Procure no JP

segunda-feira, 23 de abril de 2018

Com reservas, Corinthians vence o Nacional no sub-20

Texto e fotos: Fernando Martinez


No último sábado o que mais tinha era opção pra ver futebol na Grande São Paulo. Pensando de forma prática decidi pelo destino mais fácil, o Estádio Nicolau Alayon. Em campo, um duelo de responsa entre Nacional e Corinthians pela segunda rodada do Campeonato Paulista sub-20 da Primeira Divisão, direto do Grupo 4.

Ambos tem bastante tradição na categoria e até decidiram uma Copa São Paulo de Futebol Júnior (em 2005, com vitória alvinegra por 3x1). Já no estadual, e contando os confrontos desde a reorganização de 1980, o retrospecto é todo corintiano: 15 jogos, seis triunfos do escrete de Parque São Jorge, sete empates e duas vitórias nacionalinas, a última em 1996. Além disso, o time da Água Branca nunca venceu como mandante.

Se dependesse da estreia, esse tabu seria mantido em 2018. O Nacional sofreu uma goleada de 4x0 pro Juventus enquanto o Corinthians derrotou o Grêmio Osasco sem problemas pelo placar de 3x0. Mesmo sem utilizar os titulares, poupados pro duelo da Copa do Brasil contra o Flamengo, o Mosqueteiro era favorito.


Nacional Atlético Clube (sub-20) - São Paulo/SP


Sport Club Corinthians Paulista (sub-20) - São Paulo/SP


Capitães dos times e quarteto de arbitragem

Um público bom foi até a Comendador Souza, incluindo Mílton Haddad, Ricardo Pucci e o jovem promissor Luigi. Todos viram os visitantes começarem bem melhor e abrirem o marcador logo no oitavo minuto com o camisa 7 Adson.

Ainda em formação, o Nacional jogou com um onze titular bastante diferente do que na Rua Javari. Se não teve grande destaque no campo ofensivo, pelo menos a defesa conseguiu segurar bem a onda e a pressão corintiana não deu mais resultado no tempo inicial.

No tempo final a partida estava relativamente equilibrada quando o Corinthians fez o segundo gol. Quem marcou foi Victor, camisa 10, aos 21 minutos. Na base da insistência o Nacional diminuiu aos 32 com Josué. Os locais se mandaram pro ataque sonhando com o empate. Só que William sepultou as esperanças do clube da Água Branca aos 41 com o terceiro gol alvinegro.


Falta pro Corinthians no começo de peleja


Lance do primeiro gol alvinegro, marcado aos oito do primeiro tempo


Ataque corintiano pela direita enquanto um defensor nacionalino curtia o sol deitado dentro da área


Franklin, camisa 4 do Mosqueteiro, relembrando os tempos clássicos do futebol com chuteira preta e camisa pra dentro do calção


Investida do Nacional pela esquerda no segundo tempo


Ofensiva visitante no final da partida

No fim, tabu mantido com o placar de Nacional 1-3 Corinthians. O Timão é o líder do Grupo 4 junto com o São Paulo enquanto os ferroviários estão na lanterna. Temos pouco mais de dois meses até o final da primeira fase do sub-20 e pelo menos quatro equipes se classificam para a segunda fase.

Foi isso. Passei o restante do sábado na boa e no domingo encerrei os trabalhos no final de semana de novo com peleja do Corinthians, mas agora pelo Paulista Feminino.

Até lá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário