Procure no JP

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Água Santa vira em cima do Estanciano e se classifica

Texto e fotos: Fernando Martinez


Fechando a segunda rodada dupla pelo segundo dia seguido, chegou a vez de colocar mais um time novo na Lista. No Estádio Distrital do Inamar, o Água Santa recebeu o genial Estanciano do Sergipe em busca de uma vaga na terceira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Um daqueles confrontos que somente a Copinha pode nos proporcionar. O escrete verde e amarelo foi o de número 646 a fazer parte da coleção.


Esporte Clube Água Santa (sub-20) - Diadema/SP


Estanciano Esporte Clube (sub-20) - Estância/SE


Quarteto de arbitragem e capitães dos times

Na primeira fase, o clube da cidade de Estância terminou como vice-líder do Grupo 29, que foi disputado em Itararé. A equipe venceu o Guaratinguetá, empatou com o Londrina e, mesmo perdendo para o Juventude, foi beneficiada pelo inesperado empate do Guará com o Tubarão. Já o onze diademense venceu Porto de Caruaru e Santo André e foi derrotado pelo Criciúma, terminando como primeiro do Grupo 30.

Diferente da preliminar, o jogo de fundo teve emoção de sobra e uma presença maciça da torcida do Netuno. Os sergipanos deram o sangue e se mostraram adversários de respeito. O Água foi mais time, ficou mais tempo com a bola nos pés, só que mostrou muita afobação. O Estanciano foi comendo pelas beiradas esperando uma "daquelas" chances. Foi aos 25 minutos que o camisa 11 André nos presenteou com uma pintura, abrindo o placar a favor dos nordestinos com um golaço de bicicleta.


Chute de longe no ataque diademense


Ataque do Água pela esquerda e o belo contraste dos uniformes


Bola que passou perto do gol defendido pelo arqueiro sergipano

O Netuno tentou a igualdade ainda no tempo inicial, porém não teve sucesso. No intervalo, a partida mostrava a vitória parcial dos visitantes pela contagem mínima. Pro tempo final não esperava outra atitude a não ser ataque atrás de ataque por parte dos locais. Logo aos sete minutos Felipe colocou ordem na casa e deixou tudo igual. A partir daí, o Estanciano se encolheu e viu o domínio total e irrestrito dos paulistas.

A torcida foi ficando aflita a cada gol perdido. A cada oportunidade desperdiçada, a chance de uma nova disputa de pênaltis era cada vez maior. Felizmente para o pessoal que encheu as arquibancadas, a enorme insistência deu resultado aos 25 minutos quando um dos atletas locais foi derrubado dentro da área. Pênalti. O camisa 10 Gabriel bateu bem e virou o marcador. O Estanciano buscou uma nova igualdade mas não teve forças para reagir.


Camisa 13 do Netuno subindo no segundo andar na busca pelo empate


Outra bola levantada e boa saída do goleiro do Estanciano



A batida de Gabriel e a comemoração do camisa 10. Era a virada do Água Santa


Zagueiro sergipano afastando a pelota e deixando o braço no rosto do atleta paulista

Fim de jogo: Água Santa 2-1 Estanciano. O triunfo diademense colocou a equipe na terceira fase pela primeira vez e agora o adversário será o Juventude, o classificado na preliminar. Graças à agenda, teremos como ver apenas uma peleja e ainda nem temos ideia do que será. Mas em algum campo da Grande São Paulo nos faremos presentes.

Até lá!

© 2018

Nenhum comentário:

Postar um comentário