Procure no JP

quarta-feira, 6 de abril de 2022

Corinthians x São Paulo: tudo igual na Fazendinha

Texto e fotos: Fernando Martinez


Depois do "não-jogo" do sábado pela A3, o domingo de manhã reservou uma partida de verdade pelo Campeonato Brasileiro Feminino. Na minha estreia no Estádio Alfredo Schurig em 2022, fui acompanhar o clássico entre Corinthians e São Paulo, o primeiro duelo entre os times após a final do Paulista do ano passado.

Na sexta-feira – Palmeiras 3x0 Flamengo na Arena Barueri - não tinha quase nenhum influenciador ou figuras do tipo. Já na Fazendinha... quanta diferença! Quase 30 (!) fotógrafos pediram credenciamento e um sem-número de blogueirinhas e influencers estavam na casa alvinegra. É aquilo que sempre digo: lindo pedir apoio para a categoria, o problema é que o pessoal apoia apenas o que lhes convém. Já estou acostumado a ver isso no masculino e com as meninas vai pelo mesmo caminho.

Sei que cheguei cedo e encontrei o amigo Giulio Cesare, médico do Mosqueteiro e também revoltado com a queda do Nacional na Série A3. Conversamos rápido e eu fui então dar uma andada na parte coberta. Foram 38 jogos ali com portões fechados durante a pandemia, então foi estranho ver a torcida ocupando em peso o setor. Minha última vez com público ali tinha sido um 2x0 do sub-20 corintiano contra o Botafogo de Ribeirão Preto em 14 de setembro de 2019. Um tempão.



Corinthians e São Paulo posados apenas com as onze titulares, como deveria ser em todas as partidas


As capitãs Tamires e Formiga, o árbitro João Vitor Gobi, as assistentes Marcela de Almeida Silva e Patricia Carla de Oliveira e o quarto árbitro Lucas Canetto Bellote

A peleja reuniu o terceiro e o sexto colocados da competição. O alvinegro tinha 10 pontos com três vitórias e um empate. O tricolor, sete em duas vitórias, um empate e um resultado negativo. Ninguém sabia o que ia rolar, mas uma coisa era unanimidade: seria uma partida complicada. Na primeira etapa fiquei no ataque local em uma providencial sombra na linha lateral.

Pena que tirar foto boa ali demorou. O São Paulo iniciou os trabalhos com a inspiração em dia e atacando com afinco. A zaga mosqueteira sofreu com o a animadíssimo time visitante. Aos 12, a goleira corintiana fez boa defesa e mandou pela linha de fundo. No escanteio a bola foi alçada e bateu na perna esquerda de Yasmin, indo morrer no fundo da rede. Como gol contra vale igual, a comemoração são-paulina foi enorme.

O 2x0 quase saiu na sequência em finalização de Naná que bateu na trave. O Corinthians passou a dominar as ações, porém chance de gol que é bom, nada. Foi com o 0x1 que o intervalo chegou e eu resolvi procurar uma cabine disponível. Achei uma, na sorte, e por lá fiquei na etapa final. Sombra e sossego não fazem mal.


Jogadoras do São Paulo comemorando a abertura do placar




Mais lances do primeiro tempo na Fazendinha

Os últimos 45 minutos foram de ataque contra defesa. As locais se mandaram com tudo ao campo ofensivo e encurralaram a equipe do Morumbi. Só que o toque final era falho e a torcida ficou desesperada com tantas oportunidades perdidas. Aos 12, o lance mais perigoso. Yasmin levantou e a bola ficou zanzando na área. Ela sobrou livre na pequena área e Adriana acertou uma bicuda monstra na trave.

Esse jogo de gato e rato seguiu até os 37 minutos. A camisa 18 Gabi Portilho recebeu na intermediária, matou com classe e chutou. A pelota foi perfeitamente no meio do gol, sem nenhuma chance de Carla Maria defender. Os 1.871 presentes fizeram uma enorme festa pelo empate. O alvinegro até tentou a virada, porém o 1x1 se confirmou.


Adriana (16), no cantinho da foto, um segundo antes de perder gol e mandar a bola no travessão





A insistência corintiana garantiu o empate e a invencibilidade

O Corinthians 1-1 São Paulo fez o Timão cair para a quarta posição e o tricolor se tornar o quinto lugar. Ferroviária e Palmeiras tem 13 pontos e o Internacional 12. Já foram realizadas cinco rodadas e a próxima acontece só daqui a duas semanas em virtude dos amistosos da seleção, pois no feminino as Datas FIFA são respeitadas.

Sai da Fazendinha e fui dar aquela passeada de sempre pelo clube. No ginásio estava rolando um Corinthians x Cravinhos pelo Paulista sub-16 de basquete e fiquei ali na boa. A rapaziada alvinegra tomou uma surra, mas tudo bem. Nem me lembro desde quando não assistia alguma coisa no local que eu fiz minha primeira comunhão em 1986 (#velho). Encerrada a ação, peguei finalmente o caminho de casa.

Até a próxima!

_____________

Ficha Técnica: Corinthians 1x1 São Paulo

Local: Estádio Alfredo Schürig (São Paulo); Árbitro: João Vitor Gobi/SP; Público: 1.871 pagantes; Renda: R$ 35.565,00; Cartões amarelos: Diany, Fe Palermo, Naná; Gols: Yasmim (contra) 13 do 1º, Gabi Portilho 37 do 2º.
Corinthians: Lelê; Paulinha (Miriã), Giovanna Campiolo, Diany e Yasmim (Juliete); Mariza (Liana Salazar); Gabi Zanotti, Jaqueline (Mylena), Tamires (Jheniffer) e Gabi Portilho; Adriana. Técnico: Arthur Elias.
São Paulo: Carla Maria; Fe Palermo, Thais Regina, Pardal e Dani; Formiga (Serrana) (Moniquinha) e Maressa; Micaelly (Thayslane), Naná e Shashá; Rafa Travalão (Carina). Técnico: Lucas Piccinato.
._________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário