defesa da Macaca, o zagueiro Marco Aurélio apareceu para marcar de cabeça e levar o jogo para o intervalo com a vantagem rubro-verde em 3 a 2. No intervalo vimos aquelas figuras carimbadas de sempre no Canindé, e comentamos se o jogo seria tão bom na segunda etapa quanto foi na primeira.


Defesa importante da Ponte no jogo. Foto: Fernando Martinez.

Mas não foi. O segundo tempo foi o oposto do primeiro: murcho, sem emoções e sem nada melhor a dizer. Só no final a Ponte tentou uma efêmera pressão, mas sem sucesso. Final de jogo: Portuguesa 3-2 Ponte Preta. A Portuguesa pula para a sétima colocação, apenas a um ponto do G-4. Já a Ponte cai para o décimo lugar, e sem saber o que é vitória faz tempo.

Depois do jogo, fui para casa e já montando meu enorme cronograma de jogos para o final-de-semana... muita coisa boa vem aí.

Até

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário