Procure no JP

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Estádios pelo Brasil, volume 39: Estádio Domingos Baldan (Guariba/SP)

Olá,

Continuando com a mostra de estádios espalhados pelo interior, agora chegou a vez de divulgar aos internautas que acompanham o JP, o Estádio Domingos Baldan, localizado na cidade de Guariba e que é utilizado pelo Guariba Esporte Clube, quando atua como mandante nas partidas válidas pelo Campeonato Paulista da Segunda Divisão.

Para quem não conhece Guariba, aqui vão algumas informações da simpática cidade, cuja distância de São Paulo é de 322 km e está localizada na microrregião de Jaboticabal, próxima à Ribeirão Preto. Sua população gira em torno de 34.000 habitantes e também é conhecida como "Cidade Primavera" por ter sido fundada em 21 de setembro de 1.895, data do início da estação das flores. Partindo de São Paulo, o acesso mais usual é pelas Rodovias Washington Luís e Brigadeiro Faria Lima. Em termos de economia, a cidade desponta como uma das novas forças do Agronegócio, sendo que as suas principais cultura são cana-de-açúcar e amendoim.


Fachada do Estádio Domingos Baldan. Foto: Orlando Lacanna.


Vestiários e arquibancadas localizadas atrás do gol dos fundos. Foto: Orlando Lacanna.


Visão geral do gramado e das arquibancadas centrais vistos dos vestiários. Foto: Orlando Lacanna.

Voltando a falar do estádio, o nome escolhido (Domingos Baldan) é uma homenagem ao doador do terreno à Prefeitura para construção do mesmo. O jogo de estreia foi Guaribinha F.C. 1 - 0 E.C. Tonani de Jaboticabal, sendo que não consegui informações sobre a data da sua inauguração. Há informações que sua capacidade seria de 5.123 espectadores, porém, no próprio estádio, há uma placa instalada na cabine de imprensa informando que a "capacidade máxima de público nas arquibancadas é de 3.929 pessoas".


Arquibancadas centrais vistas do corredor de acesso. Foto: Orlando Lacanna.


Cabine de imprensa. Foto: Orlando Lacanna.

Como tinha estado pela última vez nesse estádio em 2.008, quando cheguei, fiquei surpreso com a construção de um galpão que ocupou todo espaço lateral do lado oposto à cabine de imprensa. Antigamente essa área era ocupada pelos torcedores que ficavam em pé junto ao alambrado, com alguns sentados em bancos de madeira. A grande preocupação de algumas pessoas ligadas ao futebol do Guariba é que se o time conseguir o acesso à Série A3, não haveria mais espaço para ampliar e adequar o estádio às exigências da FPF, dentre as quais, que a sua capacidade passasse para 10.000 espectadores sentados.


Visão do centro do gramado com o galpão ao fundo. Foto: Orlando Lacanna.


Gol da direita visto do lado oposto à cabine de imprensa. Foto: Orlando Lacanna.


Agora o gol da esquerda. Foto: Orlando Lacanna.


Banco de reservas. Foto: Orlando Lacanna.

Durante a visita, tive o prazer de conhecer a simpática Presidente do Guariba E.C., a Sra. Vanessa Evangelista de Souza, que alegou serem improcedentes as preocupações com a construção do tal galpão, o qual será utilizado pela Prefeitura em outros eventos não futebolísticos, como por exemplo festa junina, exposições, etc. Se o time ascender a Série A3, será colocado em prática plano de ampliação, utilizando os espaços atualmente disponíveis, em especial o localizado atrás da meta do portão de entrada. Ela demonstrou muita tranquilidade quanto a uma possível ampliação. Vamos aguardar.


Visão do interior do galpão. Foto: Orlando Lacanna.


Arquibancadas da "curvinha" sob confortável sombra das árvores. Foto: Orlando Lacanna.

Depois de percorrer todas as dependências do estádio, as quais estão em boas condições, em especial os novíssimos sanitários, fui para o interior do gramado para acompanhar bem de perto a partida Guariba x Olímpia. Em breve voltarei às paginas virtuais do JP, para mostrar mais alguns estádios que são pouco conhecidos pela maioria dos torcedores. Aguardem...

Abraços,

Orlando

Nenhum comentário:

Postar um comentário