Procure no JP

sábado, 23 de julho de 2005

Efemérides Futebolísticas: 23 de julho

Fala pessoal!

Já estavamos devendo por aqui, mais uma coluna com as EFEMÉRIDES FUTEBOLÍSTICAS, elaboradas pelo nosso grande colaborador Dênis Haddad. Começamos pelo dia 23 de Julho:

- 23 de julho de 1922 - jogando na Chácara da Floresta, em São Paulo, a Seleção Paulista venceu a Seleção Mineira por 13 a 1, na primeira partida entre seleções pelo Campeonato Brasileira dessa categoria, cuja última edição realmente significativa seria na temporada 1962/1963. Por ironia, a última partida foi disputada também em São Paulo, no estádio do Pacaembu, no domingo à tarde, 20 de janeiro de 1963, quando Minas Gerais venceu São Paulo por 3 a 0 e ficou com o título. A maior goleada ocorrida nos Campeonatos Brasileiros de Seleções Estaduais aconteceu em 26 de setembro de 1926 quando São Paulo venceu Santa Catarina por 16 a 0.
- 23 de julho de 1939 - em partida válida pelo Campeonato Paulista, no estádio da Rua 28 de Setembro, na Vila Macuco, em Santos, jogam Hespanha 1 x Juventus 1. O detalhe histórico é que foi a última partida disputada naquele estádio, tendo o último gol ali sido marcado pelo ponta-esquerda do Hespanha, Geró. O Jabaquara somente voltaria a atuar em estádio próprio no dia 17 de junho de 1979, quarenta anos depois, ao inaugurar o Estádio Espanha, tendo sido o primeiro jogo Jabaquara 6 x União de Tambaú 4, com 1.190 pagantes. Entre 1939 e 1979, o Espanha/Jabaquara utilizou a Vila Belmiro, o Ulrico Mursa e o campo do Beija-Flor, em São Vicente. Na partida Jabaquara 5 x Bragantino 4, em 12 de julho de 1964, na sua estréia na Primeira Divisão (equivalente a segunda divisão), após o rebaixamento sofrido em 1963, o estado do gramado era tão ruim que o Bragantino requereu a anulação da partida, não tendo, entretanto, sido atendido.
- 23 de julho de 1959 - a partida amistosa, Nacional 1 x São Paulo 1, inaugura o sistema de refletores do Estádio Nicolau Alayon, utilizados pela última vez, em jogo noturno, no dia 12 de janeiro de 1974, sábado, na partida Nacional 3 x XV de Piracicaba 1, pelo Paulistinha de 73. Em 20 de maio de 1978, durante um forte temporal, os refletores chegaram a serem usados por alguns minutos, à tarde, na partida Nacional 2 x Taubaté 2. Duas partidas interessantes ocorreram à noite no Nicolau Alayon: em 27 de abril de 1966, amistoso, Nacional 2 x Jabaquara 0. Em 10 de novembro de 1966, pelo Campeonato Paulista, Portuguesa de Desportos 4 x Comercial-RP 4. No dia 10 de dezembro de 1964, quinta-feira à noite, fortes chuvas caíram sobre São Paulo, alagando a Rua Comendador Souza. Mesmo assim, pelas finais da então Primeira Divisão, jogaram Nacional 3 x Votuporanguense 3.
- 23 de julho de 1966 - pela Copa do Mundo, quartas-de-final, Portugal 5 x Coréia do Norte 3, diante de 51.780 espectadores em Liverpool. A Coréia do Norte - que havia eliminado a Itália por 1 a 0 no dia 19 de julho, com 18.727 espectadores - chegou a estar vencendo por 3 a 0, porém acabou cedendo o empate e, posteriormente, a Seleção Portuguesa virou o jogo para 5 a 3. Naquele ano a Seleção lusa era dirigida pelo brasileiro Otto Martins Glória (09/01/1922-04/09/1986) e obteve o terceiro lugar naquela Copa.
- 23 de julho de 1983 - no campo da Rua Barão de São Francisco, no Andaraí, pelo Campeonato Estadual, São Cristóvão 1 x Goitacaz 4, com 574 pagantes, entre eles, eu.
- 23 de julho de 1989 - em amistoso internacional em São Januário, Brasil 1 x Japão 0, com 2.174 pagantes.
- 23 de julho de 2001 - pela Copa América, Honduras 2 x Brasil 0.

Até mais!

Emerson

Nenhum comentário:

Postar um comentário