Procure no JP

terça-feira, 3 de maio de 2011

Vitória do Bernô no clássico contra o Palestra pela Segundona

Opa,

Graças a uma mudança de planos, não viajei no último domingo e consegui acompanhar mais uma partida pelo Campeonato Paulista da Segunda Divisão. E não foi uma partida qualquer, e sim o clássico mais antigo do ABC paulista. No gramado sintético do Baetão, Palestra e São Bernardo duelariam em mais um capítulo da longa rivalidade das duas equipes.

Como moro agora nos limites do ABC paulista, chegar em São Bernardo do Campo foi tranquilo e não tive nenhum percalço. Por ter chegado cedo, encontrei muitos dos que sempre marcam presença nos jogos no Baetão. Os amigos Pedro e Thiago, honrando o nome do verdadeiro Bernô dentro e fora das arquibancadas, Roberto Rocha e Leandro Giudici, palestrino doente.

Vale registrar também a simpatia de todos do Esporte Clube São Bernardo comigo. O trabalho fica mais fácil quando somos recebidos com respeito e amizade. Deixo aqui um abraço para todos que vem tocando o Bernô. Depois do bom papo, as equipes entraram em campo e lá fui eu para as fotos oficiais.


Palestra SB - São Bernardo do Campo/SP. Foto: Fernando Martinez.


EC São Bernardo - São Bernardo do Campo/SP. Foto: Fernando Martinez.


O árbitro Antônio Ferreira Júnior e os assistentes Tércio Roberto Nogueira e Rodrigo Soares Aragão posam junto com os capitães dos times. Foto: Fernando Martinez.

Disputado desde o longínquo ano de 1936 e com histórias espalhadas por outros esportes, como futsal, basquete e vôlei, o clássico batateiro faz parte de uma página do futebol paulista que praticamente se apagou. Falo sobre o tempo em que as torcidas não eram separadas e que a violência era praticamente inexistente. Muitas famílias estiveram presentes no Baetão, e simpatizantes dos dois times conviviam lado a lado.

Na história dos campeonatos paulistas, esse foi o 19ºencontro entre os dois maiores rivais do ABC. Nas 18 partidas anteriores, aconteceram 7 vitórias do Bernô, 3 empates e 8 vitórias palestrinas. O alvi-negro marcou 24 gols e o Palestra anotou 29. Nada melhor do que mais um capítulo dessa história para começar a Segundona 2011.

Para os primeiros 45 minutos, resolvi acompanhar o ataque do time alvi-negro. Mas nos primeiros minutos quem dominou a partida foi o Palestra. O Bernô não conseguiu se acertar, e a equipe alvi-verde obrigou o goleiro Jefferson a se desdobrar para evitar o gol.


Detalhe da bela camisa palestrina em disputa de bola no meio de campo. Foto: Fernando Martinez.


Ataque do time alvi-verde pela esquerda nos primeiros minutos de partida. Foto: Fernando Martinez.

Só que aos poucos o São Bernardo foi conseguindo jogar um melhor futebol, e passou a ter melhor desempenho dentro do gramado. Depois dos 20 minutos de jogo, só os atletas treinados pelo técnico Júlio Passarelli atacavam. De tanto insistir, o gol veio aos 37 minutos em cabeçada de Carlos Henrique após cruzamento da direita. O goleiro Vinícius tentou a defesa, mas a bola entrou no seu canto esquerdo.


Detalhe do lance do primeiro gol da partida, marcado pelo camisa 5 Carlos Henrique. Foto: Fernando Martinez.


Falta perigosa para o Bernô. Foto: Fernando Martinez.

O intervalo chegou com a vitória parcial do Bernô, e eu saí do campo de jogo para acompanhar o segundo tempo da partida com o pessoal que torcia pela equipe nas arquibancadas. Mas o pessoal ficou nervoso com a atuação da equipe, pois o time recuou bastante, chamando o Palestra para o seu campo de defesa.


Zaga do Palestra sofrendo com a forte marcação dos atacantes do São Bernardo. Foto: Fernando Martinez.


Bom ataque do time verde no segundo tempo. Foto: Fernando Martinez.

A equipe alvi-verde bem que tentou, mas não conseguiu chegar ao gol de empate, embora tivessem criado ótimas oportunidades. Mas a situação do Palestra se complicou com a expulsão seguida dos jogadores Gabriel e Jorge. Agora com dois atletas a menos, a chance do empate era pequena. Mesmo assim, o time tentou a igualdade no placar, mas o São Bernardo conseguiu se segurar e levar a vitória.


Mais uma tentativa de empate para o Palestra, agora em bola alçada na área. Foto: Fernando Martinez.

Final de jogo: Palestra 0-1 São Bernardo. O Bernô começa com o pé direito a Segundona 2011, talvez o campeonato em que a equipe comece melhor preparada desde os áureos tempos. Para os alvi-verdes, obviamente nada está perdido e a recuperação é esperada já na próxima rodada.

Após o apito final ainda fiquei nas arquibancadas no Baetão jogando conversa fora até pegar meu caminho de volta para casa. Foi complicado chegar, graças a uma falta de energia elétrica na rede de trólebus, mas deu tudo certo e antes de um temporal já estava na frente da TV para ver a vitória corintiana no clássico maior do estado.

Até a próxima!

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário