Procure no JP

terça-feira, 10 de setembro de 2019

Grande goleada das meninas sub-17 do Corinthians no Parque

Texto e fotos: Fernando Martinez


Após acompanhar mais um capítulo da tragédia nacionalista no seu centenário, o domingo reservou a estreia do JP no Campeonato Paulista Feminino sub-17 na sua edição 2019. Nada melhor do que ir até o Estádio Alfredo Schurig ver uma apresentação das meninas do Corinthians enfrentando o Andreense pela terceira rodada da primeira fase em seu Grupo 3.

Criado em 2017 pela FPF, o torneio chega à sua terceira edição com o São Paulo sendo o atual bi-campeão. Força com o time adulto, o Corinthians reuniu um elenco muito bom para tentar desbancar o tricolor. Até aqui elas tem feito sucesso, pois venceram seus dois primeiros compromissos marcando um total de 15 gols e sofrendo apenas um. No total são 16 os participantes.

Já o Andreense FC aparece nas nossas páginas pela primeira vez. Fundado em 2013, ainda não deu as caras em torneios masculinos da FPF e atualmente disputam a São Paulo Cup, um campeonato que poderia ser muito legal se não fosse tão fantasma. Mesmo indo atrás de informações, só ficamos sabendo das partidas depois que elas aconteceram, logo, fica difícil fazer qualquer tipo de cobertura. Um dia a gente consegue acompanhar in loco... tenho fé.

O Paulista Feminino sub-17 é a primeira competição da FPF que disputam e, embora sendo do ABC, mandarão suas pelejas no estádio do Legionário EC em Bragança Paulista. Como deram WO por falta de atletas na rodada inicial, só estrearão na sua casa na abertura do returno. Na segunda rodada, empataram por 3x3 contra o Estrela de Guarulhos. Ambos deverão disputar a lanterna da chave.


Sport Club Corinthians Paulista (feminino sub-17) - São Paulo/SP


Andreense Futebol Clube (feminino sub-17) - Santo André/SP (mas mandando seus jogos em Bragança Paulista)


Quarteto de arbitragem e capitãs dos times

Para o confronto, tudo indicava que o Corinthians venceria com folgas. Sem surpresas, foi exatamente isso que aconteceu. O que se viu no histórico gramado do Parque São Jorge foi um daqueles "ataques contra defesa" que vemos em elencos com enorme diferença técnica. O Andreense não passou do meio-campo durante toda a peleja e as alvinegras criaram um sem número de oportunidades. No tempo inicial as avantes locais se afobaram bastante e fizeram "apenas" 4x0.

O primeiro tento saiu no primeiro minuto com Evelin Tosetto finalizando após cruzamento da esquerda. Aos 12, também pela esquerda, Thalia avançou e tocou para Nenê. A pelota passou por toda a zaga, mas a camisa 8 surgiu livre e concluiu com sucesso. Aos 14 Vitória arriscou de longe, a pelota quicou na frente da goleira Gabi e só parou no fundo da rede. O quarto saiu aos 24 em boa finalização de Vitória, fazendo o seu segundo gol na tarde. Nos minutos finais as meninas locais criaram seis ou sete momentos agudos, porém o marcador não foi alterado.



O Corinthians chegou várias vezes com perigo dentro da área visitante, dando trabalho ao Andreense


Comemoração de um dos gols alvinegros no tempo inicial


Grande ataque pela esquerda a favor das mosqueteiras

As arquibancadas da Fazendinha receberam um belo público, entre eles a dupla Milton e Bruno, ambos aguardando ansiosamente por uma goleada. Fiquei ali um bom tempo batendo aquele plá com eles e enquanto o papo rolava, a etapa final começou. Cansadas, as atletas visitantes deram ainda mais espaço para as locais e isso foi decisivo para a definição do triunfo paulistano.

Sem dar a menor chance ao adversário, o Corinthians foi enfileirando uma série de gols, igualando a goleada aplicada contra o Estrela. Aos quatro minutos Helô fez o quinto em cobrança de pênalti.Aos 10, Kamile aproveitou bola cruzada e fez o sexto. Aos 14 e aos 17 foi a vez de Joyce marcar, primeiro em chute de longe e depois numa boa cabeçada. Maria Fernanda fez o nono aos 19, não perca a conta. Os dois dígitos chegaram aos 31 minutos com um tiro de longe de Vitória e aos 35 o fatura foi liquidada com Isabella Silva.


No começo do segundo tempo o Corinthians fez o quinto gol em cobrança de pênalti de Helô



Se aproveitando do cansaço das atletas do Andreense, na etapa final o Corinthians marcou sete vezes... e perdeu outros ótimos momentos


Placar final do massacre das meninas corintianas na Fazendinha

O placar final de Corinthians 11-0 Andreense foi pouco levando em conta a enorme superioridade do escrete da capital, mas não deve ser encarado como um vexame para as visitantes. Só por estarem numa competição oficial lutando pelo sonho de seguirem na carreira elas já são vencedoras. Esperamos que todas tenham sucesso no futuro. Quanto ao certame, as alvinegras e o São José devem estar seguramente na segunda fase, restando saber quem terminará em primeiro.

Quando tudo acabou fui fazer aquele passeio maroto na sede social antes de pegar o caminho do QG. Como o metrô estava em obras - um verdadeiro inferno na terra - voltei com o decano Milton Haddad, o maior comunista da Aclimação, de trem até a estação Luz e dali pegamos a gloriosa Linha Amarela. A agenda futebolística voltou com tudo na noite de segunda-feira com novo amistoso do Brasil olímpico no Pacaembu.

Até lá!

_________________________

Ficha Técnica: Corinthians 11-0 Andreense

Competição: Campeonato Paulista Feminino sub-17; Local: Estádio Alfredo Schurig (São Paulo); Árbitro: Thiago Filipe Chagas; Público e renda: Portões abertos; Gols: Evelin Tosetto 1, Nenê 12, Vitória 14 e 24 do 1º, Helô (pênalti) 3, Kamile 10, Joyce 14 e 17, Maria Fernanda 19, Maria Coelho 30 e Isabella Silva 34 do 2º.
Corinthians: Luana; Keka (Gabrielle), Jullyana Gaia, Isa Matos (Isabella Silva) e Joyce; Cortês (Helô), Evelin Tosetto (Sofia), Nenê (Maria Fernanda) e Vitória (Daise); Maria Coelho e Thalia (Kamile). Técnica: Daniela Lima.
Andreense: Gabi; Maria, Adiana (Maria Clara), Manu e Tacianny (Ana Caroline); Tábata, Ana Luiza (Tamara), Lice e Marjorie; Cibelle e Talia. Técnico: Lucas Diotto.
_____________

Nenhum comentário:

Postar um comentário