Procure no JP

terça-feira, 15 de novembro de 2011

JP nas semifinais do Paulista Sub 20 da 1ª Divisão

Olá,

No último sábado foram realizadas as duas partidas que definiram os finalistas do Campeonato Paulista de Futebol Sub 20 - Primeira Divisão e, por conta disso, estive em Mogi Mirim na parte da manhã e em Paulínia no período da tarde. Iniciei a jornada dupla com o dia amanhecendo, sendo que dessa vez, viajei na agradável companhia do repórter da Rede Vida, o Prof. Antônio Cláudio Ventura, o que tornou a viagem super agradável, por conta das várias histórias sobre futebol e arbitragem.

O meu destino inicial foi a cidade de Mogi Mirim, mas precisamente o Estádio Romildo Victor Gomes Ferreira, local da partida de volta entre o Mogi Mirim E.C. e o Santos F.C. Como no jogo de ida o placar havia sido 1 x 1, o time do interior precisava só do empate para chegar à final da competição. Acabou vencendo por 2 x 1, de virada, apresentando um ótimo futebol e deixando boa impressão junto a quem ainda não tinha visto o 'Sapinho" jogar, como foi o meu caso.

Nessa partida fiz as fotos oficiais dos times e dos árbitros, bem como de diversos lance da partidas, as quais seriam mostradas aos amigos que nos acompanham, mas, infelizmente, não será possível, pois houve um problema técnico com o cartão de memória da minha máquina e as fotos foram perdidas.

Depois do jogo, fui até Campinas e lá encontrei um outro amigo do JP, o Luciano Claudino do ótimo site "Jogo Limpo" e rumamos até a cidade de Paulínia, para acompanhar a partida Paulínia F.C. x São Paulo F.C., que foi realizada no Estádio Luiz Perissinoto sendo que, ao final dos 90 minutos, seria definido o adversário do Mogi Mirim na grande final da competição.

A cidade estava com o trânsito complicado por conta do SWU, mas, mesmo assim, chegamos com tempo para as fotos oficiais, as quais estão apresentadas abaixo:


Paulínia F.C. (Sub 20) - Paulínia/SP. Foto: Luciano Claudino.


São Paulo F.C. (Sub 20) - São Paulo/SP. Foto: Luciano Claudino.


Quarteto de arbitragem ao lado dos dois capitães. Foto: Luciano Claudino.

A partida começou bem movimentada, com as duas equipes indo ao campo ataque logo nos primeiros minutos, sendo que pelo Paulínia, aos 4 minutos, o camisa 7 Conrado, criou o primeiro perigo à meta tricolor. A resposta veio aos 6 minutos, quando Régis exigiu boa defesa do goleiro da casa.


Zagueiro tricolor impedindo ação do bom atacante Conrado. Foto: Luciano Claudino.


Início de ataque do São Paulo no primeiro tempo. Foto: Luciano Claudino.

Com o passar do tempo, o Paulínia foi assumindo o controle das ações, tendo chegado muito próximo do seu gol inaugural, aos 29 minutos, num arremate de fora da área que explodiu contra o travessão da meta defendida por Richard, com a bola quicando no chão e voltando para o campo de jogo. Eu e outros repórteres que estavam ao meu lado, tivemos a sensação que a bola bateu dentro do gol, mas como o assistente não correu para o meio, a partida seguiu normalmente.


Atacante tricolor marcado por dois defensores do Paulínia. Foto: Luciano Claudino.

Nos últimos 15 minutos, o domínio do time da casa continuou, mas, como as oportunidades não foram aproveitadas, o intervalo chegou com o empate de 0 x 0, que era suficiente para a classificação do Paulínia à final.

No segundo tempo o panorama da partida mudou muito, com o São Paulo assumindo outra postura e saíndo para o ataque com mais frequência e determinação, tendo criado boas chances aos 2, 4 e 16 minutos, através de jogadas com as participações de Alfredo e Dener, além de uma cobrança de falta de Gabriel Modesto, que obrigou o goleiro Neto a se redobrar para fazer a defesa.


Jogada aérea do ataque do São Paulo no segundo tempo. Foto: Orlando Lacanna.

De tanto insistir, o São Paulo chegou ao seu gol, aos 17 minutos, anotado pelo camisa 9 Alfredo, concluindo um jogada que nasceu pelo lado direito do ataque. Nesse momento, o Tricolor do Morumbi mandava na partida. Em desvantagem no marcador, só restava ao Paulínia ir ao ataque buscar o gol de empate. O time auri-anil assustou aos 33 e 37 minutos, em jogadas com foram concluídas por Pacheco e Élvis, mas como as conclusões não foram certeiras, as chances foram embora.


Ataque do Paulínia pela esquerda buscando e gol de empate. Foto: Orlando Lacanna.

No final da partida o Paulínia foi com tudo e o São Paulo se segurava como dava, sendo que quando recuperava a bola, saía em contra-ataque, gerando um clima de dramaticidade, por conta da vontade demonstrada pelos atletas dos dois times, que disputavam as jogadas com muita disposição.


Cobrança de falta pelo Paulínia no finalzinho da partida. Foto: Orlando Lacanna.

Final de jogo com o placar mostrando Paulínia 0 - 1 São Paulo, resultado que colocou o time do Morumbi na final da competição, cujo título será decidido em duas partidas contra o Mogi Mirim, marcadas para 19 e 26 de novembro.

Fim de jogo e a costumeira viagem de volta com destino a São Paulo, para um merecido descanso e a preparação de um almoço dominical com a família. Foi isso.

Abraços,

Orlando

Um comentário:

  1. Gostei do trabalho. Vou acompanhar suas postagens e podemos até combinar uma parceria. Já que moro no prédio vermelho que fica sobre o campo do Mogi. Veja postagens antigas nos blogs - saberladino - xadrezdinobueno.blogspot.com e insistanosonho.blogspot.com - que fala sobre a redução do campo,etc...
    Um forte abraço e, se houver interesse, estarei à sua disposição para agendarmos o acerto... odinovaldo@yahoo.com.br

    ResponderExcluir