Procure no JP

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

JP na Copa São Roque (parte 3 de 4): Vitória do Betim em cima do Barça paulistano

Fala, pessoal!

Após a vitória do Tigre do ABC em cima do Lemense, a equipe "JP & Amigos" presente em São Roque tinha uma hora e meia livre até o horário marcado para o primeiro jogo da sessão vespertina. Metade do pessoal foi fazer a rapa num saldão de camisas de futebol no centro da cidade, enquanto eu fiquei, junto com o Nílton e o meu xará, numa padoca perto do Quintino de Lima fazendo uma boquinha merecida, já que não tínhamos tomado café da manhã.

Satisfeitos e sem pressa alguma, voltamos ao estádio para assistir o jogo que foi o real motivo da minha visita. Afinal de contas, não tinha como perder o duelo entre o Barcelona paulistano e o genial Betim FC pela segunda rodada do Grupo D da Copa São Roque 2011. Nesse ano incluí poucas equipes na minha Lista, e uma chance de matar uma equipe desse gabarito assim do nada é algo raro de se ver.

Fomos novamente bem recebidos pelo pessoal do Barça e também pelo time mineiro. Conversamos bastante com o técnico da equipe visitante, e que exerce essa função há dois meses. Soubemos que os jogadores que estão disputando essa competição em São Roque serão avaliados para uma futura utilização na segundona mineira em 2012. Aliás, o Betim FC foi fundado em 2006 e já disputou o campeonato estadual por três vezes (2007, 2009 e nesse ano), sem conseguir muito sucesso.


Escudo do Betim Futebol Clube, um tanto quanto raro pela internet. Foto: Fernando Martinez.

Após esse papo com todos os envolvidos na peleja, fomos fazer as imagens oficiais das equipes, exclusivas aqui no JP. Ah, fica o destaque para o belíssimo uniforme do time mineiro, que já virou sonho de consumo para o que vos escreve.


Betim FC (sub-18) - Betim/MG. Foto: Fernando Martinez.


Barcelona ECL (sub-18) - São Paulo/SP. Foto: Fernando Martinez.

Na primeira rodada dessa chave, que também tem a participação do Juventus, a equipe mineira perdeu por 3x2 justamente para o Moleque Travesso. Uma vitória, além da reabilitação, significaria a permanência do sonho da classificação para as quartas de final do certame. O Barcelona estreava nesse jogo querendo surpreender.

Mas o primeiro tempo foi somente de estudos entre as duas equipes. O Betim mostrou mais qualidade nos passes e chegou mais perto de inaugurar o marcador. Mas o Barcelona, mesmo sendo uma equipe sem um porte físico ideal para a categoria, igualou as ações na base da raça.


Detalhe da bela camisa do Betim em ataque da equipe pela esquerda. Foto: Fernando Martinez.


Zaga do Barcelona tirando de cabeça. Foto: Fernando Martinez.

Só que o verdadeiro adversário das duas agremiações foi o calor forte demais e, para nosso desânimo, com o céu sem o menor sinal de chuva como a previsão do tempo tinha alertado. Esse bafo fez com que a gente acompanhasse a maior parte do tempo inicial de novo nas cabines de imprensa, suando em bicas. Por sorte, o tempo passou rápido e, após o apito final, fomos então convidados a matar a sede com muito Gatorade, gentilmente cedido pelo pessoal da arbitragem.


Bom público para ver o jogo entre Betim x Barcelona no Quintino de Lima. Foto: Fernando Martinez.


Agora a vez da zaga mineira afastar o perigo. Foto: Fernando Martinez.

Para o segundo tempo já estávamos numa situação melhor, e vimos os 40 minutos mais animados e disputados do dia. O Betim começou arrepiando a defesa do Barcelona e marcou o primeiro gol aos 3 minutos num chutaço de fora da área do camisa 10. Não demorou muito e a equipe mineira fez 2x0, agora em cobrança de pênalti.


Segundo gol do Betim na partida. Foto: Fernando Martinez.

Parecia que o Barcelona tomaria uma goleada, mas a equipe voltou a demonstrar uma enorme raça e não deixou que a equipe visitante deslanchasse no marcador. Aos 16 minutos o onze paulistano fez o primeiro numa cobrança de pênalti de Patrik. O Barça se lançou ao ataque tentando chegar ao empate, mas sofreu um duro golpe aos 27 minutos, quando o Betim teve um pênalti bobo marcado a seu favor. A cobrança do camisa 9 foi perfeita.


Bola alçada na área do Betim e segundos depois, um pênalti seria marcado para o time paulista. Foto: Fernando Martinez.


Primeiro gol do Barcelona. Foto: Fernando Martinez.

Ainda mostrando que estava vivo na partida, o Barcelona fez o segundo aos 31 minutos, com Marcos aproveitando o rebote do goleiro mineiro e chutando forte para diminuir. Após o gol, os atletas do Betim se mostraram nervosos demais, e o árbitro Guilherme Ceretta de Lima mostrou vários cartões amarelos e vermelhos. Com dois atletas a mais (três jogadores do Betim ganharam o vermelho, enquanto o Barça teve um expulso), o escrete paulistano tentou de todas as formas chegar ao empate, mas não conseguiu, mesmo criando boas oportunidades.


Terceiro gol do Betim aos 31 minutos do segundo tempo. Foto: Fernando Martinez.

Final de jogo: Betim FC 3-2 Barcelona. A vitória deixou o time mineiro dependendo de um empate no jogo entre Juventus e o Barça para conquistar seu lugar nas quartas de final junto com o Moleque Travesso. Ao time da zona sul da capital bandeirante resta ganhar por uma diferença de dois gols, ou um gol a partir de 4x3. Tarefa complicada!

Bom, mas o dia ainda não tinha terminado, e agora era a vez de uma estreia oficial acontecer no Quintino de Lima.

Até lá!

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário