Procure no JP

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Tudo igual entre PAEC e Galo pelo jogo de ida nas quartas da Copa Paulista

Fala, pessoal!

Nesse feriado de 2 de novembro, mais uma vez nos deslocamos pela cidade de São Paulo para outro jogo válido pela Copa Paulista. No Estádio Nicolau Alayon, Pão de Açúcar e Paulista de Jundiaí se enfrentaram pela peleja de ida das quartas-de-final da competição. Joguinho em pleno feriado não tem como perder.

Mas justamente por ser feriado, o metrô e a CPTM estavam com suas composições em ritmo de lerdeza. Entrei nas dependências do estádio já com as equipes perfiladas para o Hino Nacional Brasileiro. Mas com a ajuda do pessoal da FPF e do quarto árbitro, consegui na raça as fotos oficiais (e exclusivas) dos times:


Pão de Açúcar EC - São Paulo/SP. Foto: Fernando Martinez.


Paulista FC - Jundiaí/SP. Foto: Fernando Martinez.


Capitães dos times, o árbitro Alysson Fernandes Matias, os assistentes Vicente Romano Neto e Fausto Augusto Moretti e o quarto árbitro Leonardo Vinícius Pereira. Foto: Fernando Martinez.

O público era bom para os padrões do PAEC, e contou com enorme presença da torcida jundiaiense. Dos amigos do JP, Mílton, Renato, Sérgio, Nílton e Rodrigo Colucci. No ataque do time local, vimos uma primeira etapa bastante truncada, mas com um leve domínio do time paulistano.


Zaga do Paulista afastando o perigo. Foto: Fernando Martinez.


Escanteio para os donos da casa, sob o céu nublado da capital paulista. Foto: Fernando Martinez.

O tempo passou e o maior destaque mesmo foram boas defesas dos arqueiros das duas agremiações. O jogo se encaminhava para o intervalo e então aconteceu o lance mais estranho dos últimos tempos. Nos acréscimos o PAEC teve um escanteio a seu favor na direita. A bola foi alçada na área, mas quando a mesma ainda se encontrava no ar, o árbitro encerrou o jogo.


Bola zanzando na área do Galo. Foto: Fernando Martinez.

Fácil fazer referência ao famoso lance do Zico no Brasil x Suécia da Copa de 1978. Mas eu acreditava que esse lance tinha ficado "vivo" apenas nas coletâneas de imagens das Copas ou em compêndios esportivos. Ninguém ali entendeu a marcação, já que um lance de perigo poderia ser criado naquela fração de segundo. Estranho.


Ataque local pela direita. Foto: Fernando Martinez.


Marcação firma da zaga do Paulista. Foto: Fernando Martinez.

No segundo tempo a partida melhorou bastante, e as duas equipes foram para o ataque buscar o gol. O Paulista jogou melhor durante a primeira metade da segunda etapa, e obrigou o goleiro Dheimison a fazer grandes defesas. Mas aos 22 não teve jeito, e após um bom ataque pela esquerda, a bola foi tocada para Mike que, livre e sem marcação dentro da área, descolou o goleiro e deixou o Galo na frente do placar.


Chute de longe para o PAEC que levou perigo ao gol visitante. Foto: Fernando Martinez.


Saída de bola do onze local. Foto: Fernando Martinez.

Só que nem deu tempo para a torcida visitante comemorar direito, já que aos 25 o jogador Rafael Martins avançou com a pelota e chutou forte de fora da área. Ela quicou e forma marota na frente do goleiro Giulliano e foi parar no fundo das redes. Tudo igual no placar da Comendador Souza.


Lance no meio-campo, e ao fundo a boa presença da torcida de Jundiaí. Foto: Fernando Martinez.

E enquanto armávamos um esquema surreal para jogos na próxima semana, o jogo seguiu com os dois times criando várias oportunidades de fazer o segundo, mas o marcador não foi mais alterado. Final de jogo: Pão de Açúcar 1-1 Paulista de Jundiaí. No jogo do próximo sábado, uma vitória simples para qualquer lado classifica o vencedor, enquanto o empate é do onze jundiaiense.

Após o jogo fomos todos para o centro de São Paulo jogar mais conversa fora, e ainda fizemos uma boquinha numa grande e tradicional lanchonete da região. A pena mesmo é ver o glorioso centro da capital bandeirante cada vez mais abandonado e cada vez mais sujo. Um lugar desses merecia ter prioridade em qualquer gestão municipal.

Até a próxima!

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário