Procure no JP

domingo, 21 de dezembro de 2008

Corinthians e Santos empatam na disputa do primeiro jogo pelo 3º lugar do Paulista Feminino

Boa tarde!

Mais uma vez eu - The Watcher - tenho o enorme prazer de participar das páginas virtuais do JOGOS PERDIDOS. Fui convocado para uma partida realmente perdida demais na última sexta-feira à tarde e dei um jeito nos meus compromissos particulares para acompanhar tal peleja. Mesmo com o título do Campeonato Paulista Feminino já decidido em favor do Botucatu FC (e que teve cobertura do Orlando), Corinthians e Santos, que foram derrotados nas semifinais, entraram em campo no Estádio Conde Rodolfo Crespi para definir o terceiro e quarto lugares da competição. Tudo pois o estado de São Paulo tem três vagas para a Copa do Brasil feminina, e o vencedor dessa disputa irá para a competição nacional.

Mesmo tendo sido campeão do torneio dois dias antes dessa partida, o Santos não tem participação assegurada em 2009. Portando mesmo sendo um jogo praticamente "fantasma", já que uma sexta-feira à tarde com futebol feminino passou despercebida por 99,9% do pessoal por aí, a partida prometia bastante. Como não poderia deixar de acontecer, eu fiz as honras e fiz as fotos oficiais do jogo, cortesia do JP:


SC Corinthians P (feminino) - São Paulo/SP. Foto: The Watcher.


Santos FC (feminino) - Santos/SP. Foto: The Watcher.


O trio de arbitragem da partida com as capitãs das equipes. Foto: The Watcher.

Dentro do campo de jogo vi todos os ingredientes que um bom clássico pode ter: muita luta e rivalidade em campo. Mas o Santos tem melhor time, e nos primeiros 10 minutos de jogo colocou três bolas na trave do arco corintiano, assustando a zaga do Parque São Jorge e levando à loucura a boa torcida santista presente por lá. O Corinthians foi acordando aos poucos, mas sem nenhuma chance efetiva de gol. A primeira delas veio na metade do primeiro tempo, com a atacante Cristiane aparecendo livre, mas chutando em cima da goleira santista.


Zaga santista afastando o perigo. Foto: The Watcher.


Goleira do Santos saindo para neutralizar ataque corintiano. Foto: The Watcher.

O jogo ficou bastante equilibrado, com o time corintiano tocando bem a bola em toques rápidos do seu ataque e com o Santos levando perigo em contra-ataques precisos. Mas nada disso se traduzia em gols, e só nos acréscimos a torcida fez a festa na Javari. E a zaga corintiana, provavelmente no espírito natalino, resolveu presentear o ataque santista com o primeiro gol dos visitantes. Numa bola que era toda da zaga, as meninas bateram cabeça e a bola sobrou livre para a bela camisa 20 santista, Maurine. Ela entrou sozinha e tocou na saída da goleira Viviane. Santos 1 a 0 e intervalo de jogo.


Mais uma vez a atenta zaga santista chutando para longe bola do ataque do time da casa. Foto: The Watcher.


Primeiro chute com perigo para o gol santista, em ótima defesa da goleira praiana. Foto: The Watcher.

Aproveitando o descanso dos times fui tomar uma água numa banca de jornal lá perto. na volta, encontrei um grande amigo perdido nas imediações da Javari, que nem sabia que estava tendo jogo por lá. Depois de alguns minutos de conversa, voltei ao estádio para o segundo tempo. Mas não fiquei dentro do campo dessa vez, e sim fui me instalar nas cabines de imprensa do estádio. E o segundo tempo foi ainda melhor do que o primeiro.

O Corinthians tentava o empate, mas pecava sempre no toque final. O Santos, com seu ótimo time, chegava com perigo e assustava sempre a zaga corintiana. O mais legal desse segundo tempo foi acompanhar a "disputa" das torcidas nas arquibancadas. De um lado jogadoras santistas uniformizadas e do outro as jogadoras do time feminino do Juventus, todas torcendo para o alvinegro. Sem ofensa, e muito menos brigas, os dois grupos rivalizavam em cantos sem ofensa nenhuma, só ficando na brincadeira mesmo. Saudade dos tempos que isso acontecia também em jogos masculinos.

A peleja foi seguindo sem mais gols, mas de repente uma avalanche de tentos foram assinalados. Em quatro minutos, três gols deixaram todos eletrizados por lá. Aos 26 minutos, o Santos ampliou em mais uma bobeada corintiana. Depois de escanteio da esquerda, a jogadora Aline Pelegrino subiu sozinha e cabeceou no canto direito do gol. Santos 2 a 0 e a classificação corintiana mais longe. Mas o time do Parque São Jorge não se abateu, e na saída de bola marcou o primeiro, com a jogadora Andreza chutando forte depois de rebote da goleira Kaká.


Ótima chance do Corinthians interceptada pela zaga santista. Foto: The Watcher.

E o que parecia impossível aconteceu aos 29 minutos, quando a atacante Cristiane, o destaque absoluto do time, recebeu cruzamento da esquerda e cabeceou com estilo no canto esquerdo de Kaká, que nem se mexeu. O Corinthians conseguia o empate apenas três minutos após do segundo gol santista. Bastante animadas, as corintianas foram com tudo pra cima do Santos, mas não conseguiram mais furar o bloqueio santista, feliz com o empate fora de casa.

Final de jogo: Corinthians 2-2 Santos. O time do Parque São Jorge conseguiu uma reação fantástica, mas isso não adiantou muito, já que no segundo jogo, disputado nesse domingo, as Sereias da Vila venceram por 3 a 1 e se classificou para a Copa do Brasil 2009. Um merecido prêmio para o time santista, realmente o melhor do Brasil na atualidade.

Após essa partida fui matar a saudade da famosa pizzaria que fica ao lado da Javari e degustei um dos melhores exemplares de pizza da cidade de São Paulo. E honrado por participar desse final de ano aqui no blog só tenho que desejar um Feliz Natal e um próspero Ano Novo aos fãs do blog. Deixo um obrigado aos amigos do JP que me dão espaço por aqui e sempre que for chamado, espero poder contribuir com os posts desse magnífico blog! Até 2009!

Excelsior

The Watcher

Nenhum comentário:

Postar um comentário