Procure no JP

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Em grande jogo, Bernô derrota a Briosa e continua com chances na Segundona

Opa,

A sétima rodada do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, a última antes da inacreditável e absurda paralisação de um mês para a Copa das Confederações, foi disputada no último fim de semana e o JP marcou presença no duelo entre EC São Bernardo e Portuguesa Santista, válido pelo Grupo 8 do certame, e realizado como sempre no gramado sintético do Baetão.

Esse era um jogo mais do que decisivo para o Bernô. Caso a equipe não vencesse, o sonho da classificação nessa difícil chave ficaria mais longe. O "problema" é que a Briosa, mesmo vindo de derrota no clássico contra o Jabuca, prometia complicar, confiando na boa campanha até então.

E para não ter problema com o trânsito ou com falhas no sistema dos trólebus que saem da capital com destino ao ABC, cheguei ao Terminal Jabaquara por volta de cinco da tarde. Tive que aguardar o terceiro coletivo para seguir até São Bernardo do Campo, mas pude ao menos ir sentado confortavelmente e com direito a 40 minutos de uma agradável soneca.

Chegando no estádio já vi que os amigos de sempre também marcariam presença, como o Ricardo Espina, Mílton, Sérgio e Luiz. Já em campo, também deu tempo de bater um papo bastante agradável com o amigo e técnico do Bernô Júlio Passarelli, sempre muito lúcido nas suas palavras.


EC São Bernardo - São Bernardo do Campo/SP. Foto: Fernando Martinez.


AA Portuguesa - Santos/SP. Foto: Fernando Martinez.


Trio de arbitragem relacionado para a peleja com o árbitro Alysson Fernandes Matias e os assistentes Alberto Poletto Masseira e Ricardo Pavanelli Lanutto. Na imagem, também os capitães do Bernô e da Briosa. Foto: Fernando Martinez.

Com todos esses ingredientes na panela, acabei acompanhando sem sombra de dúvida um dos melhores jogos de 2013. Muito melhor do que jogos da Série A do Brasileiro, do Campeonato Paulista ou de qualquer competição nacional. Ao final do ano corrente, com certeza essa partida estará na lista dos Top 10.


Bola alçada na área da Briosa. Foto: Fernando Martinez.


O Bernô jogou bem, principalmente no primeiro tempo. Foto: Fernando Martinez.

As duas equipes atuaram muito bem dentro das suas pretensões, mas o São Bernardo em especial fez a sua melhor partida no certame até aqui jogando o fino da bola. Os rápidos atacantes locais infernizaram a zaga santista durante toda a peleja. Com isso, o grande nome do duelo foi o arqueiro Cléber, que já havia se destacado no confronto entre os dois times no primeiro turno. O camisa 12 da Briosa foi responsável por três milagres durante o tempo inicial e impediu que o time da casa saísse na frente nos primeiros 45 minutos.


Agora grande defesa do goleiro local em chute de longe. Foto: Fernando Martinez.


Mais um ataque do Bernô no tempo inicial. Foto: Fernando Martinez.

Só que a Portuguesa também levou perigo ao gol defendido por Pablo, principalmente em chutes de longe. Na saída das agremiações para os vestiários, um 3x2 talvez fosse o marcador mais justo. Na volta para o segundo tempo o Bernô não quis dar sopa pro azar e abriu o marcador aos 5 minutos. Daniel avançou pela esquerda e tocou para o meio da área. A pelota sobrou livre para o artilheiro Washington só ter o trabalho de tocar pro fundo das redes.


Cruzamento que originou o primeiro gol do jogo. Foto: Fernando Martinez.

As duas equipes mostraram muita disposição e a peleja continuou sendo disputada com altíssima qualidade. Por ironia, o melhor ficou mesmo para o final. No afã de conquistar o empate, todos os atletas da Briosa se mandaram para o ataque nos minutos finais, inclusive o goleiro Cléber. Para azar da equipe isso não surtiu efeito... E como desgraça pouca é bobagem, o São Bernardo armou um contra-ataque fatal após bola alçada na área e devidamente interceptada pela zaga e, sem ser incomodado por ninguém, o camisa 14 Diego avançou por todo o campo e só foi parar dentro do gol da Portuguesa. Era o segundo tento do time do ABC.


Falta para a Briosa. Foto: Fernando Martinez.


Zaga local cortando cruzamento. Notem a presença do goleiro Cléber dentro da área também tentando a igualdade. Foto: Fernando Martinez.

Foi só o heroico gol sair que o pau quebrou no Baetão. Vimos confusão no banco de reservas, entre os atletas e também nas arquibancadas, inclusive com uma pessoa vestindo camisa da comissão técnica da Briosa atirando um copo d'água no gramado e quase atingindo um jogador local. Demorou para os ânimos voltarem ao normal.

Independente de tudo isso, o marcador ficou mesmo em São Bernardo 2-0 Portuguesa Santista. O triunfo não deixou o time do ABC tão sossegado na tábua de classificação, pois agora soma nove pontos mas ainda está na quinta posição do Grupo 8. Os líderes são Diadema e Água Santa com 13, Briosa com 12 e Jabaquara com 11. Faltam três rodadas para a primeira fase chegar ao seu final.

Mas o final de semana estava apenas começando... No sábado acompanhei uma bela rodada dupla com direito a time novo na Lista.

Até lá!

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário