Procure no JP

sábado, 20 de abril de 2013

Arapongão voa mais alto que o Azulão e vai para a segunda fase da Copa do Brasil

Fala, povo!

Fechando a trilogia de pelejas que o JP assistiu pela Copa do Brasil, na quarta-feira à noite fomos ao Estádio Anacleto Campanella. Ali, o recém-rebaixado São Caetano recebeu o Arapongas em busca de uma vaga na segunda fase do campeonato. O Estádio Anacleto Campanella foi o palco de mais esse sensacional confronto.

Apesar de morarmos relativamente próximos do Paraná, não é tão fácil "matar" equipes do tal estado. Tanto que esse foi apenas o 12º time paranaense a entrar na minha Lista (que agora chega ao número 555). Para aproveitar a oportunidade rara, além do que vos escreve, o quórum gigante do dia marcou presença no ABC: Estevan, Mílton, Victor, Sérgio, e na torcida visitante, os amigos Renato e Luiz.

Apesar de pouco conhecida por essas bandas, a agremiação da Cidade dos Pássaros foi fundada em 1974. Tradicional participante da segundona estadual nos anos 70 e 80, o time chegou à elite paranaense em 1990 e 1991. Depois disso, sumiu do profissionalismo, voltando às disputas somente em 2005. Em 2010 voltou a subir de divisão e desde então vem marcando boa presença na primeirona.

O ápice da retomada do Arapongão aconteceu justamente na temporada passada. O time foi terceiro colocado no estadual, conquistando o título de Campeão do Interior e também vagas na Série D 2012 e nessa edição da Copa do Brasil. Outro destaque relacionado ao time é a ótima presença de público nos jogos realizados no Estádio dos Pássaros. No estadual, a média tem ficado na casa dos 2 mil pagantes.

Falando nisso, os 3.068 torcedores que foram assistir o jogo de ida com certeza ficaram empolgados com a vitória local por 1x0, deixando o time com a vantagem do empate para conquistar a classificação para a segunda fase. O Azulão precisava vencer por dois gols de diferença.

Só que o maior adversário do São Caetano para essa peleja era o baixo astral que tomou contra do Anacleto depois da queda para a Série A2, concretizada no empate contra o Penapolense alguns dias antes. Após 13 anos seguidos na elite, o campeão paulista de 2004 agora irá se embrenhar em pelejas do segundo escalão estadual em 2014. Talvez essa tenha sido a maior decepção do Paulistão, ainda mais se levarmos em conta a presença do camisa 10 Rivaldo.

E curtindo cada momento da fria noite de São Caetano do Sul, fui credenciado na base do laço para as imagens oficiais. O time local não posou, algo já esperado, mas o que me interessava mesmo era a imagem da equipe visitante, captada de forma exclusiva para o JP:


Arapongas EC - Arapongas/PR. Foto: Fernando Martinez.


Trio de arbitragem e capitães dos times. Foto: Fernando Martinez.

O gelado estádio, recheado com a massa bruta de 473 torcedores, viu um jogo mais ou menos... Nem tão ruim, nem tão bom. O Azulão, comandado por Rivaldo e pelo atacante Jóbson (!), fez uma apresentação razoável e mostrou que queria anular a vantagem paranaense logo.


Jael, camisa 9 do Azulão, tentando fazer algo de útil no começo de jogo. Foto: Fernando Martinez.

Depois de alguns gols perdidos, o zagueiro Gabriel abriu o placar aos 37 minutos. Ele escorou perfeitamente cruzamento da direita, sem chances para o arqueiro Édson. Com essa vantagem parcial para o Azulão, o primeiro tempo chegou ao seu final.


Ataque local pela direita. Foto: Fernando Martinez.


Falta dura de zagueiro paranaense. Foto: Fernando Martinez.

O segundo tempo começou e o dono da casa perdeu dois gols feitos com o polêmico atacante Jóbson. Nas duas ele entrou livre na área e chutou fraco em cima do camisa 1 do Arapongas. Era óbvio que essas oportunidades desperdiçadas fariam falta... E como fizeram.


Ataque paulista pelo alto. Foto: Fernando Martinez.

Entre um gol perdido e outro, a torcida organizada do Azulão dava show com cantos revoltados homenageando a situação atual da equipe. Dois merecem um destaque especial. O primeiro enaltecendo a "ótima" produtividade do atacante Jael (!): "ah, que bom seria... Se o Jael voltasse pro Bahia". O segundo um tanto quando mais nervoso: "Acabou a paciência... Não quero paz, só quero violência". Genial.


Uma das ótimas chances de gol do São Caetano desperdiçadas no segundo tempo. Foto: Fernando Martinez.

E ao som dessas doces canções, a peleja acabou mesmo com a vantagem mínima para o Azulão. Como o time do ABC devolveu o mesmo placar do jogo de ida, a classificação para a segunda fase seria decidida nos pênaltis. Aí brilhou de vez a estrela do camisa 1 do Arapongão.


Um dos três pênaltis defendidos pelo milagreiro arqueiro Édson do Arapongas. Foto: Fernando Martinez.


Último penal para o onze sulista e a vaga histórica estava assegurada. Foto: Fernando Martinez.

Édson foi muito bem e defendeu as sonolentas sobranças de Jael, Vandinho e Diego. O Arapongas fez os dois primeiros com Baiano e Breno, mas perdeu o terceiro com Lucas Silva. Samuel Xavier marcou o único no Azulão na quarta cobrança e Éder decidiu a pugna fazendo o terceiro dos visitantes no penal seguinte.

Final de jogo: São Caetano 1 (1) - (3) 0 Arapongas. A eliminação da equipe paulista evidencia algo que falamos há tempos. Tirando os "quatro grandes", poucos times do estado de São Paulo são ainda destaque no cenário nacional. Nos últimos anos estamos presenciando poucas glórias e muitas decepções das agremiações paulistas nos certames nacionais.

E para provar que 2013 não começou diferente, nem bem a Copa do Brasil começou e cinco das oito equipes paulistas já foram desclassificadas: Portuguesa, São Caetano, Noroeste, Grêmio Barueri e Guarani. O futebol do interior, antes poderoso e famoso celeiro de craques, está morrendo aos poucos e os responsáveis que poderiam tentar mudar esse panorama dão de ombros para o estado lamentável que muitos times se encontram... Triste, mas é a mais pura realidade.

Lamentação bandeirante à parte, a comemoração foi enorme entre o pessoal do Arapongas, que agora pega o Figueirense pela segunda fase do torneio. Ao São Caetano resta o descanso de um mês até a estreia da Série B do Brasileiro no final de maio. Esperamos que o pessoal do ABC acorde a tempo de fazer um bom papel na segundona nacional.

Até a próxima!

Fernando

Um comentário:

  1. sr. fernando gostaria de saber quando voces vao começar a passar jogos da 2 divisao 2013 que começou dia 28 de abrilde 2013 domingo. gostariua que o sr me respondesse a minha pergunta e se possivel mostrar 0s 45 clubes da 2 divisao com voces fizeram na a2 ea3 mostraram os 40 clubes. fico no aguardo mostrem a minha briosa de santos a portuguesa santista.

    ResponderExcluir