Procure no JP

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Jacareí faz o dever de casa e marcha firme na Segunda Divisão

Olá,

Mais um fim de semana futebolístico e mais uma vez saí a campo para representar o JOGOS PERDIDOS nas habituais coberturas de partidas do Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2.011. A pedida dessa vez, foi pegar a Via Dutra e seguir até a cidade de Jacareí, com o objetivo de conferir tudo que rolou no confronto Jacareí A.C. x União Suzano A.C. Essa partida foi realizada no último sábado à tarde no Estádio Stavros Papadopoulos e valeu pela sexta rodada da primeira fase da competição, no seu Grupo 5.

Esse jogo reuniu duas equipes que foram para o gramado fazendo parte do G4, pois o time da casa estava na 3ª posição com 10 pontos, enquanto os visitantes, também com 10 pontos, estavam da 4ª posição. Aliás, a boa campanha do União Suzano foi uma das principais razões para essa partida ser escolhida para ter cobertura do JP, pois, nos últimos tempos, o USAC não vem fazendo boas campanhas, normalmente ficando pelo meio do caminho, já na primeira fase e nas últimas colocações. Portanto, havia uma grande curiosidade sobre o time atual de Suzano.

Depois das conversar de praxe com o pessoal dos dois time, fui para o gramado fazer as fotos oficiais da partida, as quais, dessa vez, são exclusivas e estão apresentadas abaixo:


Jacareí A.C. - Jacareí/SP. Foto: Orlando Lacanna.


União Suzano A.C. - Suzano/SP. Foto: Orlando Lacanna.


Trio de arbitragem formado por Simões Marconi Ferrari, Mário Nogueira da Cruz e Marco Antônio de Andrade Motta Júnior ao lado dos dois capitães. Foto: Orlando Lacanna.

Nos primeiros movimentos da partida, o Jacareí teve mais posse de bola, embora tenha sido o time de Suzano que mais chegou à área adversária, tendo conseguido três escanteios consecutivos nos primeiros dez minutos.


Tentativa de jogada ofensiva do Jacareí no início da partida. Foto: Orlando Lacanna.

A partida vinha num ritmo agradável de ser assistida, com os times se alternando em jogadas de ataque que levaram relativo perigo ao gol adversário, como aconteceu na marca dos 17 minutos, quando Willians do União Suzano desferiu uma bela cabeçada que o goleiro Anderson segurou bem. A resposta do JAC veio um minuto após, numa cabeçada de raspão do camisa 10 Luís Guilherme no interior da pequena área. Aos 25 minutos, o goleiro do "Jacaré do Vale" praticou brilhante defesa, ao desviar para escanteio uma cobrança de falta executada por Willians.

A primeira real chance de gol, aconteceu aos 33 minutos e foi desperdiçada pelo União Suzano, em jogada que começou pelo lado direito, resultando num cruzamento rasteiro que o camisa 8 Bruno Rios aproveitou, mas concluiu sem força, permitindo que o goleiro do JAC fizesse a defesa.


Bruno Rios do USAC concluindo e perdendo grande chance de abrir o placar. Foto: Orlando Lacanna.

Aos 40 minutos foi a vez do Jacareí perder grande chance, quando o camisa 11 Juninho, aproveitando uma vacilada do zagueiro Alexandre, invadiu a área sozindo e tocou rasteiro à direita do goleiro, mas para seu azar, a bola caprichosamente tocou no poste direito e foi para fora, deixando a torcida local incrédula com a oportunidade perdida.


Agora foi a vez de Juninho desperdiçar grande oportunidade. Foto: Orlando Lacanna.

O primeiro tempo já se aproximava do encerramento, quando na marca dos 43 minutos, o camisa 6, o zagueiro e capitão do JAC Ronan, subiu de cabeça e, contando com a saída em falso do goleiro Henrique, mandou a bola para o fundo do barbante do USAC, inaugurando o placar e levando para o intervalo a vantagem mínima a favor dos donos da casa.


Camisa 6 Ronan subindo para tocar de cabeça e inaugurar o placar. Foto: Orlando Lacanna.

No intervalo tentei me acomodar numa das cabines de imprensa, mas não consegui um lugarzinho, pois algumas estavam com as portas de acesso trancadas, enquanto as que estavam disponíveis, encontravam-se lotadas de "jornalistas". Diante disso, voltei ao gramado e de lá acompanhei toda segunda etapa.

Com a bola voltando a rolar, o União Suzano foi com tudo em busca do empate e não demorou muito para conseguí-lo, pois aos 9 minutos, o camisa 10 Willians deixou tudo igual ao cobrar com perfeição uma penalidade máxima, marcada com acerto pelo árbitro, pegando um toque de mão no interior da área.


Bola estufando a rede no gol de empate do União Suzano anotado por Willians. Foto: Orlando Lacanna.

Ao conseguir o empate, o União Suzano deu uma recuada e acabou chamando o Jacareí pra cima, que só não retomou a vantagem no placar, aos 13 minutos, graças a uma portentosa defesa do goleiro Henrique, que se redimiu da falha no gol inicial. O goleiro suzanense se esticou todo e desviou com a unha uma cobrança venenosa de falta executada por Ronan.


Defesa espetacular do goleiro Henrique do União Suzano. Foto: Orlando Lacanna.

A partir do vigésimo minuto, o jogo ficou bem interessante, na medida em que, o Jacareí saía com tudo ao ataque e o União Suzano, ao recuperar a bola, também ía com tudo pra cima da defesa dos anfitriões. Nessa toada, o União Suzano chegou com perigo aos 23 minutos, através de uma boa arrancada de Willians, cuja conclusão morreu nas mão do goleiro Anderson. O troco do Jacareí veio aos 25 minutos, numa cabeçada à queima-roupa do zagueiro Zila, obrigando o goleiro visitante a operar um verdadeiro milagre.


Jogada aérea do ataque do Jacareí no segundo tempo. Foto: Orlando Lacanna.

Aos 26 minutos, o zagueiro Zila do Jacareí foi expulso por ter recebido o segundo cartão amarelo, deixando sua equipe com um homem a menos e, com isso, o União Suzano poderia tirar proveito e virar o placar, porém para alívio do JAC, quatro minutos após, o camisa 14 Reinan do USAC deu uma entrada fortíssima num adversário e acabou recebendo o cartão vermelho direto, deixando tudo igual novamente em termos de número de atletas.

Com dez atletas para cada lado, o União Suzano assustou o time da casa em dois momentos, sendo o primeiro aos 32 e o segundo aos 37 minutos, em ambas jogadas com a participação do bom camisa 8 Bruno Rios, com direito a um belíssimo chapéu no zagueiro no segundo lance. O goleiro Anderson mostrou serviço e segurou as duas conclusões.

No melhor momento do União Suzano no jogo, o Jacareí chegou à marcação do seu segundo gol, aos 38 minutos, num belo arremate da entrada da área, desferido por Luís Guilherme que surpreendeu o bom goleiro Henrique, colocando o JAC novamente em vantagem no marcador.

A marcação do segundo gol do JAC provocou uma baqueada no time do USAC e permitiu que o adversário passasse a dominar os últimos minutos da partida, tendo inclusive quase marcado o terceiro gol, aos 44 minutos, através de Luís Guilherme, que realizaou uma jogada individual sensacional, partindo do seu campo de defesa, passando em velocidade por três defensores do USAC e concluíndo do interior da área, mas aí apareceu o bom goleiro Henrique e acabou com a festa. Teria sido um verdadeiro golaço.


Outra ótima defesa de Henrique evitando o terceiro gol do Jacareí. Foto: Orlando Lacanna.

Partida encerrada com o marcador apontando Jacareí 2 - 1 União Suzano, que manteve o time da casa na 3ª posição, agora com 13 pontos, marchando firme rumo à segunda fase da competição. Mesmo com a derrota, o time de Suzano se manteve no G4, na 4ª colocação com 10 pontos. Gostei muito do time do USAC que mostrou o porque está fazendo uma boa campanha no campeonato, tendo sido derrotado numa partida igual, na qual tanto um time quanto o outro poderia ter vencido.

Após o encerramento do jogo, o União Suzano ainda teve o atleta Perete recebendo o cartão vermelho por ofensas ao árbitro. Nunca tinha visto isso antes, ou seja, um atleta ser expulso após o encerramento da partida. Fica aí o registro.

Ao deixar o estádio comecei a viagem de retorno para São Paulo, numa trajeto meio complicado por conta da logística, mas tá valendo. No dia seguinte, iria sair de casa bem cedo para mais uma viagem ao interior, com o objetivo de conferir outra partida da Segundona, porém dessa vez houve um fato lamentável, mas essa história fica para depois.

Abraços,

Orlando

Nenhum comentário:

Postar um comentário