Procure no JP

sábado, 12 de dezembro de 2009

China vence o México na abertura do Torneio Internacional Feminino no Pacaembu

Fala pessoal!

Na última quarta-feira começou aqui na capital paulista um torneio interessantíssimo para acompanharmos: o Torneio Internacional Cidade de São Paulo de Futebol Feminino. Tudo bem, muitos nem consideram a hipótese de acompanhar um jogo de futebol das mulheres, mas eu acompanho e acho muito legal a importância crescente da modalidade aqui no Brasil. E o jogo de abertura da competição foi o "clássico" entre a Seleção da China e a Seleção do México no Estádio do Pacaembu.

Ao chegar no tradicional estádio paulistano, logo vi que o primeiro jogo seria praticamente uma daquelas "partidas-fantasma" que vemos de vez em quando. Poucas pessoas encararam o tempo fechado na capital e foram ao Pacaembu começar a rodada dupla da noite mais cedo. Logo encontrei o Mílton, novo adepto do futebol feminino, perdido nas arquibancadas laranja do velho estádio paulistano.


Ataque da Seleção da China no primeiro tempo de jogo. Foto: Fernando Martinez.

E realmente acho esse torneio genial, pois reúne duas das melhores seleções do mundo na atualidade (Brasil e China) e duas outras que buscam um lugar ao sol (México e Chile). Detalhe que, das quatro seleções que disputam o torneio eu já vi jogos de três delas no futebol masculino. E por incrível que pareça, só não vi o time chileno jogar in loco, e as duas seleções que ficam bem mais longe do Brasil varonil (para lembrar: China e México) já estão na minha lista faz tempo.


Meio-campista mexicana tentando armar mais um ataque da equipe. Foto: Fernando Martinez.


Bola na trave da China em ótimo chute de atacante mexicana no segundo tempo. Foto: Fernando Martinez.

Bom, mas o jogo já iria começar e ficamos confortavelmente estirados nas cadeiras do meio do campo do Pacaembu. Logo aos 12 minutos a China mostrou sua força e abriu o marcador com a jogadora Liu As (todos os nomes das chinesas são extremamente "fáceis" de lembrar). Mas o México logo equilibrou a peleja e passou a levar bastante perigo ao gol chinês. Mas os erros das atacantes mexicanas eram excessivos, e caso tivessem acertado o pé o empate poderia ter chegado.


Atacante do México protegendo a bola de dura marcação chinesa pela esquerda. Foto: Fernando Martinez.

E os erros foram fatais para o time norte-americano, pois aos 37 minutos as chinesas ampliaram com a jogadora Han Duan. O primeiro tempo então terminou com a vantagem chinesa de 2x0 e o intervalo serviu para que nós fôssemos passear pelo estádio, já que as divisões entre os setores não existiam mais. Ficamos um pouco na numerada descoberta e momentos depois já estávamos nas cadeiras VIP do Pacaembu, também conhecidas como numeradas cobertas.


Mais uma chegada do time norte-americano no bom segundo tempo de jogo. Foto: Fernando Martinez.

E já devidamente colocados nas cadeiras azuis, o segundo tempo começou com o México jogando em cima da defesa chinesa. Nos primeiros minutos tivemos uma bola na trave da China, em belíssimo chute de fora da área de uma atacante mexicana. Mas os numerosos erros de ataque continuaram, e a Seleção da China aproveitou um preciso contra-ataque aos 31 minutos para marcar o terceiro gol, com um tento da jogadora Ma Jun.

O México ainda tentou mas não conseguiu furar o bloqueio defensivo chinês. Final de partida: China 3-0 México. Estréia das chinesas com o pé direito na competição, num resultado já esperado no Pacaembu. Depois desse jogo foi a vez da poderosa seleção tupiniquim estrear no Torneio Internacional Cidade de São Paulo contra um velho rival sul-americano, mas isso fica para o próximo post.

Até lá...

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário