Procure no JP

quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

JP em Resende na Segundona Carioca

Fala pessoal!

Depois de mais de duas semanas sem curtir um jogo de futebol, ontem tivemos uma rodada genial aqui do JOGOS PERDIDOS. E com a companhia do Emerson, a rodada aconteceu em grande estilo, já que seguimos com a viatura #1 do JP, o "El Pibe", que estava fora de combate desde o mês de fevereiro. Naquela vez quase fomos dessa para melhor numa bela paulada que levamos na BR-116. Dez meses depois fizemos a reestréia do possante e rumamos para um jogo fantástico do Campeonato Carioca da 2ªDivisão na cidade de Resende.

O genial é que no caminho até lá visitamos um clube histórico para mais um post da série "Volta ao Passado" e mais dois estádios para os "Estádios pelo Brasil", que em breve serão postados por aqui. Bom, mas a tarde era para ver o jogo entre Resende FC e o genial Cardoso Moreira, ambos times que já garantiram espaço na elite do futebol do Rio de Janeiro em 2008. E antes de mais nada, vamos às fotos dos times posados:


Resende FC - Resende/RJ. Foto: Fernando Martinez.


Cardoso Moreira FC - Cardoso Moreira/RJ. Foto: Fernando Martinez.


Trio de arbitragem com os capitães dos times. Notem que o capitão do Cardoso Moreira é o veterano Neném, ex-Palmeiras. Foto: Fernando Martinez.

Vale registrar que fomos bem recebidos pelo pessoal de lá e também pelo pessoal do Cardoso Moreira, e inclusive tivemos a chance de conhecer o prefeito dessa cidade e parabenizar pelo sucesso no campeonato. O jogo foi válido pela penúltima rodada do Quadrangular Final do Campeonato, que também conta com os times do Macaé e do Mesquita, que também já subiram para o Carioca 2008. O jogo, que aconteceu no simpático Estádio do Trabalhador, poderia deixar um time com chances de título, caso o Mesquita perdesse do Macaé. Então mesmo com times mistos (os principais já estão esperando o Carioca, que começa em janeiro), vimos um bom jogo por lá.


Ataque do Resende no começo do jogo. Foto: Emerson Ortunho.

Mas no primeiro tempo, os times começaram o jogo de forma um pouco truncada. As chances demoraram um pouco para aparecer por lá. E quando vieram, surgiram em igual escalada para as equipes. Mas para infelicidade dos seus ataques, todas foram desperdiçadas. Entre uma chance e outra, alguma rispidez em lances no meio-de-campo.


Zaga do Cardoso Moreira tenta afastar o perigo. Foto: Fernando Martinez.


Ataque pela lateral-direita do time da casa. Foto: Fernando Martinez.

O jogo foi seguindo nesse panorama até o final do primeiro tempo. A certeza de todos por lá era que o jogo melhoraria bastante nos 45 minutos finais, já que com o empate o título do campeonato já seria praticamente do Mesquita.

Durante o intervalo descobrimos uma farmácia perto do estádio para tomarmos uma água. E praticamente um oásis foi descoberto ali, já que no estabelecimento era vendido pets dos fantásticos Guaraná Mantiqueira, Grapete e do magnífico Mineirinho. Nem precisamos dizer que fizemos o nosso tradicional contrabando de vasilhames de dois litros dos mesmos para São Paulo.


Chute perigoso do Resende no final do primeiro tempo. Foto: Fernando Martinez.

Bom, já com a sede extinta, voltamos para o estádio para curtir o segundo tempo. Posso dizer que foi um dos melhores segundos tempos do ano. Os dois times voltaram com a vontade mais do que redobrada e proporcionaram várias chances de gol. O Resende começou desperdiçando as maiores chances, inclusive com um chutaço na trave que ainda bateu na perna do goleiro do Cardoso e quase entrou.


Chute perigosíssimo do Resende que foi encontrar o travessão. Foto: Fernando Martinez.

Mas aos poucos o Cardoso passou a incomodar os anfitriões em chutes de longe, todos com perigo e grande intervenção do goleiro alvinegro. Foi um festival de lances perigosos que não deixou a torcida piscar um minuto sequer.


Goleiro do Cardoso Moreira fazendo boa intervenção. Foto: Fernando Martinez.

A partida merecia estar com um empate em três ou talvez até por quatro gols, mas teimava seguir sem a abertura de contagem. E quase nos acréscimos a sorte virou para os donos da casa. Num chute de fora da área, a bola foi interceptada com o braço dentro da área. Pênalti marcado para o Resende e com muita reclamação do pessoal visitante. Na cobrança, o camisa 18 do Resende cobrou com estilo e marcou o primeiro gol dos donos da casa. Festa em Resende e na saida o Cardoso ainda tentou o empate, mas já era tarde.


Lance do único gol do jogo, que deixa o Resende ainda com chances de título. Foto: Fernando Martinez.

Final de jogo: Resende 1-0 Cardoso Moreira. O Resende agora vai decidir o título da Segundona Carioca contra o Mesquita, que perdeu seu jogo de ontem, no próximo final-de-semana. Emoção até a última rodada! Bom, depois do jogo eu e o Emerson voltamos paraSão Paulo com uma chuva incrível por todo o caminho através da Via Dutra. Mas de novo com a certeza da missão cumprida. E com a feliz reestréia do "El Pibe" pelas estradas do Brasil. E muito mais vem por aí...

Até mais

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário