Procure no JP

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Locomotiva surpreende o Guariba na abertura da segunda fase da Segundona

Opa, 

No final de semana passado foi dada a largada para a segunda fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão. Para muitos, a estreia do certame "de verdade". Para nós do JP, o começo da parte mais legal do certame, pois é a hora de ver jogos dos chamados times "de longe" com a esperada união de todas as regiões do estado. A abertura dessa nova etapa foi com um inédito confronto entre Mauaense e Guariba pelo Grupo 11 no Estádio Pedro Benedetti

Para esse jogo tive a companhia de um sumido seu Natal. Ainda sonolento após uma noite de peripécias com seu famoso táxi pelas ruas paulistanas, o amigo fez miséria para que a gente pudesse chegar a tempo das fotos oficiais. Ao entrar em campo, pude conferir ao vivo, completamente esbaforido pela correria, que a Cobra Canavieira voltou a utilizar seu escudo tradicional depois de muito tempo. Nota 10 para a diretoria do clube por essa iniciativa. 


GE Mauaense - Mauá/SP. Foto: Fernando Martinez. 


Guariba EC - Guariba/SP. Foto: Fernando Martinez. 


O árbitro Thiago Duarte Peixoto e os assistentes Ricardo Pavanelli Lanutto e Tatiane Sacilotti dos Camargo junto com os capitães das duas equipes. Foto: Fernando Martinez. 

O Grêmio Mauaense garantiu seu lugar na segunda fase após somar 17 pontos no Grupo 7 da Segundona. Em terceiro lugar daquela chave, o time da Grande São Paulo ficou atrás apenas do São Vicente e do Jabaquara. Já o Guariba foi segundo colocado do Grupo 3 com 13 pontos, apenas dois atrás do líder Américo. E como sempre acontece no começo da fase "misturada", não dava pra apontar um favorito para essa partida. 


Jogada do Guariba com sua belíssima camisa versão 2012. Foto: Fernando Martinez. 

Embora estivesse frio, escolhi ficar no centro do gramado debaixo do guarda-sol da Rede Vida, local aonde o amigo repórter Thiago Fagnani estava providencialmente instalado para a transmissão ao vivo da peleja. E o jogo foi bastante movimentado nos primeiros 45 minutos, com as duas equipes alternando boas investidas ofensivas. 


Matada de bola de jogador do Mauaense. Foto: Fernando Martinez. 


Atleta do Guariba levitando no gramado do Pedro Benedetti. Foto: Fernando Martinez. 

O Guariba mostrou um time bem entrosado e bastante coeso, enquanto o Mauaense, mesmo com muitos jogadores jovens, segurou bem a bronca e também mostrou qualidade. E pensar que muitos apostavam (eu me incluo nesse grupo) na queda de rendimento da equipe quando o parceiro São Bernardo FC mudou todo o elenco ainda antes da metade da fase inicial. A campanha desde então foi uma grata surpresa. 


Boa saída do gol do arqueiro da Cobra Canavieira. Foto: Fernando Martinez. 

Enquanto o amigo Thiago sofria com alguns percalços na transmissão da TV, o jogo terminou sem nenhum gol. No intervalo uma cena que só a Segundona pode proporcionar: A mãe do goleiro reserva do Guariba entrou em campo apenas para dar um forte abraço no seu filho Rafael, que estava completando 22 anos. Meu faro jornalístico falhou e não fui rápido o bastante para registrar essa cena. De qualquer forma, fica um destaque positivo para esse momento singelo. 


Ataque da Locomotiva pelo alto no segundo tempo. Foto: Fernando Martinez. 

Para a segunda etapa, resolvi deixar a sombra e fui acompanhar o ataque da Locomotiva. O jogo foi ainda mais disputado, com o Guariba tendo um leve domínio territorial. As melhores oportunidades foram justamente do time visitante, sempre levando perigo para o goleiro Maxwell. O primeiro ataque local demorou a acontecer e não assustou a pequena e animada torcida do Guariba presente no Pedro Benedetti. 


Zagueiro do Guariba sofrendo marcação cerrada de atacante local. Foto: Fernando Martinez. 

Aos 21 minutos Souza, técnico do Grêmio, resolveu colocar o camisa 17 Diego em campo. E sete minutos depois ele foi responsável pela jogada que levou ao primeiro gol do jogo. Ele recebeu a bola na intermediária, driblou três zagueiros e chutou da entrada da área no contra-pé do goleiro, colocando a pelota mansamente no canto esquerdo de Cleriston. Golaço! 


Lance do primeiro (e único) gol do jogo, marcado por Diego. Na foto, dá para perceber que se o camisa 9 do time de Mauá tivesse tocado na bola, o gol seria anulado por impedimento. Foto: Fernando Martinez. 

Comentava com o gandula que também acompanhou o ataque local que esse era daqueles jogos que quem fizesse o primeiro gol dificilmente iria sofrer o empate. E apesar do Guariba continuar jogando bem, essa previsão se mostrou acertada ao final dos 90 minutos. 


O Guariba tentou, mas perdeu seu primeiro jogo na segunda fase da Segundona. Foto: Fernando Martinez. 

Final de jogo: Mauaense 1-0 Guariba. A ótima vitória colocou a equipe da Grande São Paulo na liderança do Grupo 11 com três pontos, junto com o Tupã, que derrotou o Primavera pelo mesmo marcador. Na próxima rodada o Grêmio pega o time de Indaiatuba fora de casa, enquanto o Guariba recebe a equipe tricolor de Tupã dentro dos seus domínios. Por se tratar de um grupo complicado como esse, fazer o resultado em casa se torna ainda mais essencial. 

Após o apito final fomos muito bem tratados pelo pessoal do Guariba, inclusive pela presidente Vanessa Evangelista de Souza. O pessoal ainda se lembrou das nossas visitas no Domingos Baldan, e espero que consiga visitar de novo a casa da Cobra Canavieira em breve. Após esse papo, que contou também com a participação dos amigos de Mauá, Luiz, Leandro e Rafael, saímos correndo dali pois a rodada de futebol ainda não tinha terminado. Afinal, não tinha como perder a primeira visita do Grêmio Novorizontino à Grande São Paulo. 

Até lá! 

Fernando

Um comentário:

  1. Parabéns, novamente ao JP. Fazia tempo que nosso Guariba não aparecia por aqui. Apesar da derrora estamos confiantes no time. Apesar do empate em casa ontem com o Tupã, temos força para reagir. Abraços a todos e esperamos vcs aqui na cidade.
    Ginaldo Chiquito
    Guariba-SP

    ResponderExcluir