Procure no JP

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Capivariano vira contra o Taboão da Serra e continua líder na A3

Fala, pessoal!

A série de jogos que acompanhei no final de semana começou sábado cedo com um confronto entre o lanterna e o líder do Campeonato Paulista da Série A3. Enquanto o seu campo ainda está interditado, Taboão da Serra e Capivariano jogaram no Antônio Soares de Oliveira, em Guarulhos

Quase perdi a hora de seguir para a cidade da Grande São Paulo, e no último minuto consegui a companhia do seu Natal. Mas chegamos no local da partida com o jogo já pronto para começar. Aliás, vem se tornando uma constante em jogos da A2 e A3 jogos começando com quatro ou cinco minutos de antecedência, algo que não poderia acontecer. 

Essa peleja foi transmitida pela TV ao vivo, e com certeza a grande maioria do pessoal que esperava para assistir esse duelo em casa, assim como o bom público presente no estádio rubro-negro contava como certa a vitória do Capivariano. A ótima campanha do Leão da Sorocabana fazia todos crerem que seria um jogo tranquilo. 

Mas não foi nada disso que aconteceu quando o árbitro começou a partida. O equilíbrio de forças foi surpreendente, com o time "da casa" mostrando bastante vontade para sair da incômoda situação em que se encontra na tabela. O primeiro tempo foi disputado já com forte calor, e a rigor não tivemos muitas chances de gol para nenhum dos lados. 


Ataque do Taboão da Serra no segundo tempo. Foto: Fernando Martinez. 

O grande número de torcedores vindos de Capivari não parou de cantar em nenhum momento, mas uma pontinha de decepção podia ser vista no rosto de todos com o 0x0 ao final da etapa inicial. Por outro lado, os dirigentes do Taboão da Serra, sempre muito simpáticos conosco, estavam felizes com a apresentação do CATS, e confiantes que a situação ruim possa terminar logo. 


Bola levantada na área do CATS. Foto: Fernando Martinez. 

Veio então o segundo tempo, e o jogo continuou bastante igual, concentrado no meio de campo e com poucas chances de gol. Só depois dos 10 minutos a peleja começou a ficar mais animada, com Taboão da Serra e Capivariano alternando bons ataques. Aos 19 minutos então saiu o primeiro gol da partida. Em bola alçada dentro da área, o zagueiro do CATS Wellington subiu mais alto que todos e tocou de cabeça para o fundo das redes do time visitante. 


Lance do primeiro gol do Taboão da Serra na partida, marcado pelo zagueiro Wellington. Foto: Fernando Martinez. 

Ficar em desvantagem no marcador fez com que "a ficha caísse" para o pessoal do Leão. Três minutos depois de sofrer o gol, a equipe teve uma falta a favor na lateral esquerda. No lance, a zaga do CATS quase marcou contra e mandou a bola para escanteio. A cobrança do córner foi precisa e Leonardo subiu para deixar tudo igual, também de cabeça. 


Agora o detalhe do empate do Capivariano, marcado também de cabeça por Leonardo. Foto: Fernando Martinez. 

O jogo ficou bastante aberto, e as duas equipes chegaram perto de fazer o segundo. Mas para tristeza do pessoal da Grande São Paulo, quem acabou fazendo mesmo foi o atual líder do certame. Após um rápido ataque pela esquerda, a bola foi cruzada para a área e Rudi apareceu livre entre os zagueiros para virar o jogo. 


Boa saída do gol do arqueiro do Leão. Foto: Fernando Martinez. 


Goleiro do CATS subindo no segundo andar para fazer a defesa. Foto: Fernando Martinez. 

O CATS ainda buscou evitar mais uma derrota no campeonato, mas não conseguiu furar o bloqueio feito de forma precisa pelo Leão. Final de jogo: Taboão da Serra 1-2 Capivariano. O time "da casa" não merecia ter perdido essa partida, pois mostrou muita alma e bastante força de vontade. Mesmo assim, ainda é o lanterna, ainda com apenas um ponto conquistado em sete jogos disputados. Já o Leão vem mostrando uma cara de time que vai lutar até o final pelo acesso à Série A2 paulista. Com certeza é um dos favoritos. 

Depois do jogo ainda ganhei uma carona até o Metrô Carrão, e por muito pouco não desisti da sessão vespertina de futebol. O calor era imenso, e mesmo assim segurei a bronca para fechar a rodada dupla. 

Até lá! 

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário