Procure no JP

domingo, 16 de maio de 2010

Atibaia goleia União Suzano pelo Grupo 5 da Segundona

Olá pessoal,

No último sábado, fui até o Estádio Salvador Russani, em Atibaia/SP, acompanhar mais um jogo válido pela terceira rodada do Campeonato Paulista da Segunda Divisão. Em campo o Atibaia jogou contra o União Suzano. Como o time local vinha de uma vitória na última rodada contra o Mogi e os visitantes haviam levado uma sonora goleada do Jacareí, o pequeno público presente aguardava uma boa vitória do Falcão. Antes de falar sobre o jogo seguem as fotos exclusivas das equipes:


S.C. Atibaia - Atibaia/SP. Foto: Victor Minhoto.


União Suzano A.C. - Suzano/SP. Foto: Victor Minhoto.


O árbitro Gilmar Pedroso Rocha, os assistentes Alberto Poletto Masseira e Antônio Prazeres de Barros e o quarto árbitro Alex Lopes Loula acompanhados pelos capitães das equipes. Foto: Victor Minhoto.

A partida começou exatamente como a torcida local esperava, ou seja, a equipe laranja partiu com tudo para o ataque e logo no primeiro minuto, após um rebote de um cruzamento, o camisa 11 André Moura acertou um belo chute da entrada da área e fez o primeiro gol em favor dos locais. Mesmo com a vantagem no marcador o Atibaia não parou e continuou pressionando o advesário que mostrava muita fragilidade nos setores de meio campo e defesa. A partir dos 18 minutos o camisa 7 Léo Silva começou a aparecer no jogo e fez uma boa tabela na área, saindo na cara do goleiro para chutar com força e fazer o segundo do Falcão.


Léo Silva chuta com força para fazer o primeiro dele e o segundo do Atibaia no jogo. Foto: Victor Minhoto.

Apenas três minutos depois, o mesmo Léo Silva, fez uma das mais bonitas jogadas da partida, saindo com a bola do meio de campo, driblando quatro advesários e chegando na cara do goleiro Henrique, que conseguiu fechar bem o ângulo e defender o chute, evitando um gol antológico na Segundona paulista. Entretanto, a partir deste momento, o Atibaia diminuiu o ritmo de jogo e, embora continuasse com maior posse de bola, não levou grande perigo a meta visitante. Já o União Suzano tentava chegar a seu gol com bolas alçadas na área que apenas serviam para consagrar o arqueiro Dida. Assim a pugna foi para intervalo em 2x0 para os locais.


Após Léo Silva driblar quatro advesários o arqueiro Henrique impede um golaço dos locais. Foto: Victor Minhoto.

Parece que o técnico Eduardo Clara, do Atibaia, deu uma chacoalhada na sua equipe durante o intervalo, tanto que os locais voltaram novamente com fome de bola e pressionando o Javali. Essa pressão deu resultado aos 16 minutos, quando Léo Silva recebeu um bom lançamento nas costas da zaga, saiu na cara do gol e foi derrubado pelo goleiro visitante. Assim, aos 17 minutos, o próprio Léo Silva cobrou o penalti e fez 3x0 no placar.


Em cobrança de pênalti Léo Silva faz o terceiro do Falcão. Foto: Victor Minhoto.

Esse gol mexeu com o lado emocional do União Suzano, que vislumbrava sofrer uma nova goleada, tanto que no lance seguinte o camisa 11 Betinho fez de forma desnecessária uma falta violenta no adversário e foi corretamente expulso de campo. Essa situação deixou mais fácil ainda o caminho para o gol a favor do Atibaia. 

Aos 27 minutos o camisa 9 Eduardo Calmon recebeu outro lançamento nas costas da zaga e chutou a bola na trave, mas no rebote apareceu Léo Silva que apenas teve o trabalho de chutar para o fundo do gol fazendo o quarto de sua equipe. No minuto seguinte o mesmo Eduardo Calmon fez boa jogada pela ponta direita e cruzou com força, a bola passou pelo goleiro suzanense e novamente apareceu Léo Silva para tocar a bola e fazer o quinto do Falcão e o quarto dele na partida.


O arqueiro Henrique tenta desviar a bola no chute de Eduardo Calmon, mas... Foto: Victor Minhoto.


...a bola acaba morrendo pela sexta vez no fundo do gol dos visitantes. Foto: Victor Minhoto.

Quem achou que tinha acabado se enganou. Aos 36 minutos, em outro lançamento por trás da zaga, Eduardo Calmon recebeu a bola na cara do gol e chutou, o goleiro ainda chegou a tocar nela, mas não o suficiente para impedir que ela viesse a morrer no fundo de sua meta. Os locais ainda tiveram mais algumas chances de ampliar o placar, mas ele ficou mesmo em Atibaia 6x0 União Suzano até o final. Nesta partida fica o destaque para o grande futebol apresentado pelo camisa 7 Léo Silva do Atibaia, que mostrou grande qualidade técnica e muito oportunismo, pode ser que logo ele seja negociado com uma equipe maior do futebol brasileiro.

Vale ainda destacar que esta foi a maior goleada da história do Atibaia, que iniciou em 2006 sua trajetória no futebol profissional. As maiores goleadas até então eram um 6x1 contra o Capivariano fora de casa em 08/07/07 e um 6x2 em casa contra o próprio União Suzano em 14/06/08. Após o término da rodada o Atibaia ficou com seis pontos ganhos em três partidas na segunda posição do grupo e apenas um ponto atrás do ECUS. Certamente o Falcão vai brigar pela classificação para a segunda fase, mas ainda temos muito campeonato pela frente. Já o simpático União Suzano precisa melhor sua equipe rapidamente se não quiser ser um verdadeiro saco de pancadas na competição.

Até a próxima,

Victor

Nenhum comentário:

Postar um comentário