Procure no JP

segunda-feira, 11 de julho de 2005

JP fecha o final de semana com Brasileirão e Segundona Paulista

Fala povo,

Agora vamos com a segunda parte da epopéia do sabadão. Depois da bela partida que acompanhamos em São Bernardo, eu e o Mílton seguimos por caminhos nunca trilhados antes e bairros perdidos por aí para chegar em tempo no Estádio Anacleto Campanella. Tudo para acompanhar o duelo entre São Caetano (com a estréia do Edílson) e a líder do campeonato Ponte Preta.

Lá é o melhor lugar para se acompanhar Campeonato Brasileiro: Estacionamento na porta do estádio, inúmeros lugares para nossas acomodações, sem filas ou aperto, lanchinhos & salgadinhos nota 10 e um suco de laranja e acerola de qualidade 100% (O Mílton e o Emerson podem confirmar isso). Para o JOGOS PERDIDOS, é a única opção de ver jogos do Brasileiro nessa calmaria.

O jogo no primeiro tempo foi bem fraquinho, sem muitas emoções. A coisa que mais mexeu com a torcida, pequena como sempre, no Anacleto foi o frio. Estava muuuuuuuuito gelado e com isso a galera teve que pular muito para tentar se aquecer. Já nós (eu e o Mílton) ficamos bem cobertos com algumas blusas e casacos potentes, já que o vento fazia a curva bem aonde estávamos.


Escanteio para o Azulão no segundo tempo da partida. Foto: Fernando Martinez.

Já no segundo tempo o jogo melhorou bem. Pode ser porque lá também rolou a música "Eye Of The Tiger", realmente que está no Top 5 dos estádios no ABC paulista. O São Caetano perdeu algumas chances antes de marcar seu primeiro gol, num belíssimo chute de fora da área. Mas a Ponte não ficou mal com isso não, e logo na saída empatou a partida. O jogo ficou bem disputado depois disso, e numa jogada individual, o jogador Dimba sofreu e converteu um pênalti, decretando a vitória do São Caetano por 2 a 1.


Dimba marca de pênalti o gol da vitória do São Caetano. Foto: Fernando Martinez.

Belíssima vitória do time do ABC, e mesmo com a derrota a Ponte ainda é líder do Brasileiro após 11 rodadas.

Com a rodada do sábado finalizada, agora só restava combinar tudo para o jogão do domingo de manhã (mais uma vez tendo que madrugar): Osasco FC e Jabaquara em Osasco, com transmissão pela TV para todo o Brasil. Numa pequena caravana rumamos ao Estádio José Liberatti: eu, Mílton, Emerson e Victor estivemos por lá. Como sempre, conseguimos aquela boquinha de entrar no campo, e depois de muita conversa com o simpático Manuel Maria e alguns jogadores do Jabuca, para variar tiramos as fotos exclusivas dos times posados:


Osasco FC + toda a molecada feliz das categorias de base do time - Osasco/SP. Foto: Fernando Martinez.




Jabaquara AC (com seu belo uniforme vermelho) - Santos/SP. Foto: Fernando Martinez.

Só eu fui autorizado a permanecer no campo para as fotos lá dentro. Com isso apareci inúmeras vezes em closes pela Rede Vida... genial! Lá também encontrei o amigo Luís Pires (do blog È Libero Questo Posto?) que sempre está vendo joguinhos perdidos em Osasco e sempre pinta por aqui com comentários generosos. Valeu pela força aí Luís!!!


Correria na área do Jabuca, mas que não deu em nada. Foto: Fernando Martinez.

O jogo foi muito, mas muito bom também. Logo com dois minutos o Jabuca já marcou um a zero, numa bela cobrança de falta do Marcelo e uma grande falha do arqueiro de Osasco. Depois do gol o Jabaquara continuou a pressão, até marcar o segundo gol, depois de uma ótima jogada pela direita e conclusão de Alex, o camisa 9 do JAC.


Primeiro gol do Jabaquara marcado em cobrança de falta. Foto: Victor Minhoto.


Detalhe do segundo gol do time santista, em mais uma chegada forte da equipe. Foto: Victor Minhoto. [211009]

Depois disso o Jabaquara parou, e o Osasco perdeu algumas chances incríveis até marcar seu primeiro gol, numa bela jogada do jogador Alê, que marcou de voleio aos 28 minutos. Depois disso o Osasco ainda teve mais domínio territorial mas o jogo foi para o intervalo 2 a 1 mesmo.


Depois de uma bela defesa do goleiro Adriano, do Jabuca, o jogador Alex marca de voleio o primeiro gol do Osasco FC. Foto: Fernando Martinez.

O segundo tempo começou com o Osasco ainda melhor, e aos onze minutos o time chegou ao empate, numa cobrança de falta perfeita através do jogador Cristiano. Quando todo mundo achava que o gol faria o Osasco ir mais ao ataque ainda, o que aconteceu foi o equilíbrio das ações e pouco depois, o time santista retomando o domínio da partida.


Num belo lance, o jogador do Jabaquara tenta encobrir o goleiro, e a bola caprichosamente toca no travessão. Foto: Victor Minhoto.

Com isso, e depois de chances perdidas pelo time do litoral, aos 33 minutos o jogador André, depois de uma bela bola enfiada no meio da defesa do Osasco marcou com categoria o gol da vitória e da classificação do Leão da Caneleira. O Osasco até que tentou depois, mas nada que incomodasse o time visitante. Final de jogo: Osasco FC 2-3 Jabaquara.


Animação total na porta do José Liberatti. Emerson (vibrando sem parar), Victor (com sua espetacular camisa do Estrela Vermelha), Milton (animado com a vitória do seu terceiro time do coração) e Fernando (já se preparando para o grande show que os Jenniffers fariam no domingo a noite) . Foto: Luís Pires.

Nem preciso dizer a comemoração do Emerson com o resultado, agora é só esperar para ver em que grupo o Jabuca vai jogar na Segunda Fase. Se tivesse terminado hoje teríamos um Jabaquara e Osvaldo Cruz na próxima fase, só de pensar já dá vontade de ver isso logo!

Bom, por hora é só, e na semana teremos alguns posts temáticos por aqui.

Até mais

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário