Procure no JP

quarta-feira, 1 de janeiro de 2020

Guia JP da Copa São Paulo 2020 (Parte 4 de 4)

Texto e pesquisa: Fernando Martinez


Fechando o Guia JP da Copa São Paulo 2020, agora seguem os grupo 25 a 32. Tudo bem, eu sei que o Flamengo desistiu do certame e ontem a FPF divulgou que não colocará ninguém no lugar, só que por conta do trabalho que fiz, deixo as informações históricas sobre a agremiação no Grupo 25 que será disputado em Diadema. Sem o rubro-negro, temos Cruzeiro, São Paulo, Nacional e Portuguesa como antigos campeões.


Grupo 25 | Diadema

Número de vezes que foi sede: 3 (2017-2019)
Número de jogos que recebeu: 26
Número de estádios utilizados: 1 (Distrital do Inamar)

Flamengo/RJ

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 13º com 260 pontos

Número de participações: 33
Primeira/Última participação: 1977/2019

Melhor colocação: Campeão em 1990, 2011, 2016 e 2018

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 156 (81-34-41)
Gols pró-Gols contra (saldo): 323-174 (149)

Maior vitória: 11x1 Ypiranga/PE (09/01/08, Barão de Serra Negra)
Maior derrota: 0x4 Cruzeiro (24/01/98, Quintino de Lima)

Maior sequência de vitórias: 8 (entre 09/01/18 e 03/01/19)
Maior série invicta: 22 jogos (entre 03/01/10 e 15/01/14)
Maior sequência de derrotas: 4 (duas vezes: entre 18/01/91 e 08/01/94 e entre 21/01/98 e 09/01/99)
Maior série sem vencer: 4 jogos (quatro vezes: entre 30/11/82 e 09/12/82, entre 18/01/91 e 08/01/94, entre 21/01/98 e 09/01/99 e entre 03/01/12 e 05/01/13)

Retrospecto contra times de São Paulo: 89j-45v-19e-25d
Retrospecto contra times do Amapá: 1j-1v-0e-0d
Retrospecto contra times da Bahia: 4j-3v-1e-0d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 10 (8-2)

Água Santa

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 83º com 31 pontos

Número de participações: 4
Primeira/Última participação: 2016/2019

Melhor colocação: 21º lugar em 2017

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 19 (9-4-6)
Gols pró-Gols contra (saldo): 32-22 (10)

Maior vitória: 4x1 Jacobina (03/01/19, Distrital do Inamar)
Maior derrota: 2x4 Aquidauanense (06/01/19, Distrital do Inamar)

Maior sequência de vitórias: 3 (entre 02/01/16 e 06/01/16)
Maior série invicta: 4 jogos (entre 11/01/17 e 05/01/18)
Maior sequência de derrotas: 2 (entre 06/01/19 e 10/01/19)
Maior série sem vencer: 4 jogos (entre 06/01/19 e 14/01/19)

Retrospecto contra times do Rio de Janeiro: 2j-1v-1e-1d
Retrospecto contra times do Amapá: Nunca jogou
Retrospecto contra times da Bahia: 1j-1v-0e-0d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 3 (1-2)

Trem/AP

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 240º com 4 pontos

Número de participações: 4
Primeira/Última participação: 2006/2019

Melhor colocação: 54º lugar em 2006

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 12 (1-1-10)
Gols pró-Gols contra (saldo): 12-32 (-20)

Maior vitória: 3x1 EC Osasco (04/01/06, José Liberatti)
Maior derrota: 0x4 Internacional (03/01/19, Plínio Marin)

Maior sequência de vitórias: 1 (nunca venceu dois jogos seguidos)
Maior série invicta: 1 (nunca ficou dois jogos sem perder)
Maior sequência de derrotas: 9 (entre 07/01/06 e 03/01/19)
Maior série sem vencer: 11 jogos (entre 07/01/06 e 09/01/19)

Retrospecto contra times de São Paulo: 7j-1v-1e-5d
Retrospecto contra times do Rio de Janeiro: 2j-0v-0e-2d
Retrospecto contra times da Bahia: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 0 (0-0)

Vitória da Conquista

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 349º com 1 ponto

Número de participações: 3
Primeira/Última participação: 2016/2019

Melhor colocação: 104º lugar em 2016

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 9 (0-1-8)
Gols pró-Gols contra (saldo): 6-27 (-21)

Maior vitória: Nunca venceu
Maior derrota: 0x5 Marília (02/01/16, Bento de Abreu) e 0x5 Joinville (03/01/17, Jaime Cintra)

Maior sequência de vitórias: Nunca venceu
Maior série invicta: 1 (nunca ficou dois jogos sem perder)
Maior sequência de derrotas: 8 (entre 02/01/16 e 06/01/19)
Maior série sem vencer: 9 jogos (entre 02/01/16 e 09/01/19)

Retrospecto contra times de São Paulo: 5j-0v-0e-5d
Retrospecto contra times do Rio de Janeiro: Nunca jogou
Retrospecto contra times do Amapá: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 0 (0-0)


Grupo 26 | Mauá

Número de vezes que foi sede: 2 (1985-1986)
Número de jogos que recebeu: 11
Número de estádios utilizados: 1 (Pedro Benedetti)

Avaí

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 32º com 104 pontos

Número de participações: 14
Primeira/Última participação: 2003/2019

Melhor colocação: 4º lugar em 2009

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 60 (30-14-16)
Gols pró-Gols contra (saldo): 116-84 (32)

Maior vitória: 7x0 Inter de Limeira (03/01/19, Rua Javari)
Maior derrota: 0x5 São Paulo (09/01/10, Alfredo Chiagevatto)

Maior sequência de vitórias: 5 (duas vezes: entre 07/01/09 e 20/01/09 e entre 04/01/17 e 13/01/17)
Maior série invicta: 8 jogos (entre 07/01/09 e 06/01/10)
Maior sequência de derrotas: 2 (duas vezes: entre 09/01/10 e 05/01/12 e entre 09/01/13 e 12/01/13)
Maior série sem vencer: 7 jogos (entre 23/01/09 e 11/01/12)

Retrospecto contra times de São Paulo: 32j-17v-8e-7d
Retrospecto contra times do Ceará: Nunca jogou
Retrospecto contra times do Mato Grosso do Sul: 2j-0v-2e-0d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 5 (3-2)

Atlético Cearense

Posição na tábua de classificação 1969/2019: Estreante

Mauá FC

Posição na tábua de classificação 1969/2019: Estreante

Nova Andradina

Posição na tábua de classificação 1969/2019: Estreante


Grupo 27 | Barueri

Número de vezes que foi sede: 22 (1994, 1998-2009, 2011-2019)
Número de jogos que recebeu: 181
Número de estádios utilizados: 4 (Arena Barueri, 99 jogos; Orlando Baptista Novelli, 69 jogos; Vila Porto, 10 jogos, Alphaville Tênis Clube, 3 jogos)

Cruzeiro

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 6º com 316 pontos

Número de participações: 40
Primeira/Última participação: 1972/2019

Melhor colocação: Campeão em 2007

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 177 (95-42-40)
Gols pró-Gols contra (saldo): 358-187 (171)

Maior vitória: 14x0 Vasco de Itapecerica da Serra (20/10/73, Nicolau Alayon)
Maior derrota: 1x5 América/SP (10/01/06, Benedito Teixeira)

Maior sequência de vitórias: 7 (entre 10/01/01 e 20/01/02)
Maior série invicta: 18 jogos (entre 16/01/07 e 17/01/09)
Maior sequência de derrotas: 3 (duas vezes: entre 14/01/84 e 08/01/85 e entre 10/01/93 e 08/01/94)
Maior série sem vencer: 9 jogos (entre 14/01/84 e 07/01/90)

Retrospecto contra times de São Paulo: 99j-52v-22e-25d
Retrospecto contra times de Sergipe: 1j-1v-0e-0d
Retrospecto contra times de Goiás: 1j-0v-0e-1d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 13 (8-5)

Trindade

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 104º com 23 pontos

Número de participações: 3
Primeira/Última participação: 2017/2019

Melhor colocação: 18º lugar em 2019

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 13 (7-2-4)
Gols pró-Gols contra (saldo): 20-14 (6)

Maior vitória: 4x0 Bragantino (09/01/18, Francisco Ribeiro Nogueira)
Maior derrota: 1x4 Figueirense (13/01/19, Alfredo Chiavegatto)

Maior sequência de vitórias: 4 (entre 03/01/19 e 11/01/19)
Maior série invicta: 4 jogos (entre 03/01/19 e 11/01/19)
Maior sequência de derrotas: 1 (nunca perdeu dois jogos seguidos)
Maior série sem vencer: 3 jogos (entre 11/01/17 e 06/01/18)

Retrospecto contra times de São Paulo: 6j-4v-1e-1d
Retrospecto contra times de Minas Gerais: Nunca jogou
Retrospecto contra times de Sergipe: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 0 (0-0)

Sergipe

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 134º com 16 pontos

Número de participações: 10
Primeira/Última participação: 1990/2019

Melhor colocação: 29º lugar em 1990

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 34 (4-4-26)
Gols pró-Gols contra (saldo): 36-95 (-59)

Maior vitória: 6x0 Palmas (10/01/12, Arena Barueri)
Maior derrota: 0x6 São Paulo (08/01/91, Morumbi) e 0x6 Juventus (11/01/09, Décio Vitta)

Maior sequência de vitórias: 2 (entre 10/01/12 e 03/01/17)
Maior série invicta: 3 jogos (entre 07/01/12 e 03/01/17)
Maior sequência de derrotas: 13 (entre 07/01/01 e 04/01/12)
Maior série sem vencer: 21 jogos (entre 09/01/90 e 07/01/12)

Retrospecto contra times de São Paulo: 21j-1v-2e-18d
Retrospecto contra times de Minas Gerais: 1j-0v-0e-1d
Retrospecto contra times de Goiás: 1j-0v-0e-1d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 1 (0-1)

Oeste

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 157º com 11 pontos

Número de participações: 2
Primeira/Última participação: 2018/2019

Melhor colocação: 43º lugar em 2019

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 7 (3-2-2)
Gols pró-Gols contra (saldo): 9-9 (-0)

Maior vitória: 3x1 São Raimundo/RR (06/01/19, Arena Barueri)
Maior derrota: 0x2 Flamengo/RJ (09/01/18, Arena Barueri)

Maior sequência de vitórias: 2 (entre 03/01/19 e 06/01/19)
Maior série invicta: 2 jogos (duas vezes: 03/01/18 e 06/01/18 e entre 03/01/19 e 06/01/19)
Maior sequência de derrotas: 1 (nunca perdeu dois jogos seguidos)
Maior série sem vencer: 2 jogos (entre 10/01/19 e 12/01/19)

Retrospecto contra times de Minas Gerais: Nunca jogou
Retrospecto contra times de Sergipe: 1j-1v-0e-0d
Retrospecto contra times de Goiás: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 1 (0-1)


Grupo 28 | Osasco

Número de vezes que foi sede: 20 (1988-1989, 1994, 2001-2007, 2009, 2011-2019)
Número de jogos que recebeu: 138
Número de estádios utilizados: 2 (José Liberatti, 126 jogos; Campo do SESI, 12 jogos)

Audax

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 31º com 108 pontos

Número de participações: 12
Primeira/Última participação: 2008/2019

Melhor colocação: 6º lugar em 2011 e 2013

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 55 (33-9-13)
Gols pró-Gols contra (saldo): 118-59 (59)

Maior vitória: 7x0 Ferroviária (17/01/13, Nicolau Alayon)
Maior derrota: 1x5 Taboão da Serra (16/01/14, Vereador José Feres)

Maior sequência de vitórias: 4 (três vezes: entre 06/01/08 e 15/01/08, entre 03/01/14 e 14/01/14 e entre 04/01/18 e 12/01/18)
Maior série invicta: 7 jogos (entre 15/01/13 e 14/01/14)
Maior sequência de derrotas: 3 (entre 16/01/14 e 07/01/15)
Maior série sem vencer: 3 jogos (duas vezes: entre 20/01/11 e 08/01/12 e entre 16/01/14 e 07/01/15)

Retrospecto contra times de Pernambuco: Nunca jogou
Retrospecto contra times do Pará: 1j-1v-0e-0d
Retrospecto contra times do Maranhão: 2j-2v-0e-0d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 4 (3-1)

Sport

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 33º com 103 pontos

Número de participações: 18
Primeira/Última participação: 1973/2019

Melhor colocação: 5º lugar em 2016

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 67 (32-12-23)
Gols pró-Gols contra (saldo): 104-87 (17)

Maior vitória: 6x0 União ABC/MS (06/01/16, Anísio Haddad)
Maior derrota: 0x4 Guarani (18/01/94, Aldévio Baptista Lemos) e 0x4 Iraty (09/01/05, Archangelo Brega)

Maior sequência de vitórias: 6 (entre 02/01/16 e 16/01/16)
Maior série invicta: 6 jogos (entre 02/01/16 e 16/01/16)
Maior sequência de derrotas: 3 (entre 14/01/94 e 18/01/94)
Maior série sem vencer: 6 jogos (entre 14/01/94 e 14/01/95)

Retrospecto contra times de São Paulo: 39j-17v-7e-15d
Retrospecto contra times do Pará: Nunca jogou
Retrospecto contra times do Maranhão: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 2 (0-2)

Desportiva Paraense

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 119º com 19 pontos

Número de participações: 3
Primeira/Última participação: 2016/2018

Melhor colocação: 14º lugar em 2018

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 13 (6-1-6)
Gols pró-Gols contra (saldo): 17-21 (-4)

Maior vitória: 3x0 Atlético/MG (07/01/16, Marcelo Stéfani) e 3x0 Linense (09/01/18, Tenente Carriço)
Maior derrota: 0x4 Internacioal (15/01/18, Breno Ribeiro do Val)

Maior sequência de vitórias: 2 (duas vezes: entre 05/01/16 e 07/01/16 e entre 06/01/18 e 09/01/18)
Maior série invicta: 4 jogos (entre 06/01/18 e 13/01/18)
Maior sequência de derrotas: 2 (duas vezes: entre 10/01/16 e 04/01/17 e entre 08/01/17 e 03/01/18)
Maior série sem vencer: 2 jogos (duas vezes: entre 10/01/16 e 04/01/17 e entre 08/01/17 e 03/01/18)

Retrospecto contra times de São Paulo: 6j-3v-1e-2d
Retrospecto contra times de Pernambuco: 1j-1v-0e-0d
Retrospecto contra times do Maranhão: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 1 (1-0)

Moto Club

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 133º com 16 pontos

Número de participações: 3
Primeira/Última participação: 1991/2018

Melhor colocação: 7º lugar em 2006

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 13 (5-1-7)
Gols pró-Gols contra (saldo): 17-23 (-6)

Maior vitória: 4x1 Vila Nova (15/01/06, Fonte Luminosa)
Maior derrota: 0x5 Palmeiras (05/01/18, Joaquim de Moraes Fiho)

Maior sequência de vitórias: 2 (duas vezes: entre 04/01/06 e 07/01/06 e entre 15/01/06 e 17/01/06)
Maior série invicta: 5 jogos (entre 04/01/06 e 17/01/06)
Maior sequência de derrotas: 4 (entre 09/01/91 e 15/01/91)
Maior série sem vencer: 4 jogos (entre 09/01/91 e 15/01/91)

Retrospecto contra times de São Paulo: 7j-2v-0e-5d
Retrospecto contra times de Pernambuco: 1j-0v-0e-1d
Retrospecto contra times do Pará: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 0 (0-0)


Grupo 29 | São Bernardo do Campo

Número de vezes que foi sede: 26 (1984-1986, 1990-1992, 1995, 1998-2001, 2005-2019)
Número de jogos que recebeu: 191
Número de estádios utilizados: 5 (Baetão, 131 jogos; Primeiro de Maio, 42 jogos; Volkswagen Clube, 10 jogos; Campo do Olaria, 4 jogos; Ferrazópolis, 4 jogos)

São Paulo

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 2º com 493 pontos

Número de participações: 48
Primeira/Última participação: 1971/2019

Melhor colocação: Campeão em 1993, 2000, 2010 e 2019

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 263 (165-53-45)
Gols pró-Gols contra (saldo): 590-227 (363)

Maior vitória: 10x0 Juventus/AC (07/01/08, Augusto Schmidt Filho) e 10x0 Palmas (04/01/12, Arena Barueri)
Maior derrota: 1x5 Atlético/MG (18/01/14, Arena Barueri)

Maior sequência de vitórias: 11 (entre 19/01/93 e 22/01/94)
Maior série invicta: 20 jogos (entre 15/01/93 e 22/01/95)
Maior sequência de derrotas: 4 (entre 14/02/75 e 11/01/78)
Maior série sem vencer: 5 jogos (entre 13/01/79 e 12/01/80)

Retrospecto contra times de São Paulo: 113j-67v-21e-25d
Retrospecto contra times do Rio Grande do Norte: Nunca jogou
Retrospecto contra times do Paraná: 8j-7v-1e-0d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 25 (14-11)

São Bernardo

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 118º com 20 pontos

Número de participações: 4
Primeira/Última participação: 1990/2019

Melhor colocação: 11º lugar em 1991

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 21 (5-9-7)
Gols pró-Gols contra (saldo): 20-26 (-6)

Maior vitória: 3x0 CSA (03/01/19, Baetão)
Maior derrota: 0x3 Grêmio (12/01/19, Arena Barueri)

Maior sequência de vitórias: 3 (entre 08/01/91 e 14/01/91)
Maior série invicta: 9 jogos (entre 21/01/91 e 09/01/19)
Maior sequência de derrotas: 5 (entre 06/01/90 e 14/01/90)
Maior série sem vencer: 6 jogos (entre 06/01/90 e 06/01/91)

Retrospecto contra times de São Paulo: 7j-1v-4e-2d
Retrospecto contra times do Rio Grande do Norte: 1j-0v-1e-0d
Retrospecto contra times do Paraná: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 4 (3-1)

Palmeira/RN

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 283º com 3 pontos

Número de participações: 2
Primeira/Última participação: 2015/2016

Melhor colocação: 73º lugar em 2016

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 6 (1-0-5)
Gols pró-Gols contra (saldo): 9-22 (-13)

Maior vitória: 4x0 União Mogi (03/01/16, Francisco Ribeiro Nogueira)
Maior derrota: 1x7 São Caetano (11/01/15, Antônio Soares de Oliveira)

Maior sequência de vitórias: 1 (nunca venceu dois jogos seguidos)
Maior série invicta: 1 (nunca ficou dois jogos sem perder)
Maior sequência de derrotas: 3 (entre 04/01/15 e 11/01/15)
Maior série sem vencer: 3 jogos (entre 04/01/15 e 11/01/15)

Retrospecto contra times de São Paulo: 4j-1v-0e-3d
Retrospecto contra times do Paraná: 1j-0v-0e-1d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 0 (0-0)

Operário/PR

Posição na tábua de classificação 1969/2019: Estreante


Grupo 30 | Guarulhos

Número de vezes que foi sede: 18 (1994, 1998-2000, 2006-2019)
Número de jogos que recebeu: 127
Número de estádios utilizados: 1 (Antônio Soares de Oliveira)

Santa Cruz

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 54º com 67 pontos

Número de participações: 23
Primeira/Última participação: 1981/2019

Melhor colocação: 6º lugar em 1992

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 78 (19-15-44)
Gols pró-Gols contra (saldo): 99-135 (-36)

Maior vitória: 8x1 Botafogo/PB (13/01/00, Martins Pereira)
Maior derrota: 0x6 Goiás (04/01/06, Quintino de Lima)

Maior sequência de vitórias: 3 (duas vezes: entre 15/01/91 e 13/01/92 e entre 06/01/13 e 12/01/13)
Maior série invicta: 5 jogos (entre 15/01/91 e 17/01/92)
Maior sequência de derrotas: 9 (entre 03/01/04 e 10/01/06)
Maior série sem vencer: 15 jogos (entre 15/01/92 e 08/01/97)

Retrospecto contra times de São Paulo: 46j-9v-10e-27d
Retrospecto contra times do Rio de Janeiro: 4j-3v-0e-1d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 2 (1-1)

Flamengo/SP

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 56º com 63 pontos

Número de participações: 15
Primeira/Última participação: 1999/2019

Melhor colocação: 9º lugar em 2014

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 50 (20-3-27)
Gols pró-Gols contra (saldo): 83-101 (-18)

Maior vitória: 9x0 Imagine/TO (05/01/14, Antônio Soares de Oliveira)
Maior derrota: 0x8 Palmeiras (09/01/99, Antônio Soares de Oliveira)

Maior sequência de vitórias: 4 (entre 05/01/14 e 14/01/14)
Maior série invicta: 4 jogos (entre 05/01/14 e 14/01/14)
Maior sequência de derrotas: 4 (entre 10/01/10 e 12/01/11)
Maior série sem vencer: 4 jogos (entre 10/01/10 e 12/01/11)

Retrospecto contra times de São Paulo: 19-6v-1e-12d
Retrospecto contra times do Rio de Janeiro: 3j-1v-0e-2d
Retrospecto contra times de Pernambuco: 1j-1v-0e-0d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 0 (0-0)

America/RJ

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 121º com 19 pontos

Número de participações: 7
Primeira/Última participação: 1972/2002

Melhor colocação: 9º lugar em 1972

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 20 (5-6-9)
Gols pró-Gols contra (saldo): 33-44 (-11)

Maior vitória: 5x0 Comercial/SP (14/12/71, Parque São Jorge)
Maior derrota: 0x6 Santo André (11/01/98, Bruno José Daniel)

Maior sequência de vitórias: 1 (nunca venceu dois jogos seguidos)
Maior série invicta: 4 jogos (duas vezes: entre 12/01/91 e 08/01/98 e entre 14/01/01 e 13/01/02)
Maior sequência de derrotas: 5 (entre 05/01/85 e 10/01/91)
Maior série sem vencer: 6 jogos (duas vezes: entre 25/11/72 e 10/01/91 e entre 14/01/91 e 10/01/01)

Retrospecto contra times de São Paulo: 12j-3v-3e-6d
Retrospecto contra times de Pernambuco: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 0 (0-0)

Guarulhos

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 137º com 15 pontos

Número de participações: 5
Primeira/Última participação: 1998/2019

Melhor colocação: 28º lugar em 1998

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 16 (4-3-9)
Gols pró-Gols contra (saldo): 16-33 (-17)

Maior vitória: 2x0 Madureira (09/01/19, Antônio Soares de Oliveira)
Maior derrota: 0x4 São Paulo (12/01/00, Antônio Soares de Oliveira) e 0x4 Goiás (03/01/18, Antônio Soares de Oliveira)

Maior sequência de vitórias: 1 (nunca venceu dois jogos seguidos)
Maior série invicta: 2 jogos (duas vezes: entre 05/01/00 e 08/01/00 e entre 06/01/18 e 09/01/18)
Maior sequência de derrotas: 3 (duas vezes: entre 06/01/17 e 03/01/18 e entre 12/01/18 e 06/01/19)
Maior série sem vencer: 4 jogos (duas vezes: entre 11/01/98 e 12/01/00 e entre 09/01/18 e 06/01/19)

Retrospecto contra times de São Paulo: 6j-2v-0e-4d
Retrospecto contra times do Rio de Janeiro: 2j-1v-0e-1d
Retrospecto contra times de Pernambuco: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 0 (0-0)


Grupo 31 | São Paulo (Nicolau Alayon)

Número de vezes que foi sede: 37 (1974-1977, 1983-2000, 2004-2019)
Número de jogos que recebeu: 284

Nacional/SP

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 18º com 203 pontos

Número de participações: 46
Primeira/Última participação: 1969/2019

Melhor colocação: Campeão em 1972 e 1988

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 176 (62-47-67)
Gols pró-Gols contra (saldo): 223-229 (-6)

Maior vitória: 5x1 Palmeiras (24/01/69, CEE Vicente Ítalo Feola) e 5x1 Atlético/PR (27/11/73, Nicolau Alayon)
Maior derrota: 0x6 Flamengo/RJ (11/01/17, Anacleto Campanella)

Maior sequência de vitórias: 4 (entre 07/01/06 e 10/01/07)
Maior série invicta: 11 jogos (entre 11/01/91 e 18/01/92)
Maior sequência de derrotas: 6 (entre 06/01/17 e 09/01/18)
Maior série sem vencer: 12 jogos (entre 18/01/76 e 13/01/79)

Retrospecto contra times de São Paulo: 68j-21v-19e-28d
Retrospecto contra times do Ceará: 1j-1v-0e-0d
Retrospecto contra times da Bahia: 9j-3v-1e-5d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 11 (9-2)

São Caetano

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 36º com 98 pontos

Número de participações: 20
Primeira/Última participação: 1993/2019

Melhor colocação: 6º lugar em 2015

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 70 (27-18-25)
Gols pró-Gols contra (saldo): 145-113 (32)

Maior vitória: 9x1 Radium (09/01/02, São Sebastião)
Maior derrota: 0x4 Corinthians (10/01/93, Anacleto Campanella) e 0x4 Pão de Açúcar (09/01/11, José Silveira Nunes)

Maior sequência de vitórias: 3 (quatro vezes: entre 09/01/02 e 04/01/04, entre 07/01/15 e 15/01/15, entre 07/01/16 e 06/01/17 e entre 07/01/19 e 12/01/19)
Maior série invicta: 6 jogos (três vezes: entre 09/01/02 e 05/01/05, entre 05/01/16 e 11/01/17 e entre 09/01/18 e 14/01/19)
Maior sequência de derrotas: 3 (três vezes: entre 10/01/01 e 06/01/02, entre 05/01/11 e 12/01/11 e entre 13/01/17 e 06/01/18)
Maior série sem vencer: 8 jogos (entre 05/01/05 e 11/01/07)

Retrospecto contra times de São Paulo: 27j-11v-6e-10d
Retrospecto contra times do Ceará: 1j-0v-0e-1d
Retrospecto contra times da Bahia: 2j-1v-1e-0d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 3 (1-2)

Ceará

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 60º com 58 pontos

Número de participações: 13
Primeira/Última participação: 1973/2019

Melhor colocação: 13º lugar em 2016

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 46 (16-10-20)
Gols pró-Gols contra (saldo): 59-74 (-15)

Maior vitória: 6x0 Rio Branco/AC (06/01/18, Baetão)
Maior derrota: 0x5 São Paulo (03/01/09, Augusto Schmidt Filho), 0x5 Desportivo Brasil (03/01/10, Julien Fouque) e 0x5 Palmeiras (14/01/15, Major José Levi Sobrinho)

Maior sequência de vitórias: 2 (cinco vezes: entre 08/01/14 e 11/01/14, entre 08/01/15 e 11/01/15, entre 04/01/16 e 06/01/16, entre 04/01/17 e 06/01/17 e entre 03/01/18 e 06/01/18)
Maior série invicta: 5 jogos (entre 09/01/13 e 11/01/14)
Maior sequência de derrotas: 4 (duas vezes: entre 08/01/85 e 07/01/19 e entre 06/01/11 e 05/01/12)
Maior série sem vencer: 7 jogos (duas vezes: entre 09/12/72 e 07/01/09 e entre 03/01/10 e 05/01/12)

Retrospecto contra times de São Paulo: 26j-8v-6e-12d
Retrospecto contra times da Bahia: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 1 (1-0)

Canaã/BA

Posição na tábua de classificação 1969/2019: Estreante


Grupo 32 | São Paulo (Canindé)

Número de vezes que foi sede: 20 (1979-1980, 1982-1985, 1988-1995, 1997-1999, 2002, 2018-2019)
Número de jogos que recebeu: 121

Portuguesa

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 8º com 293 pontos

Número de participações: 48
Primeira/Última participação: 1971/2019

Melhor colocação: Campeão em 1991 e 2002

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 198 (90-56-52)
Gols pró-Gols contra (saldo): 337-248 (89)

Maior vitória: 8x0 Mixto (06/01/02, Antônio Fernandes) e 8x0 Atlético/RR (10/01/10, Antônio Soares de Oliveira)
Maior derrota: 0x6 Botafogo/RJ (12/12/70, CEE Vicente Ítalo Feola)

