Procure no JP

terça-feira, 30 de outubro de 2012

JP na primeira final do Paulista sub-20 da 2ªdivisão

Fala pessoal!

No último sábado rolou o primeiro jogo válido pela grande final do Campeonato Paulista sub-20 da 2ª divisão. Nós não ficamos de fora, e fomos para a cidade de Santos conferir in loco a peleja entre Jabaquara e Osasco FC. O palco, claro, foi o Estádio Espanha

A viagem, feita com a viatura JP número 2 do Emerson, foi tranquila. E se em São Paulo o calor já era anormal, imaginem no litoral. Além do sol brilhar forte, o abafado deixava a sensação de desconforto ainda pior. Mas faz parte, e no esquema "tudo pelo social", fomos para o gramado montar toda a logística para as fotos: 


Jabaquara AC (sub-20) - Santos/SP. Foto: Fernando Martinez. 


Osasco FC (sub-20) - Osasco/SP. Foto: Fernando Martinez. 


Trio de arbitragem da partida e capitães dos times. Foto: Fernando Martinez. 

Jabaquara e Osasco chegaram à final da competição com justiça após eliminarem com duas vitórias Assisense e Mauaense respectivamente. A campanha do Leão da Caneleira até então apontava nove vitórias, quatro empates e três derrotas, com 25 gols marcados e 15 sofridos. Já para a equipe da Grande São Paulo, a melhor campanha do certame, 11 vitórias, três empates e duas derrotas com 39 gols pró e 16 contra. 


Zaga do Osasco FC fazendo o corte pelo alto. Foto: Fernando Martinez. 

Os números mostravam um leve favoritismo para o time alvinegro, que chegou à final pela primeira vez na história. Já o Jabuca avançou para sua terceira decisão de campeonatos de juniores em todos os tempos. A equipe do litoral foi campeã invicta da Série B do sub-20 em 1995 e ficou com o vice-campeonato no ano passado, após perder o caneco para o São Bernardo. 


Início de ataque jabaquarense. Foto: Fernando Martinez. 

Vale registrar que não é nada fácil chegar duas vezes seguidas na final dessa categoria. Nos últimos 30 anos, é apenas a terceira vez que uma equipe aparece dois anos seguidos na decisão da última divisão de juniores. A primeira foi em 2000/2001 com o bi-vice do Guaratinguetá e a segunda com o extinto Campinas FC, que chegou na final em 2005/2006 e 2007 e foi campeão no segundo ano. Isso comprova o bom trabalho que vem sendo feito na base jabaquarense. 


Detalhe do Estádio Espanha recebendo bom público para a final do sub-20. Foto: Fernando Martinez. 

O tradicional palco santista recebeu um belíssimo público (os mais entusiasmados fizeram uma estimativa de cerca de 500 pessoas presentes). E os primeiros minutos foram dignos de uma verdadeira decisão. O Osasco mostrou suas armas logo de cara, e aos 4 minutos abriu o marcador com o zagueiro Peterson. 


Jogadores osasquenses comemorando o gol de Peterson, que abriu o marcador. Foto: Fernando Martinez. 

Mas mostrando instantânea recuperação, o Jabuca igualou o placar aos 7. Marcelo fez boa jogada pela esquerda e chutou cruzado. A bola ia pra fora, mas o camisa 7 osasquense Vítor, ao tentar afastar, tocou contra o próprio gol. O árbitro acabou dando gol do atleta local. 


Chute de Marcelo pela esquerda do ataque do Jabuca... 


... que o camisa 7 Vítor (que aparece deitado) quis cortar mas acabou colocando pra dentro do próprio gol. Fotos: Fernando Martinez. 

O jogo ficou bastante equilibrado, e apesar de algumas boas oportunidades do Osasco nos minutos finais do primeiro tempo, o intervalo chegou com a igualdade por um gol. Nesse intervalo fomos para as arquibancadas e ali encontramos pela primeira vez em 2012 o vendedor de amendoim Édson "Gaguinho", lenda dos estádios paulistas. 


Disputa de bola entre Alan e Gilmar. Foto: Fernando Martinez. 

Por já estar com a féria do dia garantida, ele ficou do nosso lado acompanhando o tempo final da peleja. Diferente do que vimos nos primeiros 45 minutos, o Osasco passou a ser bastante superior do que o Jabaquara. O Leão da Caneleira não conseguiu chegar perto do gol defendido por Fernando. 


Uma das poucas chances de gol do Jabuca no segundo tempo, numa cobrança de falta de Rodrigo. Foto: Fernando Martinez. 

O alvinegro ficou muito próximo de fazer o segundo e cravar um resultado que deixaria o time muito perto do título do certame. Apesar de toda a pressão e do fortíssimo calor, o time rubro-amarelo conseguiu segurar a bronca e segurou com unhas e dentes o empate. 


Ótima chegada do alvinegro pela esquerda no segundo tempo. Foto: Fernando Martinez. 


Falta para o time vistante e grande defesa de Henrique. Foto: Fernando Martinez. 

Final de jogo: Jabaquara 1-1 Osasco FC. O segundo jogo agora acontece no próximo sábado na Cidade de Deus, na Grande São Paulo. Um empate dá o caneco para a Águia, enquanto o Jabuca precisa vencer caso queira ser campeão. Com certeza o JOGOS PERDIDOS estará presente nessa sensacional decisão. 

Até a próxima! 

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário