Procure no JP

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Primavera vence o Vitória e se garante na segunda fase

Texto e fotos: Fernando Martinez


Fechando a última rodada do Grupo 15 da Copa São Paulo de Futebol Júnior, o lotado Estádio Ítalo Mário Limongi viu o duelo do Primavera contra o Vitória da Bahia. Um ainda lutando pela classificação e o outro só de boa depois das duas vitórias conquistadas nos dois primeiros compromissos.

De forma até surpreendente o Globo derrotou o Atibaia na preliminar e a situação da chave era a seguinte: o Fantasma jogava pelo empate para conseguir a classificação, enquanto o Falcão torcia por uma goleada baiana por cinco gols de diferença pra ser o segundo colocado da chave.


Esporte Clube Primavera (sub-20) - Indaiatuba/SP


Esporte Clube Vitória (sub-20) - Salvador/BA


Os capitães do Fantasma e do Leão junto ao quarteto de arbitragem

Debaixo de sol forte, a partida começou bastante equilibrada e ficou claro que a chance do Vitória aplicar uma goleada monstro era algo bastante improvável. O Primavera entrou em campo atuando de forma segura e seus atletas jogaram de igual pra igual contra a forte base do Leão.

Se a rapaziada do Atibaia não estava tão confiante nas arquibancadas, a esperança se esvaiu de vez aos 16 minutos, quando Cleisson completou de cabeça um cruzamento da direita e abriu o marcador a favor do onze paulista. A partir daí pouca coisa aconteceu durante o tempo inicial.


O camisa 5 Hebert cabeceando sob o olhar atento dos atletas do Primavera


Disputa ferrenha da pelota dentro da área local


Wellison (6) sofrendo com a marcação firme do camisa 2 Patrik

No tempo final fui até a parte coberta do estádio, fugindo gloriosamente do impiedoso astro-rei e dali vi 45 minutos de pouca emoção. Os baianos tiveram mais posse de bola e chegaram a levar certo perigo para a meta defendida pelo goleiro Iago, só que todos os ataques foram neutralizados pelos defensores locais.

O Primavera chegou poucas vezes dentro do campo de defesa rubro-negro, e quando isso aconteceu, a bola nem na direção do gol foi. Um triunfo do Fantasma pela contagem mínima era bom pro Vitória pois não fazia o time perder a primeira colocação da chave e bom pros paulistas pois garantia a classificação. Como estava bom para ambas as partes, nada foi alterado.


O Vitória tentou chegar ao empate no tempo final, só que o Primavera se defendeu bem


Patrik chutando em direção a gol do Fantasma


Zagueiro baiano afastando o perigo

O resultado final de Primavera 1-0 Vitória classificou o Fantasma pra enfrentar o Vila Nova na segunda fase, enquanto os baianos pegam o Ituano. Se a rodada não foi assim nenhuma Brastemp, pelo menos serviu - e isso tá bom demais - pra colocar mais um time na Lista, o de número 673.

Sai correndo da casa primaverina, afinal, o ônibus que me traria de volta à capital sairia da rodoviária às 18 horas em ponto. Fiz a viagem de volta junto com o amigo Mário na boa, mesmo com duas crianças que gritaram durante TODO o trajeto. Destaque para as mães que deixaram o circo pegar fogo sem moverem um dedo sequer.

Fechando com chave de ouro a cobertura do JP na primeira fase da Copa São Paulo, na quarta-feira fui até Taboão da Serra acompanhar outra decisão de vaga com mais um time novo na Lista, o sétimo em uma semana.

Até lá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário