Procure no JP

quarta-feira, 14 de dezembro de 2005

Torneio Amistoso: Guarani 5-1 Legionário

Fala povo!

Hoje vamos com talvez o jogo mais perdido do ano de 2005 e que honra o nome aqui do blog. Fizemos há algum tempo uma epopéia até a cidade de Monte Sião em Minas Gerais, e achávamos que seria a maior do ano, mas essa última acabou tomando esse posto. Presentes na jornada o quarteto formado pelo que vos escreve, mais o Emerson, o Mílton e o Jurandyr, que reapareceu dirigindo um carro até o interior depois de muito tempo ausente.

Percorremos os 160 quilômteros até a bela cidade de Águas de Lindóia para ver uma partida da Copa Cidade de Águas de Lindóia Diretor Sílvio Sargentim, que foi disputada por quatro equipes do nosso interior: Guarani de Campinas, SE Itapirense, Águas de Lindóia Inex e o totalmente inesperado e completamente perdido time do Legionário Esporte Clube, de Bragança Paulista. A partida que fomos acompanhar foi entre o bugre campineiro e o time de Bragança.


Escudo do Legionário de Bragança Paulista. Foto: Emerson Ortunho.

Detalhe que o último torneio disputado pelo time do Legionário foi a 3ª divisão paulista em 1976 (além desse campeonato, ele também jogou a 3ª divisão em 1957-58). Desde então o time não disputou mais nada profissional e nem achávamos que podíamos ver essa equipe alguma vez. Graças ao organizador Nelly conseguimos tal feito. A emoção ao ver a equipe azul e amarelo em campo foi indescritível. E como sempre, seguem as fotos dos times posados para a partida:


Guarani FC (sub-20) - Campinas/SP. Foto: Fernando Martinez.


Legionário EC (sub-20) - Bragança Paulista/SP. Foto: Fernando Martinez.


Trio de arbitragem com os capitães. Foto: Fernando Martinez.

Acho que podemos considerar um jogo entre Guarani e Legionário, em Águas de Lindóia, um dos mais perdidos em todos os tempos, certo? E o melhor ainda é que ainda visitei o Estádio Municipal Leonardo Barbiéri, que já era um sonho antigo. Belo lugar, ótima localização e ótima frequência. A primeira impressão foi mais do que positiva de tal local.

Bom, mas agora já era a hora de vermos o grande clássico, e posso dizer que foi um jogo muito bom, com muitas chances de gols e grande correria, apesar do grande calor no dia. Logo de cara, o time de Campinas já marcou um a zero e deixou clara sua intenção na partida. Logo depois o segundo gol foi marcado, após uma confusão na área. Com dois a zero no placar, já estava quase determinava sua vitória.


Escanteio para o Guarani no primeiro tempo e uma grande oportunidade desperdiçada. Foto: Fernando Martinez.

Depois do segundo gol, o time brugrino seguiu mandando no jogo e perdeu algumas ótimas chances para fazer o terceiro. Mesmo com o domínio do time verde, o Legionário mostrava um bom futebol, mostrando que seus jogadores sabem o que fazer com a bola, mas sem tanta objetividade no ataque. O jogo acabou indo para o intervalo em dois a zero mesmo.


Ataque bugrino na primeira etapa da partida contra o Legionário. Foto: Fernando Martinez.

No intervalo, aproveitando o calor insuportável do local, desfrutamos de inúmeros sorvetes artesanais, com sabores fantásticos. De Creme até um chamado Blue Ice. De Groselha até Uva. Depois disso, e com nossas línguas coloridas e com muita química na barriga, foi só esperar o começo da segunda etapa.

O segundo tempo começou com o Legionário mais efetivo no ataque e merecendo a marcação do seu golzinho. Mas pena para eles que num contra-ataque certeiro, o Guarani tenha chegado logo ao terceiro gol e sepultado de vez qualquer tipo de reação do time bragantino.


Escanteio para o Bugre no primeiro tempo e ao fundo a bela paisagem de Águas de Lindóia. Foto: Fernando Martinez.

Continuando a procurar o ataque, finalmente o Legionário achou seu gol. Depois de um cruzamento da direita e de uma bola rebatida do goleiro, o atacante do time azul e amarelo cabeceou e mandou a bola para o fundo da rede do Guarani, marcando o gol de honra da sua equipe. Depois disso o jogo continuou bom para os dois lados, mas com o Guarani mais ligado, que chegou rapidamente à marcação do quarto e quinto gols. Detalhe que o quinto gol foi marcado graças a uma rebatida do goleiro do Legionário que bateu nas costas do zagueiro do seu time e foi para o gol.


Registro do lance do gol do time do Legionário. A foto foi logo após da rebatida do goleirão bugrino, com a bola sobrando livre para o atacante azul e amarelo. Foto: Fernando Martinez.




Bola disputada no meio-campo. Uma foto que mostra com detalhes os uniformes dos times. Foto: Fernando Martinez.

No final do jogo, o placar ficou mesmo Guarani 5-1 Legionário EC. O Guarani acabou indo á final do campeonato contra o Águas de Lindóia. Para o Legionário fica aqui o registro da sua grata reaparição ao futebol. Parabéns a todos por lá e torcemos que seja uma volta definitiva.

Depois foi fazer o velho esquema de voltar mais uma vez pra casa, com paradas para lanchinhos no caminho e a certeza que esse foi um dos melhores jogos da vida de cada um de nós quatro que estivemos presentes. Tomara que em breve consigamos mais epopéias assim.


Na foto da esquerda vemos o organizador do evento Nelly (de camisa amarela) registrando tudo o que rolava no jogo na súmula oficial da partida. À direita, o Emerson e o Mílton ao lado do marco do Leonardo Barbiéri. Fotos: Fernando Martinez.

E no final de semana tem mais time novo aqui no JOGOS PERDIDOS.

Até mais

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário