Procure no JP

quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

Empate surpreendente em Barueri entre Galo e Marília/MA

Opa,

Continuando com a avalanche de jogos da 39ª Copa São Paulo aqui no JOGOS PERDIDOS, fecho a primeira rodada com o segundo jogo que rolou segunda à noite na Arena Barueri. Ficamos por lá e foi a minha vez de incluir mais um time na Lista no dia. A partida em questão reuniu os times do Atlético/MG e do perdidaço Marília do Maranhão.

Por uma falta de logística, só conseguimos a foto do time maranhense posado, já que fazer o Galo posar foi uma árdua e infrutífera tarefa. Mas o registro do time azul está aí:


Marília FC (Sub 20) - Imperatriz/MA. Foto: Fernando Martinez.

O Marília do Maranhão foi fundado em 1984 como um time amador. No final dos anos 90 a equipe passou também a jogar campeonatos nas categorias de base e esse ano disputará pela primeira vez um campeonato profissional, a Segundona do Maranhão. O time já está profissionalizado e só aguarda o começo do torneio. Então deixamos as boas vindas ao profissionalismo.


Escudo do Marília da camisa do time e o outro no placar da Arena Barueri. De onde tiraram esse segundo modelo?? Fotos: Fernando Martinez.

Bom, falando sobre o jogo, ficava claro para quem chegava na Arena o favoritismo mineiro, graças à boa reputação na categoria. O time já foi campeão da Copinha e era amplo favorito contra o novato maranhense. O favoritismo só aumentou quando logo no começo o Galo abriu o placar e fez a festa da boa torcida mineira presente por lá.


Ataque do Marília logo após o gol atleticano. Foto: Fernando Martinez.

Mas aos poucos o domínio atleticano foi sendo neutralizado pelo bom futebol dos maranhenses. O time azul não se intimidou e embalado pela torcida a favor passou a incomodar os mineiros. O Galo por sua vez perdia boas chances e essesgols fariam falta no final.


Lance perigosíssimo no ataque maranhense, notem que a bola fez sombra na trave. Foto: Fernando Martinez.

Então aos 34 minutos a torcida barueriense que ficou no estádio fez a festa com o gol de empate dos maranhenses. E foi em grande estilo, num golaço marcado por Rômulo, que entrou pela esquerda e chutou forte no canto esquerdo do goleiro. A festa aumentou ainda mais aos 44 minutos, com a virada do Marília. Em lançamento longo para Aurélio, ele driblou o goleiro e tocou com estilo. Saindo dos dicionários para se tornar herói, o jogo foi para o intervalo com a vantagem parcial do time azul.


Lance do gol de virada do Marília contra o Galo. Foto: Fernando Martinez.

No segundo tempo, o Atlético/MG veio para cima buscando uma eventual virada no placar. Mas o time esbarrava em toques demais e alguma dormência dos seus atacantes. Só que o Marília, ao invés de aproveitar esse tipo de jogo do Galo, recuou durante os 45 minutos e chamou os mineiros para o campo de defesa.


Um dos vários ataques atleticanos no segundo tempo. Foto: Fernando Martinez.

De tanto insistir, o Galo empatou de novo aos 24 minutos com Cléber entrando livre e tocando na saída do goleiro. E depois do gol o Atlético se soltou de vez e não marcou mais porque realmente o dia não era dos mineiros.


Falta que levou bastante perigo ao gol do Marília. Foto: Fernando Martinez.

No final ficou tudo igual mesmo: Atlético/MG 2-2 Marília/MA. Agora os quatro times do grupo tem um ponto, e quem perder na próxima rodada estará praticamente fora da Copinha, já quem ganhar obviamente dá um grande passo para a Segunda Fase.

Depois do jogo voltamos para São Paulo tranqüilos e com mais uma vez o dever cumprido. E logo mais tem mais!

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário