Procure no JP

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2006

Paulista Série A1: Portuguesa Santista 2-1 Santos

Fala povo!

Bom, agora seguindo com o segundo jogo do domingo que assisti, estava para escolher entre dois jogos em campo neutro: Lusa e Santo André no Palestra Itália ou Portuguesa Santista e Santos no Anacleto Campanella. Escolha com vitória fácil para o Clássico das Praias. Assistir um jogo entre os dois times de Santos (além do grande Jabaquara, é lógico), em São Caetano do Sul é algo de imperdível. Comigo o Mílton esteve presente, e nós dois ainda ficamos na torcida simpaticíssima da Briosa.

Posso dizer que vimos uma belíssima partida de futebol. A Portuguesa Santista demonstrou muita eficiência e habilidade, e dominou a maior parte do jogo, com o Santos mostrando que tem um time bem fraquinho.


Ataque perigoso da Briosa no primeiro tempo. Foto: Fernando Martinez.

Desde o começo do primeiro tempo, a Santista jogou melhor, e restava ao Santos alguns contra-ataques perigosos. Num deles ainda conseguiu uma bola na trave, numa falha do goleiro Ronaldo, mas nada que tirasse o brilho da Briosa nesse primeiro tempo. A Lusinha perdeu muitas chances de gol, e chegou ao 1-0 numa belíssima jogada e chute indefensável para o Fábio Costa. O jogo foi com essa vantagem para o intervalo.

No intervalo vimos que não havia nenhum local com venda de água disponibilizado para a torcida lusitana, o que é um absurdo. Vimos também garotas de biquíni, se sentindo na praia e o repórter Abel Neto da Globo, indo no banheiro com todo seu equipamento de reportagem. Pena que não temos fotos de nada disso. Ah, e ainda acompanhamos uma discussão acalorada entre torcedores das duas equipes. Elogios e agradecimentos de ambos os lados foram vistos.


Mais um ataque da Lusinha no primeiro tempo, em que envolveu completamente o time do Santos. Foto: Fernando Martinez.

No segundo tempo, o Santos veio mais ofensivo, mas mesmo assim a Lusinha ainda tinha boas chances. Numa delas, através de uma boa cobrança de falta, a Briosa marcou dois a zero e levou a torcida santista ao desespero! A única chance do Santos era tentar marcar seu gol logo e impor pressão na Portuguesa. Isso aconteceu numa cobrança de escanteio. Briosa 2-1 e promessa de sufoco até o final.


Lance do único gol santista na partida, de cabeça ninguém sobe e o Santos assusta a Lusinha. Foto: Fernando Martinez.

Até o final do jogo foi só pressão, com bolas na trave e chances perdidas a esmo pelo fraco ataque santista. A torcida da lusinha sofreu, mas no final foi recompensada com uma graaaaande vitória: Portuguesa Santista 2-1 Santos e muita festa nas arquibancadas da Briosa no Anacleto Campanella.


Pênalti reclamado pelo ataque santista no segundo tempo. Mas nada foi marcado. Foto: Fernando Martinez.

Acredito que muitos torcedores não acreditavam na vitória da Santista, mas ela acabou acontecendo. Isso é mais uma prova que os estaduais são sim uma boa alternativa. Quando que teríamos essa chance de alegria para a torcida da Lusinha? Quando teríamos um jogo desses? Nota 10 para os estaduais, e isso é uma opinião unânime no JOGOS PERDIDOS.


O Mílton, curtindo sua presença na torcida da Briosa e a alegria da torcida no final do jogo. Fotos: Fernando Martinez e Mílton Haddad.

E foi isso, nesse meio de semana temos dois jogos, na quarta e quinta. Hoje o Emerson está fazendo mais uma doideira. Adivinhem o que é...

Até mais

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário