Procure no JP

segunda-feira, 9 de março de 2009

Juventus perde mais uma na Série A2

Fala povo!

Vamos começar agora com os posts do último final-de-semana aqui no JOGOS PERDIDOS. Não acordei sábado cedo graças a um sono já normal na minha pessoa, mas consegui levantar a tempo de ir para o bairro da Mooca ver mais um jogo do Campeonato Paulista da Série A2. Cheguei então no Estádio Conde Rodolfo Crespi, a Rua Javari, para a partida entre Juventus e Flamengo de Guarulhos, apenas a segunda da história entre os times por campeonatos paulistas.

Como sempre acontece quando chegamos cedo, consegui entrar em campo e as fotos exclusivas das equipes seguem abaixo:


CA Juventus - São Paulo/SP. Foto: Fernando Martinez.


AA Flamengo - Guarulhos/SP. Foto: Fernando Martinez.

Nem preciso falar da pífia campanha juventina na A2 2009. E esse jogo era essencial para que o time pudesse tentar respirar um pouco mais na tábua de classificação. Para o Flamengo, que começou a A2 muito mal, a vitória deixaria o time mais perto do G8. Bom, nas arquibancadas os perdidos Alfredo e Luís se juntaram ao Jurandyr e ao seu Natal para acompanhar o sofrimento grená.


Ataque do Flamengo no começo da partida. Foto: Fernando Martinez.

Mas nem a estréia do técnico Nelsinho, ex-lateral esquerdo de São Paulo e Corinthians, e do veterano meia Fábio Augusto, campeão paulista pelo Timão em 1997, ajudou os grenás a melhorarem seu futebol. O time não acertava uma jogada e deixava todos na Javari muito insatisfeitos com a atuação no gramado. Já o Flamengo, sem nada a ver com o peixe, levava certo perigo em contra-ataques.

Mas olha, difícil mesmo ver o time juventino jogar. A equipe não tem inspiração, parece que falta vontade e tudo mais. Acompanho o time grená já tem 15 anos, e achei que tinha visto times ruins em 1999 e 2004, mas esse "esquadrão" de 2009 é o pior disparado que já vi jogar ali. Tamanha ruindade foi premiada com o Flamengo abrindo o placar aos 17 minutos. Vinícius completou de cabeça cruzamento da direita e deixou o time guarulhense na frente do placar.


Zaga do Fla protegendo a bola em ataque juventino. Foto: Fernando Martinez.


Goleiro do Flamengo só acompanhando a bola sair em chance do Juventus. Foto: Fernando Martinez.

A rigor, o Juventus só teve uma chance de empatar, num lance que perdeu dois gols absurdos, mostrando que o ataque juventino está abaixo da crítica. Primeiro numa bola cara-a-cara com o goleiro do Flamengo, e no rebote dois atacantes grenás deixaram a bola para o outro e perderam a chance de deixar tudo igual. E nesse esquema o jogo foi para o intervalo com a vantagem mínima para o rubro-negro.

No intervalo o pau quebrou na parte coberta da Javari. Não vi o que rolou desde o começo, mas defensores e opositores do presidente grená resolveram levantar a voz e o bicho ficou feio. Muitos seguranças para proteger o presidente e muito bate-boca... os ânimos estavam exaltados demais.


Agora o goleiro rubro-negro vai longe para afastar o perigo. Foto: Fernando Martinez.


Agora uma boa defesa do arqueiro guarulhense em raro ataque certo do Juventus no segundo tempo. Foto: Fernando Martinez.

Para o segundo tempo, o Juventus foi com tudo pra cima do Flamengo. Mas se o time não tem qualidade no ataque, tem muito menos na defesa. E os contra-ataques guarulhenses foram mortais. O segundo gol do Fla saiu aos 20 minutos, com um gol do zagueiro Gustavo. E aos 27 minutos veio o terceiro com Nélson tendo calma e frieza necessárias para ampliar ainda mais a vantagem dos visitantes.


Falta para o Juventus sem perigo. Foto: Fernando Martinez.

Depois do terceiro, o Flamengo sossegou, pois se tivesse ficado em cima do Juventus teria feito ainda mais gols. Os grenás não acertavam uma troca de passes no ataque... triste. Mas o gol de honra saiu aos 39 minutos, na primeira boa jogada grená e que teve finalização perfeita de Deiwid, o único nome grená que sempre acaba se salvando nos jogos.


Zaga do Flamengo saindo com a bola, em mais uma tentativa frustrada do Juventus marcar. Foto: Fernando Martinez.

Mas já era tarde para qualquer tipo de reação, e o jogo terminou mesmo com mais uma derrota juventina: Juventus 1-3 Flamengo/SP. Agora o Juventus entra de vez na zona de rebaixamento da A2 e pelo que estamos vendo vai ser difícil sair. Sempre torceremos para o time da Móoca, mas tá difícil. Para o Flamengo, ficou a certeza da boa recuperação do time e o G8 é questão de tempo... quem sabe no próximo jogo o time não entra na zona de classificação?

Após o jogo até ia tentar ir na segunda partida do dia, mas a falta de ânimo falou mais alto e então voltei para casa receber alguns amigos de longa data. Sempre é bom fazer uma confraternização.

E domingo teve mais rodada.

Até lá

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário