Procure no JP

sexta-feira, 20 de janeiro de 2006

Copa São Paulo: Grêmio Barueri 4-2 Moto Clube

Boa tarde à todos,

Eu, The Watcher, fui escalado para mais uma partida e post exclusivo aqui no JOGOS PERDIDOS. Uma honra, já que os amigos do JP não podiam comparecer até o destino final da minha viagem. Estive na cidade de Barueri, acompanhando o jogo das quartas-de-final da Copa SP de Juniores entre Grêmio Barueri e Moto Clube do Maranhão. Nunca tinha visto o time maranhense antes, então mais um time entra para a minha "lista".


Times do Barueri e do Moto Clube na entrada do campo, se preparando para disputar uma vaga nas semi-finais. Foto: The Watcher.

A viagem foi de trem suburbano mesmo. Não posso dizer que só vejo pessoas bonitas, que o trem é lindo, que a paisagem é absurdamente bela e nem que é rápido chegar, mas garanto que não é tão ruim quanto parece, mesmo com a distância e tempo de jornada. Descendo na estação Jardim Belval, ainda tive que andar por 20 minutos até chegar no Estádio Orlando Batista Novelli. Como não gostaria de ficar no sol, ou tomar chuva, tratei de me arranjar nas novas tribunas locais.

Devidamente instalado, acompanhei um ótimo jogo de futebol, com inúmeras alternativas. No início o Moto Clube se lançou ao ataque. Mesmo sem muita inspiração o time maranhense dominava a partida, e o Barueri parecia que estava dormindo em campo.


Vista geral da partida entre Grêmio Barueri e Moto Clube, com o estádio lotado. Foto: The Watcher.

Mas justo quando o time maranhense era mais agudo em seus ataques, o Barueri marcou seu primeiro gol, numa jogada muito bem elaborada do seu ataque e numa finalização do atacante Caio. De primeira, o Moto sentiu o gol e a partir daí o Barueri acordou um pouquinho. Mas como futebol é imprevisível, nesse leve domínio do GRB, o Moto chegou ao gol de empate, depois de uma grande bobeira da zaga barueriense. E o jogo foi para o intervalo em 1 a 1.


Lance do primeiro gol do Moto Clube na partida, empatando o jogo no final do primeiro tempo. Foto: The Watcher.


Ataque do Moto Clube no final do primeiro tempo. Foto: The Watcher.

Provavelmente no intervalo os jogadores do Barueri tenham acordado e entrado com outro espírito na segunda etapa. Só a partir daí vimos o time que é um dos maiores candidatos ao título da Copa SP. Logo aos três minutos, depois de um cruzamento da esquerda, o jogador Patrick, de cabeça, marcou o segundo gol do time da casa. Dominando as ações, o time cansou de perder chances para liquidar de vez o jogo. O Moto se limitava aos contra-ataques, e mesmo levando relativo perigo ao gol do Barueri, não teve melhor sorte. De tanto insistir, o Barueri acabou chegando ao terceiro gol aos 24 minutos, com o jogador William.


De cabeça, e logo no começo do segundo tempo, o jogador Patrick marca o segundo gol do GRB. Foto: The Watcher.


Numa bobeira incrível do goleirão do Moto Clube, o Barueri chega ao terceiro gol e sela a classificação. Foto: The Watcher.

Com a fatura liquidada, foi só esperar o tempo passar para garantir a vaga nas semi-finais. Com o Moto desarrumado, o Barueri perdeu de três a quatro chances claríssimas de gol, e só uma foi para o fundo das redes, com o jogador Bruno Assis, aos 36 minutos. Bravamente o Moto Clube ainda fez seu segundo gol, nos acréscimos, mas já era tarde.


Detalhe do quarto gol do time do Barueri, fechando a goleada. Foto: The Watcher.

Final de jogo: Grêmio Barueri 4-2 Moto Clube. E o time barueriense joga agora com o América/SP para ver quem vai para a final. Na outra, Juventus e Comercial duelam pela vaga. Um quadrangular paulista para o nosso deleite.

No final-de-semana tem mais, mas ainda hoje (provavelmente) tem um post genial do Emerson, nas suas aventuras pelo sul. Fiquem ligados! E mais uma vez agradeço a honra do espaço aqui no JP.

Excelsior

The Watcher

Nenhum comentário:

Postar um comentário