Procure no JP

segunda-feira, 3 de junho de 2019

Em jogo fraco, Mauaense derrota o Barcelona na capital

Texto e fotos: Fernando Martinez


Na última sexta-feira fechamos o mês de maio no JP com mais uma apresentação do Barcelona Capela "em casa" no Campeonato Paulista da Segunda Divisão. Na terceira rodada do segundo turno, o Elefante recebeu o Grêmio Mauaense no Estádio Conde Rodolfo Crespi. Foi o 33º jogo seguido dos paulistanos como mandantes que teve cobertura do blog. Não há como negar que certamente estamos entre cinco ou seis almas, no máximo, que acompanhou tudo isso de perto.


Barcelona Esportivo Capela Ltda - São Paulo/SP


Grêmio Esportivo Mauaense - Mauá/SP


Capitães dos times, o árbitro Marcelo de Jesus Santos, os assistentes Marco Antonio Motta Junior e Fabrício da Silva Costa e o quarto árbitro Camilo Morais Zarpelão posando para as lentes do JP

Depois de abrir o returno tomando um 4x0 do Guarulhos fora de casa, o Barcelona descansou na segunda rodada e precisava voltar a vencer para chegar perto do G4. Do outro lado, a Locomotiva, que atuou apenas pela segunda vez na sua história na Rua Javari, ainda não tinha perdido dentro de campo (o único revés foi contra o USAC por WO) e apostava na conquista dos três pontos.

É, só que diferente das pelejas anteriores, essa foi horrível e muito abaixo da crítica. As duas equipes tiveram pouquíssima inspiração e o que vimos foi uma série de passes errados, ataque ruins e jogadas sem nexo. O Barcelona até começou tentando impor uma pressão, porém nada digno de registro. O Mauaense foi levemente superior, mas nada do tipo "nossa, que atuação memorável", pelo contrário. Um cenário tenebroso e com completa ausência de emoções positivas.

Aos 30 o escrete visitante acabou abrindo o marcador meio sem querer em jogada de bola parada. Thiago cobrou falta, a zaga falhou e o camisa 10 fez o dele. Nos minutos restantes o Barça ficou mais tempo dentro da área visitante e nada fez. A ruindade foi tão grande que desisti de ver sozinho uma partida tão fraca e subi até a numerada acompanhar a etapa final junto com Milton Haddad, grande comunista da Aclimação.


Troca de passes no campo de ataque visitante


Bola estufando as redes do Barcelona. Mauaense na frente do placar


Atleta da Locomotiva tentando se desvencilhar da marcação local


Boa defesa do goleiro visitante em chute de longe

Como desgraça pouca é bobagem, os últimos 45 minutos foram ainda piores. Os 22 atletas poderiam estar no histórico gramado da Rua Javari até agora que seguramente nada teria acontecido. Como sempre o papo com o amigo decano foi o melhor momento da tarde. Eu precisava ter saído antes do apito final por conta de compromissos profissionais, mas de teimoso fiquei, ainda acreditando no milagre de rolar algum momento decente. Claro, nada aconteceu.


Investida do escrete da Grande São Paulo pelo alto


Bola perigosamente zanzando dentro da área do Barcelona


Vinícius, camisa 14 do Elefante, tentando de longe


No fim, o Grêmio conseguiu segurar sua vantagem e conquistar importante triunfo

O placar final de Barcelona 0-1 Mauaense deixou o Elefante a cinco pontos do G4 e aposto um sorvete que o panorama não irá mudar nas rodadas restantes. Cravo que será outro campeonato em que os paulistanos não passarão de fase, assim como nunca aconteceu nas dez temporadas disputadas no profissionalismo. Bom, no fim, o que vale mesmo é estarem em campo. A Locomotiva de Mauá foi a 14 e ocupa a quarta colocação... lembrando que o time perdeu seis pontos e por enquanto essa decisão está suspensa.

Maio se encerrou e agora estamos em junho. A programação para esse mês é ousada e promete bastante. Ainda faltam vários detalhes a serem acertados e uma coisa é certa: se tudo der certo, será sensacional.

Até a próxima!

_________________________

Ficha Técnica: Barcelona 0-1 Mauaense

Competição: Campeonato Paulista da Segunda Divisão; Local: Estádio Conde Rodolfo Crespi (São Paulo); Árbitro: Marcelo de Jesus Santos; Público: 350 pagantes; Renda: R$ 3.075,00; Cartões amarelos: Léo, Cristopher, Guilherme Novaes (Bar), Marcelo (Mau); Gol: Thiago 30 do 1º.
Barcelona: Alexandre; Rodrigo, Pereira, Guilherme Novaes e João Pereira (Wesley Vieira); Luís Vinícius (Johnny), Felipe, Léo e Félix (Guilherme); Romilson e Cristopher. Técnico: Murilo Silva.
Mauaense: Mathias; Marco Antônio, Emerson, Alefe e Ariel (Wanderson); Felipe, Diego (Denilson), Guilherme Martins e Thiago; Teixeira e Weberth (Marcelo). Técnico: Tássio Lopes.
_____________

Nenhum comentário:

Postar um comentário