Procure no JP

segunda-feira, 17 de julho de 2006

Brasileiro Série B: Portuguesa 1-1 Brasiliense

E aí pessoal?

Continuando com os jogos que o JOGOS PERDIDOS foi na última sexta-feira, depois da epopéia até Louveira, segui direto com rumo certo ao Estádio do Canindé, aonde fui acompanhar o retorno ao blog do Campeonato Brasileiro Série B. O jogo em pauta foi entre Portuguesa e Brasiliense. A Lusa, vindo de uma vitória contra o Remo, prometia uma bela partida, mas o adversário era o bom time do DF, e que está nas posições no alto da tabela de classificação.

Chegando lá, vi que o público ainda era o mesmo, graças aos 20 reais cobrados pelo ingresso de arquibancada. Está ficando repetitivo, mas será que o ingresso de um jogo da Portuguesa vale tudo isso mesmo? Bom, depois de um tempinho, apareceram por lá o Jurandyr e o Orlando, depois de muito tempo longe do Estádio Osvaldo Teixeira Duarte. Eles viram, junto comigo, a Portuguesa iniciar bem a partida.


Contra-ataque do Brasiliense no primeiro tempo de partida contra a Portuguesa. Foto: Fernando Martinez.

Esse início razoável do time, foi premiado com o primeiro gol da Lusa, depois de um bom cruzamento do jogador Souza, o atacante Marlon fez o seu aos 13 minutos. Mas depois o time foi dando espaços ao time verde e amarelo e passou a ser dominada. Com muita sorte o rubro-verde conseguiu levar o jogo para o intervalo no 1 a 0, já que o Brasiliense perdeu muitas chances claras de gol.

No segundo tempo o panorama foi o mesmo, e aos 15 minutos, o Brasiliense finalmente conseguiu o empate, em boa jogada do ataque, com finalização do veteraníssimo Iranildo. Depois disso mais chances perdidas pelos visitantes, e a certeza (mais uma vez) que a Portuguesa tem muito a melhorar.


Ataque do Brasiliense no segundo tempo da partida. Foto: Fernando Martinez.

Final de jogo: Portuguesa 1-1 Brasiliense. A Portuguesa tem que comemorar, pois levou um ponto mais por demérito do time do Brasiliense, que perdeu muitas chances, do que pelas suas próprias forças. Tá difícil a coisa ainda.

Após o jogo, ainda fui curtir a estréia do filme do Superman (por sinal, fantástico). Com apenas duas horas de sono, acordei cedo no sábado, em pleno dia do meu aniversário, para matar mais um time, agora pelo sub-15 e sub-17. No próximo post eu conto.

Até lá

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário