Procure no JP

segunda-feira, 6 de maio de 2013

CATS perde para o Osasco FC na sua estreia pela Segundona

Fala, pessoal!

Com o início do Campeonato Paulista da Segunda Divisão o cronograma do JP fica quase todo voltado para pelejas desse certame. Com isso, no último sábado armei uma rodada dupla com jogos dos Grupos 5 e 6. Logo cedo fui até a cidade de Barueri acompanhar a estreia do Taboão da Serra jogando na Arena local contra o Osasco FC.

É, caro leitor... Você não leu errado. O CATS mandou essa partida no belo estádio barueriense simplesmente porque o Estádio Vereador José Feres se encontra em reformas. Entre outras mudanças, a praça de esportes principal da cidade passará a ter grama sintética. A ideia do pessoal do clube é voltar para casa no dia 6 de julho, data em que recebe o Elosport.

O detalhe bizarro da peleja é que esse foi o primeiro jogo oficial do Taboão da Serra em 392 dias (o último tinha sido em 8 de abril de 2012, quando empatou por 2x2 com o XV de Jaú). Essa sina atinge todos os anos os quatro times rebaixados da Série A3 para a Segundona. Isso mostra claramente que o calendário precisa ser alterado URGENTEMENTE. Não tem como uma equipe se manter de forma decente ficando quase 13 meses sem entrar em campo, certo?

Bom, morando de novo no centro paulistano, levei cerca de uma hora para chegar na cidade da Grande São Paulo, algo impensável tempos atrás. Após uma rápida boquinha numa lanchonete ao lado da estação de trem local, encontrei o amigo Rodrigo Colucci e dali seguimos ao belo estádio.

O onze osasquense estreou na segundona vencendo em casa o Desportivo Brasil pelo placar de 2x0, e buscava um novo triunfo para continuar como primeiro colocado do Grupo 5. E o fato mais legal nessa partida foi a presença do veterano goleiro Sérgio, ex-Palmeiras e ex-Portuguesa, estreando oficialmente com a camisa taboanense.


CA Taboão da Serra - Taboão da Serra/SP. Foto: Fernando Martinez.


Osasco FC - Osasco/SP. Foto: Fernando Martinez.


Quarteto de arbitragem com o árbitro Daniel Carfora Sottile, os assistentes Carlos Alberto Funari e Sérgio Cardoso dos Santos e o quarto árbitro Maicon Osvaldo da Silva. Junto a eles, os capitães das equipes. Foto: Fernando Martinez.


Goleiro Sérgio na Arena Barueri estreando com a camisa do CATS. Foto: Fernando Martinez.

E debaixo de um fortíssimo calor, o jogo foi bem abaixo da média. O Taboão da Serra teve um leve domínio no tempo inicial e mostrou um poderio ofensivo maior. O Osasco se limitava a poucos contra-ataques, todos facilmente neutralizados pela zaga "local".


Ataque taboanense na Arena Barueri. Foto: Fernando Martinez.


Atleta do CATS com a nova bela camisa a equipe. Foto: Fernando Martinez.

Mas chance de gol de verdade não aconteceu, e o lance mais discutido acabou sendo a expulsão de um atleta taboanense nos últimos movimentos da primeira etapa. Dito isso, dá pra deduzir que os times foram para os vestiários com o 0x0 estampado no placar.


Outra investida "local" pela direita. Foto: Fernando Martinez.


Troca de passes no meio-campo. Foto: Fernando Martinez.

No segundo tempo, como de praxe na Arena Barueri, fui para as confortáveis cabines de imprensa pois já não estava no pique de aguentar mais 45 minutos de sol na moleira. E conforme esperado, o Osasco se aproveitou do fato de ter um atleta a mais em campo e foi pra cima do CATS.


Ataque do Taboão da Serra pelo alto. Foto: Fernando Martinez.

Foi pra cima, tudo bem, mas não era aquela pressão tão absurda assim. O gol acabou saindo num lance de infelicidade do veterano goleiro Sérgio aos 16 minutos. Thiago, camisa 11 do alvinegro, chutou da entrada da área e ao tentar desviar para escanteio, o camisa 1 tocou fraco e colocou a bola dentro das próprias redes.


Comemoração dos atletas do Osasco FC pelo gol marcado por Thiago. Foto: Fernando Martinez.


Bola alçada na área do time "da casa". Foto: Fernando Martinez.

Esse tento foi tão na sorte que durante os mais de trinta minutos restantes de jogo não tivemos mais nenhuma oportunidade clara de gol. O placar final de Taboão da Serra 0-1 Osasco FC deixou a equipe osasquense na liderança isolada do Grupo 5 com duas vitórias em dois jogos.

Aproveitamos a presença de uma sensacional feira livre nas redondezas e fizemos uma boquinha esperta por ali mesmo antes de pegarmos o trem vermelho até a segunda partida do dia.

Até lá!

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário