Procure no JP

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2007

Mais dois pontos perdidos pelo Nacional em casa

Fala pessoal!

Depois do jogo em Mauá, no sábado de manhã, fui acompanhar um jogo agora do Campeonato Paulista da Série A2. Seguindo a campanha nacionalina em casa (não faltei em nenhum jogo lá ainda), segui para o Estádio Nicolau Alayon para curtir o jogo entre Nacional e Bandeirante. E fui autorizado a entrar em campo para as fotos dos times posados e, por questão de honra, queria a foto do time de Birigüi, para compensar nossa ida à Campinas, aonde não conseguimos as fotos. Dessa vez deu tudo certo...


Nacional AC - São Paulo/SP. Foto: Fernando Martinez.


Bandeirante EC - Birigüi/SP. Foto: Fernando Martinez.

Por estar com o tempo exato do jogo começar, não consegui a foto do trio posado, mas fica para a próxima. Voltando às arquibancadas, encontrei o David, quase recuperado de uma gripe que o afastou dos gramados no meio de semana. E vimos um jogo morno, sem tantas emoções assim no primeiro tempo.


Jogador do Nacional chega atrasado e perde gol feito no comecinho do jogo contra o Bandeirante. Foto: Fernando Martinez.

O Nacional entrou um pouco perdido em campo, e mesmo tendo perdido uma chance absurda de gol no começo de jogo, aos poucos o Bandeirante foi conquistando seus espaços e passou a dominar o jogo. Mas foi um domínio territorial sem a ciração de tantas chances claras de gol. E nesse esquema "chove-não-molha", o jogo foi para o intervalo sem a abertura do placar.


Escanteio para o Naça ainda na primeira etapa do jogo contra o time de Birigüi. Foto: Fernando Martinez.

No segundo tempo o jogo mudou seu panorama, mas passou a ser dominado amplamente pelo Bandeirante. O goleiro do Nacional, Pablo, se transformou no herói da partida ao defender chutes à queima-roupa dos atacantes do time de Birigüi. Quando ele não chegava na bola, os atacantes do Bandeirante perdiam gols de forma bisonha.


Bola disputada no meio-de-campo, no jogo entre Nacional e Bandeirante. Foto: Fernando Martinez.

E por incrível que pareça, quem abriu o placar foi o time do Nacional. Aos 25 minutos, em contra-ataque perfeito, o jogador André, de apenas 16 anos, partiu sozinho pela direita e só teve o trabalho de tocar na saída do goleiro Marins do Bandeirante. Um golaço que aliviou a todos os torcedores do time ferroviário na Comendador Souza. Pena só que não deu nem tempo para comemorar, já que na saída de bola, o estreante Borebi apareceu livre para empatar o jogo.


Lance no meio-de-campo, com a boa torcida que veio de Birigüi observando atentamente. Foto: Fernando Martinez.

E até o final do jogo, os dois times ainda tentaram marcar o segundo gol, mas sem sucesso. Final de jogo: Nacional 1-1 Bandeirante. Foi o sexto ponto perdido pelo Nacional em casa. Tudo bem que nessa partida a vitória seria mais justa para o Bandeirante, mas está na hora do Naça se ligar e abrir o olho... o campeonato está chegando na metade e perder pontos em casa é fatal!

Depois do jogo, uma dor de cabeça me fez ficar em casa. Menos mal, já que a rodada do domingo me fez cair da cama e acordar cedinho... e logo mais ela vem aqui no JP!

Até lá

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário