Procure no JP

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Corinthians vence a Chape e está na final da Copa do Brasil sub-17

Texto e fotos: Fernando Martinez


Menos de 24 horas depois de acompanhar o Oeste x Internacional pela Série B na Arena Barueri, voltei ao estádio para o encontro de volta de uma das semi-finais da Copa do Brasil sub-17. Debaixo de um sol fortíssimo e com um calor insano, o Corinthians recebeu a Chapecoense buscando chegar na final pelo segundo ano consecutivo (ano passado foi campeão em cima do Sport).

No confronto de ida, o alvinegro derrotou a Chape pela contagem mínima e precisava apenas de um empate para se classificar. Os catarinenses tinham que vencer por um gol a partir de 2x1 para irem à decisão graças ao critério de gols fora. O destaque negativo foi a absoluta falta de torcedores corintianos na Arena. Diferente dos mais de 11 mil que marcaram presença no duelo contra o Vitória nas quartas, nem cem gatos pingados foram a Barueri.


Sport Club Corinthians Paulista (sub-17) - São Paulo/SP


Associação Chapecoense de Futebol (sub-17) - Chapecó/SC


Os capitães dos times junto ao quarteto de arbitragem da peleja

No tempo inicial consegui forças e acompanhei o ataque paulista de perto. Logo aos sete minutos, o onze de Chapecó perdeu a bola. Welliton, avante mosqueteiro, roubou, passou por dois zagueiros pela direita e deu um lindo toque na saída de Arthur. Agora não tínhamos mais chances de decisão por pênaltis e os visitantes precisavam virar o marcador.

O problema foi que a Chapecoense sentiu demais o tento sofrido e nada fez durante o tempo inicial. Por sua vez o Corinthians também se acomodou e nada mais digno de registro aconteceu. Não sendo injusto, até rolou um lance pouco antes do apito final quando Luan, zagueiro local, tocou a mão na bola perto da área aos 44 sem que o árbitro marcasse algo. Assim como na noite anterior, o cotejo se arrastou e demorou duas horas e meia até o intervalo chegar. 

Não aguentei tanta inoperância e fui até as cabines no segundo tempo. Até os 20 minutos a coisa estava tão feia e o calor me deixou tão derrubado que acabei pegando no sono. Não perdi absolutamente nada, já que a partida foi só melhorar na metade final. Aos 26, a Chape teve uma ótima oportunidade nos pés de Bruno, só que Mattos fez ótima intervenção. Depois, o Corinthians teve boas oportunidades com Giovanny, quando Arthur fez milagre, e Vitinho.


Detalhe do gol corintiano, marcado por Welliton na saída do goleiro da Chape


Chegada alvinegra pela esquerda


A Chapecoense não fez nada ofensivamente falando, mas pelo menos se defendeu bem no primeiro tempo


Visão geral de uma Arena Barueri vazia para Corinthians x Chapecoense


Goleiro catarinense voando para cortar bola cruzada na área

No fim, o placar se confirmou com Corinthians 1-0 Chapecoense. O onze de Parque São Jorge chega à sua segunda decisão seguida da Copa do Brasil sub-17. O adversário será o Palmeiras, depois que este venceu o Flamengo por 4x1 na ida e empatou por 2x2 fora de casa. Promessa de emoção num dérbi inédito na final. Dependendo do local escolhido, faremos de tudo para marcar presença pelo menos no segundo jogo.

Passei os últimos dias na capital, mas estava na hora de voltar ao litoral. Minha presença se fará necessária na Grande São Paulo somente no final do mês com a cobertura da genial Copa de Seleções Estaduais sub-20. Não sabemos ainda aonde serão os jogos, porém temos fé que serão marcados para perto de casa. Tem time novo na Lista numa competição absolutamente sensacional em foco.

Até lá!

© 2018

Nenhum comentário:

Postar um comentário