Maior sequência de vitórias: 9 (entre 05/01/91 e 26/01/91)
Maior série invicta: 20 jogos (entre 07/01/01 e 15/01/04)
Maior sequência de derrotas: 3 (três vezes: entre 14/12/80 e 06/12/81, entre 17/01/95 e 10/01/96 e entre 07/01/16 e 06/01/17)
Maior série sem vencer: 6 jogos (duas vezes: entre 11/01/95 e 13/01/96 e entre 03/01/16 e 08/01/17)

Retrospecto contra times de São Paulo: 93j-36v-33e-24d
Retrospecto contra times do Paraná: 7j-4v-3e-0d
Retrospecto contra times de Alagoas: 4j-1v-3e-0d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 13 (7-6)

Coritiba

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 22º com 188 pontos

Número de participações: 30
Primeira/Última participação: 1971/2019

Melhor colocação: 3º lugar em 2012

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 119 (54-31-34)
Gols pró-Gols contra (saldo): 232-159 (73)

Maior vitória: 10x0 União Barbarense (02/01/16, Alfredo de Castilho)
Maior derrota: 0x4 Fluminense (22/01/12, Luís Augusto de Oliveira)

Maior sequência de vitórias: 4 (entre 04/01/12 e 15/01/12)
Maior série invicta: 14 jogos (entre 11/01/14 e 11/01/17)
Maior sequência de derrotas: 3 (três vezes: entre 04/01/98 e 11/01/98, entre 17/01/99 e 09/01/00 e entre 15/01/08 e 07/01/09)
Maior série sem vencer: 5 jogos (quatro vezes: entre 23/01/71 e 12/10/71, entre 12/01/97 e 06/01/99, entre 13/01/99 e 12/01/00 e entre 20/01/04 e 12/01/05)

Retrospecto contra times de São Paulo: 66j-29v-18e-19d
Retrospecto contra times de Alagoas: 4j-2v-1e-1d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 12 (4-8)

São Bento

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 91º com 28 pontos

Número de participações: 9
Primeira/Última participação: 1988/2019

Melhor colocação: 14º lugar em 2007

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 29 (9-2-18)
Gols pró-Gols contra (saldo): 45-70 (-25)

Maior vitória: 5x1 Gama (10/01/07, Quintino de Lima) e 5x1 Brasiliense (09/01/08, Julien Fouque)
Maior derrota: 0x5 Sobradinho (06/01/06, Gilberto Siqueira Lopes) e 0x5 Goiás (03/01/19. Nicolau Alayon)

Maior sequência de vitórias: 2 (entre 07/01/07 e 10/01/07)
Maior série invicta: 2 jogos (duas vezes: entre 07/01/07 e 10/01/07 e entre 06/01/08 e 09/01/08)
Maior sequência de derrotas: 5 (entre 02/01/16 e 06/01/17)
Maior série sem vencer: 5 jogos (duas vezes: entre 02/01/16 e 06/01/17 e entre 03/01/18 e 06/01/19)

Retrospecto contra times de São Paulo: 11j-2v-2e-7d
Retrospecto contra times do Paraná: 1j-0v-0e-1d
Retrospecto contra times de Alagoas: Nunca jogou

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 0 (0-0)

CSA

Posição na tábua de classificação 1969/2019: 128º com 17 pontos

Número de participações: 7
Primeira/Última participação: 2000/2019

Melhor colocação: 30º lugar em 2019

Jogos (vitórias-empates-derrotas): 23 (4-5-14)
Gols pró-Gols contra (saldo): 23-55 (-32)

Maior vitória: 2x0 ABC (06/01/19, Baetão)
Maior derrota: 0x8 São Caetano (10/01/12, Vereador José Feres)

Maior sequência de vitórias: 2 (entre 06/01/19 e 09/01/19)
Maior série invicta: 3 jogos (entre 06/01/19 e 12/01/19)
Maior sequência de derrotas: 4 (entre 04/01/12 e 03/01/19)
Maior série sem vencer: 7 jogos (entre 03/01/10 e 03/01/19)

Retrospecto contra times de São Paulo: 13j-2v-2e-9d
Retrospecto contra times do Paraná: 2j-0v-0e-2d

Decisões por pênaltis (vitórias-derrotas): 1 (1-0)

...

As outras partes do Guia estão aqui:

Nenhum comentário:

Postar um comentário