Procure no JP

terça-feira, 29 de março de 2005

Amistoso no Parque São Jorge: Corinthians x Japão

Olá pessoal!

Hoje eu pretendia fazer um "post" super animado e trazer para vocês um dos especiais do ano. Porém, o meu sentimento é de indignação. Bom, tudo começou com uma notícia meio obscura na Net de que a Seleção Japonesa sub-20 estava no Brasil fazendo amistosos. Duvidando da notícia fui no sítio da Federação Japonesa e estava lá a programação de jogos. Para ontem, o amistoso anunciado era contra o Corinthians, no Parque São Jorge. Então, passei a manhã inteira de segunda-feira ligando para o clube para confirmar. Pra variar ninguém sabia de nada. Como o nosso lema é nunca desistir, continuei ligando, até que consegui a informação. Confirmado! Corinthians x Japão, na Fazendinha, às 15:30, só que com portões fechados.

Porém, isso não é empecilho para o clube, próximo a hora do jogo fui pra lá e com nossas famosas, entretanto secretas artimanhas, consegui entrar. Apesar do anúncio no site da Federação ser de amistoso, ainda me pairava a dúvida de que poderia ser um jogo-treino, que não é válido para as estatísticas do nosso Clube.

Cheguei por lá pelas 15:00 horas e a seleção japonesa já estava aquecendo. Porém nada do Corinthians. O japoneses voltaram pro vestiário e às 15:30 em ponto eles estraram em campo, devidamente uniformizados. Alguns minutos depois entrou a equipe do Corinthians, tranqüilamente para iniciar o aquecimento. Os japoneses meio sem entender ficaram lá parados, em campo, aguardando a vontade do Corinthians.


Seleção japonesa aguardando a vontade corintiana. Foto: Emerson Ortunho.

Quando já era quase 4 horas, o Corinthians resolveu jogar, e pra meu desespero com uniforme de treino. Como o Corinthians sequer contratou um trio de arbitragem, um membro da comissão técnica se dirigiu até o meio de campo para apitar. Então o capitão da seleção japonesa se dirigiu ao centro do campo com uma flâmula para trocar com o capitão corintiano. Bom, o Corinthians não tinha flâmula para trocar e sequer capitão destinado para a partida. Depois de algum tempo esperando, um jogador do Corinthians foi e pegou a flâmula do japonês. Em tempo, pelo Corinthians participaram os jogadores que não jogaram a última partida pelo paulistão. Entre eles, Anderson, Coelho, Elton, Wendel e Jô.

Mesmo tendo ficado "p." da vida por causa do Corinthians ter encarado a partida como jogo-treino, não acho que eles tinham obrigação de fazer um amistoso oficial contra o Japão, mas eles tinham que no mínimo ter avisado a seleção japonesa e principalmente, respeitado os horários e no mínimo retribuído as gentilezas oferecidas pelos japoneses. Tinha muita mídia japonesa presente e o Corinthians perdeu uma grande oportunidade de sair bem na fita no exterior. Depois reclamam que o time tem nome fraco lá fora e reclamam também da fama de ser um time sem classe, time ralé. Fazer o quê? O jogo foi 1 a 1, segue foto da partida:


Corinthians (treino) 1 x 1 Japão (sub-20). Foto: Emerson Ortunho.

Segue foto do grande Passarella e seu "cigarrillo" assistindo seus pupilos:


Daniel Passarella no jogo-treino do Corinthians. Foto: Emerson Ortunho.

Foi isso, não valeu para os anais do CLUBE, mas até que pra uma segunda-feira foi divertido, e pude exercitar maneiras alternativas de entrar no Parque São Jorge em casos de portões fechados. Ainda indignado com a falta de respeito aos simpáticos japoneses deixo um abraço a todos!

Emerson

Nenhum comentário:

Postar um comentário