Procure no JP

terça-feira, 3 de julho de 2007

Grande vitória do União Suzano

Olá!

No último domingo pela manhã a caravana JP, que além de mim foi composta pelo Orlando, Jurandyr, Emerson e David, e que também contou com a presença do seu Natal, seguiu rumo a bela e aprazível cidade de Suzano, região metropolitana de São Paulo, para acompanhar no Estádio Francisco Marques Figueira o embate entre as duas equipes locais, União Suzano e ECUS.

O jogo foi válido pela penúltima rodada da 1ª fase do campeonato paulista da 2ª divisão, sendo que neste grupo 5 o União Suzano estava em último lugar com 5 pontos e sem chances de classificação. Já o ECUS encontrava-se em terceiro lugar com 21 pontos e na briga por uma das duas vagas restantes na próxima fase.

Chegamos bem cedo no estádio para nos preparar para a gravação do nosso programa na RedeTV!, por isso foi possível entrar com calma no gramado e tirar as fotos das equipes posadas.


União Suzano AC - Suzano/SP. Foto: Emerson Ortunho.


ECUS - Suzano/SP. Foto: Emerson Ortunho.


Capitães das equipes, árbitro Jorge Torres, assistentes Maurício Helder Luiz Alexandrino e Luciano Cesario e 4º árbitro Daniel Destro do Carmo. Foto: Emerson Ortunho.

A contar pelas campanhas das duas equipes o pequeno público presente no estádio, e nós do JP, imaginavamos que o ECUS tomaria conta das ações e buscaria a vitória que praticamante garantiria sua vaga na próxima fase. Mas o que vimos em campo foi uma apatia geral das duas equipes. O ECUS bem que tentava chegar a meta adversária, mas de forma muito tímida e se resumindo a cruzamentos pouco eficientes.

Com o trancorrer da primeira etapa o União Suzano, mandante deste clássico, foi se soltando e arriscando alguns ataques, mas também sem muitas pretensões. O jogo seguiu assim até aos 43 minutos, quando Willian, após uma bola proveniente do lado esquerdo, acertou um belo chute no canto direito do goleiro Renato, do ECUS, abrindo o marcador para o USAC. Esse gol foi um balde de água fria para a equipe de azul, pois ela não teve qualquer chance de reação e foi para o intervalo em desvantagem no marcador.


Chance de gol desperdiçada pelo ECUS ainda na 1ª etapa. Foto: Victor Minhoto.

Para o 2º tempo o ECUS trouxe uma importantíssima modificação, voltou com outro uniforme, o de cor vermelha. Na verdade eu ainda não entendi o motivo desta troca, já que o União Suzano estava de branco, mas na minha opinião as equipes em geral devem usar o mesmo uniforme nos dois períodos da partida. Deixando esse detalhe de lado, o ECUS começou com mais disposição e pressionando os mandantes, tanto que aos 12 minutos, após um cruzamento da esquerda, o goleiro Leandro, do União Suzano, não conseguiu segurar a bola, que sobrou livre para o camisa 4 do ECUS, Aldenor, empatar a partida.


Aldenor tem apenas o trabalho de tocar a bola para o fundo das redes no gol de empate do ECUS. Foto: Victor Minhoto.

Quem imaginou que a partir deste momento o ECUS dominaria o jogo e partiria para a virada se enganou. Logo no minuto seguinte o camisa 11 Max, do União Suzano, pegou a bola na intermediária do campo de ataque e partiu para cima dos marcadores. Passou por todos e ao chegar na cara do gol chutou de forma consciente no canto direito da meta do ECUS, decretanto o segundo, e belo, gol de sua equipe.


Disputa de bola na lateral do campo já nos instantes finais da partida. Foto: Victor Minhoto.

A partir deste momento a equipe do ECUS, agora de vermelho, se desestabilizou e não conseguiu criar nada de importante no jogo. Na verdade a equipe em vantagem na classificação confundiu vontade com desespero, o que facilitou a vida dos mandantes, que só tiveram o trabalho de administrar a partida e, no final, quase chegaram ao terceiro gol em alguns contra-ataques.

Assim, o jogo terminou mesmo União Suzano 2x1 ECUS. O União Suzano deixou a última posição, no saldo de gols, para o Jacareí e, mesmo desclassificada, honrou a camisa. Já o ECUS caiu para a quinta colocação e para se classificar na última rodada, além de vencer seu jogo em casa contra o Joseense, precisa torcer para que Mogi das Cruzes ou Força não ganhem suas partidas.

Até a próxima,

Victor

Nenhum comentário:

Postar um comentário